Mineralogia óxidos e hidróxidos

Mineralogia óxidos e hidróxidos

1. DEFINIÇÃO DE ÓXIDOS

Neste vies Klin fala os óxidos resulta m da co mbinação do oxigênio co m metais e metalóides, pode m ser divididos e m óxidos simples, óxidos múltiplos, óxidos contendo hidroxila e hidróxidos. Estão presentes na rochasígneas, sedimentares e meta mórficas.

2. VERIFICANDO A DUREZA 2. VERIFICANDO A DUREZA

3. ESTRUTURAS NATURAIS DIVERSAS 3. ESTRUTURAS NATURAIS DIVERSAS

3.1 MACRO ESTRUTURA MINERAL MEGA CRISTAL DE GESSO (MÉXICO)

3.2 ESTRUTURAS GEOMÉTRICAS 3.2 ESTRUTURAS GEOMÉTRICAS

4. CLASSIFICAÇÃOS DE ÓXIDOS

Cristalografia- Iso métrico ; Classe - Hexaoctaédrica Propriedades óptica s- iso trópico

Hábito-Maciça ou de cubos, octaedros mais raramente dodeca edros modifica dos

Cor-Vermelho a carmim

4.2)Zincita Zn O

COR: Vermelho, vermelho amarelado,vermelho marrom

BRILHO: Adamantino, semimetálico

CRISTALIZAÇÃO: Sistema Hexagonal

TRANSPARÊNCIA Translúcido, opaco

4.3) GRUPO DA HEMATITA F203

Cor: Ver melho- sangue, cinza metálico a preto

Fór mula química: Fe2O3 Ocorrência: Co mu m Siste macristalino Trigonal

Hábitocristalino Ro mboédrico, tabular, granular, la minar, botroídal, co mpacto, terosso

Propriedadesfísicas Densidade: 4, 9- 5, 3 Dureza: 5, 5- 6, 5 Brilho: Metálico a esplêndido

Co mposição - Trióxido de Alu mínio. 52, 9%de Al, 47, 1%de O

Cristalografia- Trigonal

Classe- Hexagonal- escalenoédrica

Dureza- 9

Cor- Cor variada(incolor, branco, cinza, ver melho, azul, a marelo etc. )

Cristalografia: Trigonal Classe : Ro mboédrica

Hábito: Ro mboédrico , la melar, maciço, co mpacto, granular

Propriedades Diagnóstica s: Pode aprese ntar magnetism o, densidade, brilho.

Oco rrência: Ocorre co mo mineral ace ssó rio e m roch as magmática s e meta mórfica s.

Uso s: Fonte deferro etitânio principalmente.

4.4) GRUPO DO RUTILO -TiO2

Cor ver melho, preto

Fór mula química Propriedades cristalográficas

Siste macristalino tetragonal

Clivage m distinta Brilho ada mantino ousubmetálico

XY2 O4 - Grupo do espinélio: Afór mula dos espinélios pode se r expressa e mter mos de cela unitária co mo X8Y 16 O os ca tions pode m estar e m posiçõ es tetraédrica s (X) ou octaédrica s(Y). Doistipos de estruturasã oreco nhecíve is.

Nos espinélios de estrutura nor mal, oito áto mos do tipo X ocu pa m as oito posiçõ estetraédrica s e os áto mos dotipo Y ocu pa m os 16 sítios octaédrico s, se ndo represe ntados pela for mula X8Y 16 O

Nos espinélios de estruturainvertida, oito áto mos dotipo Y ocu pa m os oito sítiostetraédrico s, gerando u mafór mula do

Os espinélios de estruturainve rtida sã o ca racteriza dos pela prese nça de ca tions triva lentes no sítio tetraédrico ou pela su bstituiçã o aco plada de Fe 2+

+ Ti 4+ no sítio octaédrico .

Hercinita FeAl 3+

Estrutura Química: FeAl 3+

Densidade: 3,95 Sistema: Cúbico. Esfoliação: Fractura imperfeita: desigual, conchoidal. Listra: verde escuro. Cor: Preto Transparência: Opaque, translúcido (Verde Escuro) em fragmentos finos. Brilho: Vitreous.

Forma cristalográfica

Espinéliosde estrutura normal:

EspinélioMg Al 3+

Fórmula Química -Mg Al 3+

Composição -Óxido de alumínio e magnésio.

Cristalografia - Iso métrico

Classe - Hexaoctaédrica Propriedades Ópticas -Mineral isotrópico Hábito -Octaédrico ou granular Dureza -8 Densidade relativa -3,6-4,4 Brilho -resinoso a graxo

Cor -Cor variável (vermelho, azul, verde, amarelo, marrom, preto e quase transparente) Forma cristalográfica

Gahnita ZnAl 3+

Composição -Óxido de alumínio e

Cristalografia - Iso métrico

Classe - Hexaoctaédrica

Propriedades Ópticas -Mineral isotrópico

Hábito -Maciço, granular e octaédrico

Dureza -8

Densidade relativa -4-4,6

Cor -Verde-escuro, amarelos, cinzento, e azul até completamente negro

For ma cristalográfica

Galaxita MnAl 3+

Fór mula química : MnAl 3+

Propriedades físicas

Cor Vermelho, marrom, preto Listra vermelha Lustre vítreo Transparência opaca, translúcida em camada fina Sistema de cristal isométrico e hexaoctaédrico Dureza 7.5 (Mohs) Tenacidade frágil

Densidade 4.23 Forma cristalográfica

Franklinita ZnFe 3+

Composição -Óxido de ferro, manganês e zinco.9,0%

Cristalografia - Iso métrico Classe - Hexa octaédrica Propriedades Ópticas -Mineral isotrópico, com cor matiz esverdeado. Hábito -Octaédrico, granular e maciço Dureza -5,5-6 Densidade relativa -5-5,2Brilho -Submetálico Cor -Preto do ferro e opaco, exceto em seções muito finas, onde exibe cor marrom e branco-acinzentado em luz refletida Usos-Fonte deZn.

Forma Cristalográfica

Cro mita FeCr 3+

Fórmula Química -FeCr 3+

Composição -Óxido de cromo e

Cristalografia - Iso métrico Classe - Hexaoctaédrica

Propriedades Ópticas -Mineral isotrópico de cinza a cinza - a marronza do.

Hábito -Agregados granulares a maciço Dureza -5,5 Densidade relativa -4,3-4,6 Brilho -Submetálico Cor -Preto a cinza-amarelado e cinza em luz refletida

For ma cristalográfica

Fór mula química : MgCr 3+

Siste ma cristalinoiso métrico Estrutura de cristal- hexo ctaedro

Cor preta, ver melhointenso

Exfoliaçã o não obse rvada Fratura irregular, desigual, ásp era, su bco nco idal Tenacidadefrágil

Dureza 5. 5 Leve e m negrito, metálico , su bmetálico Tira marro m colorida Diafanato opaco Densidade 4, 1a 4, 3g/cm 3

Magnesiocro mita MgCr

Forma cristalográfica

Espinéliosde estrutura invertida

Magnetita Fe 3+

Fórmula Química -Fe 3+

Composição -Óxido de Ferro. 31,0% de FeO, 69,0% de Fe2O 3

Classe - Hexa octaédrica

Propriedades Ópticas -Isotrópico, cinza comumente com matiz marrom.

Hábito -Octaédrico, dodecaédrico, cúbico, maciço, granular

Dureza -5,5-6 Densidade relativa -5,1 Brilho -Lustroso, esplêndido, metálico asubmetálico Cor -Preto-metálico Propriedades Diagnósticas -Magnético, possui geminação polissintética, estrias nas faces octaédricas, cor de traço preto, hábito, densidade. Usos-Importante fonte de ferro For ma cristalográfica

Magnesioferrita Fe 3+

Fórmula química: Fe 3+

Propriedades físicas

Cor Preto, preto-marrom, cinza com luz refletida Brilho metálico, submetálico Transparência opaca Sistema isométrico, cristalino exoctaédico Termo cristalino Cristais raros e octaédricos, geralmente granulados- maciço s

Tenacidade frágil Densidade 4.51

Magnetismo fortemente magnético Forma cristalográfica

Ocorrência e usos: Mineral extre ma mente co mu m. Ocorre e m a mbientes oxidantes, co mo produto de alteração de minerais portadores de ferro. For ma os “gossans”, ou

“chapéus deferro”, co mo produto de alteração superficial de veios mineralizados co m metais.

Constituintei mportante daslateritas.

Pode estar presente e m fontes ou poças d’água, for mada por precipitaçãoinorgânicaou biogênica. For ma cristalográfica

Goetita

BAUXITAαAlO . OH; gibbsita –Al(OH) 3 ; boemita –γAlO . OH For ma cristalográfica

Dados cristalográficos: mistura

Hábito: pisolítico, e m grãos concrecionários arredondados, ta mbé m maciço, terroso, parecendo argila.

For ma cristalográfica

Bauxita

Propriedadesfísicas:

Brilho:ausenteaterroso

Cor: br anco, cinza, a marelo, ver melho

Translúcido

For ma cristalográfica

Bauxita

Co mposição e estrutura:

u ma mistura de óxidos hidratados de alu mínio. Co mo resultado, bauxita não é u m mineral, mas na realidade u marocha.

For ma cristalográfica

Bauxita

Ocorrência e usos: a bauxita te m orige m supergênica. Co mu mente é produzida pela lixiviação (retirada) de sílica e outras substâncias a partir de rochas ricas e m alu mínio, durante inte mperis mo prolongado e m condições tropicais a sub-tropicais. É o minério dealu mínio. For ma cristalográfica

Bauxita

7.3LI MONITA Fe O( O H). N H2 O

For ma cristalográfica

Éu ma mistura de vários óxidos e hidróxidos de Mn, incluindo, entre outros, ro manechita – cripto melano - KMn 8 O 16 ,

O, todorokita(Mn, Ca, Mg)Mn 3 O 7. H2 O

For ma cristalográfica

Li monita

Dados cristalográficos: mistura

Hábito: for ma cr ostas, cr ostas esferulítica s, massa s terrosa s e ocres. Hábito oolítico é co mu m.

Pse udo morfos de limonita pode m su bstituir pirita, marcasita, siderita e outros minerais.

For ma cristalográfica

Li monita

Propriedades físicas: são muito variáveis, dependendo daco mposição.

Dureza: variável de 1,0 nas variedades terrosas, até 5,0, e m variedades co mpactas nas qu aisoconteúdo deáguaé desprezível.

For ma cristalográfica

Li monita

Co mposição e estrutura:

u ma mistura de óxidos hidratados de ferro. Não pode ser considerada u m mineral.

Ocorrência e usos: ocorre muito co mu mente co mo produto de alteração

(oxidação) de outros minerais ricose mFe

For ma cristalográfica

Li monita

PSILOMENLANO Ba Mn 2+

For ma cristalográfica

É u ma mistura de vários óxidos e hidróxidos de Mn, incluindo, entre outros, ro manechita,cripto melano- , manjiroitaetodorokita.

For ma cristalográfica Psilo menlano

Referências:

Comentários