Desafio Profissional Só laranjas 2ºAdministração

Desafio Profissional Só laranjas 2ºAdministração

ANHANGUERA EDUCACIONAL

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

SÉRIE: 2ª

ATIVIDADE AVALIATIVA: DESAFIO PROFISSIONAL

EMPRESA SÓ LARANJAS

Cidade –UF

2017

NOME-RA

ATIVIDADE AVALIATIVA: DESAFIO PROFISSIONAL

EMPRESA SÓ LARANJAS

Desafio Profissional - Apresentado À Anhanguera Educacional, Como Requisito Parcial Para A Obtenção De Média Semestral Nas Disciplinas: Auditoria, Controladoria E Sistemas De Informações Gerenciais, Contabilidade Avançada II, Instituições Financeiras E Mercado De Capitais, Perícia, Arbitragem E Mediação.

Tutor (a) à distância:

CIDADE

2017

SUMÁRIO

INTRODUÇÃO..........................................................................................................04

1.DESENVOLVIMENTO............................................................................................05

Passo 1...................................................................................................05

Passo 2...................................................................................................06

Passo 3...................................................................................................08

Passo 4...................................................................................................09

Passo 5...................................................................................................10

CONSIDERAÇÕES FINAIS......................................................................................12

REFERENCIAS BIBLIOGRAFICAS........................................................................13

1.INTRODUÇÃO

Através de um diagnóstico empresarial na Empresa Só Laranjas tem-se o propósito de elencar soluções no âmbito econômico, administrativo, social, ambiental e contábil da empresa, para minimizar e sanar as dificuldades apresentadas pela companhia.

A formulação de relatórios auxiliam no apontamento da importância da elaboração de projetos sociais para as empresa, comunidade e colaboradores, bem como opções de projetos sociais/ambientais que venham beneficiar tanto as empresas quanto a comunidade como um todo.

Nestes termos, o gerenciamento de resíduos orgânicos e valorização de resíduos no processamento de matéria prima nas empresas, e ações que para eliminar os problemas de descartes dos resíduos são elementares.

Passo 1

CUSTOS DE PRODUÇÃO

PT (Q)

CFT

CVT

CT

CFMe

CVMe

CMe

CMg

1

0

30.000

0

30.000

0

0

0

 

2

10.000

30.000

120.000

150.000

3

12

15

12

3

20.000

30.000

150.000

180.000

1.5

7.5

9

3

4

30.000

30.000

170.000

200.000

1

5.67

6.67

2

5

40.000

30.000

180.000

210.000

0.75

4.5

5.25

1

6

50.000

30.000

200.000

230.000

0.6

4

4.6

2

7

55.000

30.000

214.000

244.000

0.55

3.9

4.44

2.8

8

60.000

30.000

230.000

260.000

0.5

3.84

4.33

3.2

9

70.000

30.000

270.000

300.000

0.43

3.86

4.29

4

10

80.000

30.000

320.000

350.000

0.38

4

4.37

5

11

90.000

30.000

380.000

410.000

0.34

4.23

4.56

6

12

100.000

30.000

450.000

480.000

0.3

4.5

4.8

9

PT(Q) – CUSTOS TOTAIS

CFT – CUSTO FIXO TOTAL

CVT – CUSTO VARIÁVEL TOTAL

CT – CUSTO TOTAL

CFMe – CUSTO FIXO MÉDIO

CVMe – CUSTO VARIÁVEL MÉDIO

CMe - CUSTO MÉDIO

CMg – CUSTO MARGINAL

O Custo Médio (CMe) mínimo foi de 4,29, e foi a partir desse valor, na linha 9 que houve uma inversão, ou seja, o Custo Médio (CME) começou a aumentar e consequentemente houve uma diminuição na produção de suco de laranja

Enquanto o Custo Marginal (CMg) for menor do que o custo médio, o Custo Médio (CMe) cairá.

Tomando por exemplo a TABELA acima, vimos que nas linhas 1,2,3,4,5,6,7,8 e 9 o Custo Marginal (CMg) foi menor que o Custo Médio (CMe) e consequentemente o Custo Médio foi decaindo. Isso significa que houve um aumento na produção de sucos de laranja.

Tomando por exemplo a TABELA acima, vimos que nas linhas 10,11 e 12 o Custo Marginal (CMg) foi maior que o Custo Médio (CMe) e consequentemente

Tenho Pronto

Whatssap 11-955004643

Comentários