Resolução de Exame de admissão à Universidade Pedagógica de Moçambique

Resolução de Exame de admissão à Universidade Pedagógica de Moçambique

(Parte 1 de 2)

António Fernando Matusse.

Resolução de exame de admissão de química UP-

Se este documente foi útil para te envie apoio para disponibilidade de documentos futuros, no número Mpesa: 848913636. Página 1

Resolução de Exame de admissão à Universidade Pedagógica de Moçambique

Química-2008

António Matusse, 2017 Quelimane

António Fernando Matusse.

Resolução de exame de admissão de química UP-

Se este documente foi útil para te envie apoio para disponibilidade de documentos futuros, no número Mpesa: 848913636. Página 2

1.O conhecimento do conceito básico é fundamental para a compreensão da disciplina de química.

B. O átomo é a partícula das substâncias constituídas por um núcleo e uma electrosfera

NB: Rutherford foi capaz de mostrar o que os resultados experimentais realmente significavam, retomou uma ideia proposta em 1904 pelo físico japonês H. Nagaoka: um átomo poderia ser composto por um pequeníssimo núcleo carregado positivamente (no centro do átomo) rodeado por uma região comparativamente maior, contendo os electrões.

2.A decomposição de uma substância por acção de calor chamase:

C. Pirólise

NB: A pirólise constitui uma reacção de decomposição por meio do calor. Na indústria, esse método é chamado de calcinação. Por meio dele é possível produzir produtos como o bio-óleo ou alcatrão pirolítico e o carvão vegetal, que servem como alternativas de combustíveis.

3.A destilação fraccionada do petróleo permite extrair entre outros os seguintes produtos:

B. Querosene, Diesel, Óleos lubrificantes

NB:A destilação é um processo físico que serve para desdobrar as misturas homogéneas, como as soluções as soluções de dois ou mais líquidos (destilação fraccionada).

Uma refinaria de petróleo pode produzir os seguintes derivados energéticos ou combustíveis: Gás Combustível; Gás Liquefeito de Petróleo (GLP); Gasolina; Querosene; Óleo Diesel; Óleo Combustível; Coque (utilizado em indústria de cimento e aço).

4. Para que um átomo neutro do ferro se transforme no ião Fe2+ , ele deve:

C. perder dois electrões

NB: Isso pode ser definido segundo a equação

Fe Fe2+ + 2e- ; ( 2e- perdidos)

ÍONS: excesso de carga Carga positiva – catião (perde electrões), Carga negativa – anião (ganha electrões)

5. Qual das seguintes afirmações é verdadeira?

C. isótopos são dois ou mais átomos que possuem o mesmo numero atómico e diferentes numero de massa.

NB: Conclui-se, facilmente, que os isótopos são átomos do mesmo elemento químico que possuem diferentes números de neutrões, resultando daí números de massa diferentes. Exemplos:

6. Em relação às propriedades periódicas, podemos dizer que:

A. No período, quando maior for o número atómico maior será o raio atómico

NB: O raio dos elementos é uma propriedade periódica, pois seus valores variam periodicamente (isto é, aumentam e diminuem seguidamente) com o aumento do número atómico.

Na Tabela Periódica, note que no grupo os raios atómicos aumentam de cima para baixo e no período, os raios atómicos diminuem da esquerda para a direita.

António Fernando Matusse.

Resolução de exame de admissão de química UP-

Se este documente foi útil para te envie apoio para disponibilidade de documentos futuros, no número Mpesa: 848913636. Página 3

7. Dada as características de três compostos orgânicos, hidrocarbonetos, álcool primário, e acido monocarboxílico alifático. Os respectivos representantes são:

D. 2-metilbutano, propanol-1 e ácido acético.

NB: hidrocarbonetos-São substâncias compostas somente por átomos de carbono (C) e de hidrogénio (H), formando diversos tipos de moléculas. Álcool primário- quando grupo - OH está ligado a um carbono que contém ao menos dois hidrogénios. Ácido monocarboxílico- quando apresenta um grupo- OOH

8. Formam um conjunto de substâncias combustíveis os seguintes:

C. CO, CH4, C2H2 e H2. NB: substâncias combustíveis- são todas substâncias que podem sofrer combustão ou queima destacam se hidrocianatos, álcoois, monóxido de carbono, hidrogénio, entre outros.

A reacção de combustão é a reacção na qual uma substância reage com oxigénio, liberando geralmente calor e luz, produzindo uma chama.

9.Dadas configuração electrónica de quatro elementos químicos pertencentes ao mesmo período da tabela periódica, o elemento que apresenta a 1ª energia de ionização mais elevada é:

NB: A1ª energia de ionização é a energia necessária para “arrancar” o primeiro electrão da camada mais externa do átomo, aumentando da esquerda para a direita ao longo de um período e de baixo para cima em um grupo de elementos representativos.

10.De acordo com a teoria, o átomo de um elemento E cujo número atómico é 26 possui:

A. 8 electrões de valência.

NB: Fazendo a distribuição electrónica do elemento com o número atómico 26 possui 8 electrões de valência.

1. É característica das substâncias puras:

C. Apresentar ponto de ebulição e fusão constante.

NB: Substância pura é um material único, isento de outros materiais e que apresenta constantes físicas bem definidas, como Ponto de fusão, Ponto de ebulição, Densidade, Calor específico e Solubilidade.

12. Os cientistas que contribuíram para o de desenvolvimento do quadro periódico são: D. Mendeleyev, Dobereiner, Newlands e Moseley

NB: Mendeleyev pregava cartões na parede de seu laboratório; mudava as posições até obter uma sequência de elementos em que se destacasse a semelhança das propriedades, Mendeleyev chegou à primeira tabela periódica. Dobereiner agrupou alguns elementos em tríadas, que eram grupos de três elementos com propriedades semelhantes. O Inglês John A. R. Newlands colocou os elementos químicos em ordem crescente de massas atómicas e verificou que as propriedades se repetiam a cada oito elementos O número atómico foi proposto em 1914, por Moseley.

António Fernando Matusse.

Resolução de exame de admissão de química UP-

Se este documente foi útil para te envie apoio para disponibilidade de documentos futuros, no número Mpesa: 848913636. Página 4

13.O número de oxidação de manganês no ião permanganato ()

NB: É fácil calcular o número de oxidação, Para um elemento formador de um ião composto, devemos lembrar que a soma dos números de oxidação de todos os átomos, num ião composto, é igual à própria carga eléctrica do ião.

14. Em condições normais, quais das substâncias formam misturas heterogéneas:

B. Gasolina e água.

NB: Mistura heterogénea: apresenta pelo menos duas fases. Causada pela diferença de densidade. Exemplo: água e óleo, água com gás.

Gasolina

Água

15. Você estudou que as misturas podem ser separadas por métodos físicos.

C. para separar uma mistura de limalha de Ferro com Enxofre em um pó, utilizamos a separação magnética.

NB: A separação magnética é aplicável quando um dos componentes da mistura é magnético, como é o caso das partículas de ferro. Pode-se então retirar essas partículas com o auxílio de um íman ou electroíman.

16. O rótulo de uma garrafa de água mineral apresenta a seguinte composição: Sulfato de cálcio 0,0038mg/l e iões de magnésio 0,0021mg/l com base nessas informações, podemos classificar a água mineral como:

C. Mistura homogenia

NB: neste caso pode se considerar que uma mistura homogenia é aquela que não podemos distinguir os seus constituintes a olho nu pois todos estão dissolvidos (Sulfato de cálcio) ou em forma iónica (iões de magnésio).

17 Num acampamento, todo sal foi derramado na areia. As pessoas recuperação o sal realizando, sucessivamente, as operações de:

D. diluição, filtração, e evaporação.

NB: Diluição- adicionar uma porção do solvente a um soluto.

Filtração- processo mecânico que serve para desdobrar misturas heterogéneas de um sólido disperso em um líquido ou em um gás. Evaporação- passagem de um líquido para gás após ter atingido o seu ponto de ebulição.

18 As formas Fe, KF e Cl2 representam, respectivamente substâncias com ligações químicas do tipo:

C. Metálica, iónica e covalente’

NB: Ligação metálica- uniões de metais Ligação iónica- os catiões e os aniões se atraem e se mantêm unidos Ligação covalente- compartilha de electrões

19.os produtos que se formam durante a electrólise de solução aquosa de São:

 A

20. Qual das seguintes afirmações é correcta?

A.O óxido de cálcio e sulfato de sódio são substâncias iónicas. NB: Ver número 18.

António Fernando Matusse.

Resolução de exame de admissão de química UP-

Se este documente foi útil para te envie apoio para disponibilidade de documentos futuros, no número Mpesa: 848913636. Página 5

21. Catalisadores são substâncias que: C. Influenciam a velocidade da reacção química sem nela serem consumidos.

NB: Catalisador é a substância que aumenta a velocidade de uma reacção, sem ser consumida durante o processo. Catálise é o aumento de velocidade da reacção, provocado pelo catalisador.

2 Das equações químicas abaixo, a que corresponde a reacção de combinação, redox e exotérmica.

NB:

Tirando o nox dos reagentes e do produto tem-se:

• H sofre oxidaçãoN sofre redução
• H2 é o agente redutorN2 é o agente oxidante

H = +1 e N – -3 As reacções exotérmicas possuem um balanço negativo de energia quando se compara a entalpia total dos reagentes com a dos produtos, ΔH<0 (negativo)

 D. 2 moles dee 3 moles de

23. Nos carros movidos a etanol (álcool etílico) a combustão completa de 1.0 mol deste produz: NB: em primeiro lugar deve se conhecer as formas dos reagentes, numa reacção de combustão sempre um dos reagentes vede ser o oxigénio.

Uma combustão completa os produtos formados são o anidrido carbónico (dióxido de carbono) e a água.

Para o caso do nosso exercício teremos a seguinte equação de reacção:

António Fernando Matusse.

Resolução de exame de admissão de química UP-

Se este documente foi útil para te envie apoio para disponibilidade de documentos futuros, no número Mpesa: 848913636. Página 6

24 Os factores que influenciam o estudo de equilíbrio químico são: C. Pressão, concentração e temperatura.

NB: O equilíbrio químico é influenciado da seguinte forma:

Pressão: a variação de pressão influencia o equilíbrio quando um ou todos os componentes de sistema se encontram na fase gasosa. Concentração: o aumento ou diminuição de concentração dos reagentes ou produtos desloca o equilíbrio para onde tiver menor concentração. Temperatura: quando a temperatura aumenta, o deslocamento é no sentido da reacção endotérmica. Quando a temperatura diminuí, o equilíbrio desloca se no sentido da reacção exotérmica

25. Para se preparar 1 litro de uma solução de cloreto de sódio a 0.02M são necessário: A.1.16g de cloreto de sódio.

NB: Dados:Formulas: Resolução:
[]

26. A regra de Hess diz que:

C. A entalpia molar de um sistema só depende do estado inicial e final de reacções e não depende dos caminhos. NB:

António Fernando Matusse.

Resolução de exame de admissão de química UP-

Se este documente foi útil para te envie apoio para disponibilidade de documentos futuros, no número Mpesa: 848913636. Página 7

27. Num sistema químico o valor de calor molar é negativo quando:

B.O sistema fornece energia ao ambiente.

Exemplo 1: Na queima de lenha ou carvão, há libertação de energia para o ambiente. Exemplo 2:Queima de grafite:

28. A massa de sódio depositada por uma corrente de 9.65A, que atravessa uma massa de cloreto de sódio fundido durante 10 minutos é

B. 1.38g

Fusão do cloreto de sódio: 1NaCl (S) + energia+

Dados carga de 1 mol de electrões = 96500 Coulombs Leitura da reacção: 23 gramas (massa tirada da tabela periódica) de catião sódio se reduzem durante a electrólise quando passar 1 moles de electrões ou 1 . 96.500 Coulombs.

António Fernando Matusse.

Resolução de exame de admissão de química UP-

Se este documente foi útil para te envie apoio para disponibilidade de documentos futuros, no número Mpesa: 848913636. Página 8

Cálculo da carga pela fórmula:; onde i: intensidade de corrente em Amperes
23 gramas1 . 96.500Coulombs
x gramas5790 Coulombs

t: tempo em segundos, ou seja 10min*60 = 600 segundos Q = 9.65* 600 Q = 5790 Coulombs Pela leitura da reacção teremos: X = 1,38 gramas 29. Considere os processos:

;
O valor de entalpia para transformação de

NB: A entalpia total da reacção é a soma das entalpias de reacção das etapas em que a reacção pode ser dividida. Para que obtemos a transformação de água do estado gasoso para o estado líquido deve-se inverter a primeira equação.

;
H2O(g)H2O(l)

30. A poluição atmosférica é uma das causas da destruição de camada de ozono. Uma das reacções que pode ocorrer no ar poluído é

António Fernando Matusse.

Resolução de exame de admissão de química UP-

Se este documente foi útil para te envie apoio para disponibilidade de documentos futuros, no número Mpesa: 848913636. Página 9

Esta reacção ocorre em duas etapas: I. NO2 (g) + O3 (g) NO3 (g)+ O2 (g) (etapa lenta);

I. NO3 (g) + NO2 (g) → N2O5 (g) (etapa rápida). A lei da velocidade para a reacção é:

A. V= [NO2][O3] NB: quando a reacção ocorre em duas etapas escolhe se a etapa lenta para a lei de velocidade, porque não ocorre muitas interferências.

31. Uma solução tampão é:

B. uma solução de um ácido fraco e o sal deste ácido fraco capaz de resistir alterações de pH. C. uma solução formada por uma base fraco e sal desta base fraco capaz de resistir alterações de pH.

Solução-tampão é a solução que praticamente não sofre variação de pH quando adicionamos uma pequena quantidade de ácido ou de base, mesmo que sejam fortes Nos laboratórios, as soluções-tampão são, em geral: • Ou uma solução de um ácido fraco e um sal correspondente a esse ácido;

• Ou uma solução de uma base fraca e um sal correspondente a essa base.

32. A solubilidade de CaSO4 em água à 25 C „e igual a 4,9*10-3M. O valor de produto de solubilidade deste sal à 25 C é:

 A
[] [
][ ] [

NB: Produto de solubilidade (KPS) é o produto das concentrações em mol/L dos íons existentes em uma solução saturada, estando cada concentração elevada à potência igual ao coeficiente do ião na equação de dissociação

António Fernando Matusse.

Resolução de exame de admissão de química UP-

Se este documente foi útil para te envie apoio para disponibilidade de documentos futuros, no número Mpesa: 848913636. Página 10 iónica correspondente. De modo geral, quanto menor for o valor de KPS, menos solúvel será a substância.

Generalizando agora o conceito de produto de solubilidade para um electrólito qualquer BaAb, temos:

3. A nomenclatura do seguinte composto é:

D.2,2,4,5-Tetramatilheptano

NB: Nomenclatura dos alcanos a) Alcanos não-ramificados Sua nomenclatura, segundo a IUPAC, é caracterizada pela terminação ano.

b) Alcanos ramificados Quando o alcanos tem cadeia ramificada, devemos citar, além do nome da cadeia, o das ramificações. As ramificações mais simples são os grupos derivados dos próprios alcanos, pela “retirada” de apenas um átomo de hidrogénio. Seus nomes derivam do alcanos correspondentes, trocando-se a terminação ano por il. (ler Ricardo Feltre 3 volume, química 12, ou um artigo sobre nomenclatura dos alcanos).

António Fernando Matusse.

Resolução de exame de admissão de química UP-

Se este documente foi útil para te envie apoio para disponibilidade de documentos futuros, no número Mpesa: 848913636. Página 1

34. O nome do composto representado a seguir é:

D. 3,6- dietil-2,5-dimetiloctano NB: não se difere muito com o número anterior, mas havendo ramificações diferentes, elas serão citadas em ordem alfabética; etil- metil- propil, etc. 35.o composto 2-propanona é isómero de:

Isómeros são compostos de mesma fórmula molecular que apresentam propriedades diferentes devido a fórmulas estruturais diferentes A Isomeria de função (ou funcional) ocorre quando os isómeros pertencem a funções químicas diferentes. Os casos mais comuns de isomeria de função ocorrem entre: • Álcoois e éteres;

(Parte 1 de 2)

Comentários