catalogo de válvulas 2017

catalogo de válvulas 2017

(Parte 1 de 4)

w.mga.com.br w.mga.com.br

Foi no ano de 1991, em um pequeno pavilhão, que a Metalúrgica Golden Art’s deu início a uma história de sucesso empresarial, marcada por uma trajetória de conquistas e superação, resultado este, de muito esforço e trabalho.

Após alguns anos de experiência adquirida, a MGA começou a aprimorar suas atividades, fabricando não somente alavancas, mas todas as peças que hoje, compõem as válvulas MGA.

Atualmente, possui um parque fabril com mais de 21.0 m² de área construída e, um grupo de empresas ligadas a um único objetivo: GARANTIR A AUTONOMIA TOTAL, MELHORIA CONTÍNUA DOS PROCESSOS E QUALIDADE DE SEUS PRODUTOS.

Na unidade Matriz, são fabricadas, comercializadas e testadas válvulas de esfera e industriais, visores de fluxo, peças em PTFE e acessórios para as mais diversas aplicações. Estes produtos são fabricados utilizando equipamentos modernos, dentro de um rigoroso controle de qualidade, atendendo normas específicas, com certificação ISO 9001.

Unidade 01 - Matriz MGA - Veranópolis / RSCentro AdministrativoUnidade 03 - Peças Microfundidas / RSUnidade 02 - Filial São Paulo / SP

03 Unidade 03 - Peças Microfundidas / RS

POLÍTICA DA QUALIDADE: Unidade 05 - Peças Microfundidas / RSSede Campestre - Veranópolis / RS

As unidades 3 e 5 são especializadas na fabricação de peças microfundidas. Equipamentos de última geração, laboratórios para ensaios e testes aliados à equipe qualificada, resultam em produtos de alta qualidade.

Pensando sempre em melhor atender seus clientes, a MGA possui no estado de São Paulo a Unidade 2 e no Ceará a Unidade 4. Canais exclusivos de distribuição, proporcionando maior agilidade e eficiência.

O índice de crescimento anual só esta sendo atingindo devido ao compromisso e a seriedade com que a MGA vem trabalhando ao longo de sua história, solidificando cada vez mais, o relacionamento exclusivo com seus parceiros revendas, localizados em todo o território Brasileiro e América Latina.

A busca permanente na excelência de seus produtos, na satisfação de seus clientes e colaboradores, faz da MGA uma empresa sólida e moderna. Por isso, seja qual for sua necessidade, entre em contato conosco! Teremos o maior prazer em atendê-lo!

Nossa meta é produzir com qualidade total e melhoria contínua nos processos, fabricação de válvulas de esfera, peças microfundidas e PTFE para a realização de nossos colaboradores e a satisfação de nossos clientes.

Unidade 04 - Filial Ceará / CE

Legenda dos Produtos MGA

CAMPO 1DENOMINAÇÃOCAMPO 3 PASSAGEM

P Passsagem Plena

PR Passagem Reduzida

CAMPO 4 MATERIAL

LATÃO CuZn40Pbz

A-182 - 316L Aço Forjado (Inox 316L)

A-182 - 316 Aço Forjado (Inox 316)

A-182 - 304L Aço Forjado (Inox 304L)

A-182 - 304 Aço Forjado (Inox 304)

A105 Aço Forjado (Carbono)

LF Latão Forjado C37700

WCB ASTM A216 Gr. WCB

CF8 ASTM A351 Gr.CF8

CF8M ASTM A351 Gr.CF8M

CF3M ASTM A351 Gr.CF3M

CAMPO 2 BITOLA CONSTRUÇÃO CAMPO 5

Aço Carbono - Todos os componentes em aço carbono, exceto esfera e haste em aço inox 304

Semi-Inox - Todos os componentes em aço inox exceto parafusos, porcas, arruelas, preme gaxeta, molas prato e alavanca em aço carbono

Total Inox - Todos os componentes em aço inox, exceto para válvulas com acionamento por tubo, onde o mesmo é em aço carbono galvanizado.

CAMPO 6 EXTREMIDADES

NIPLE Extremidade Estendida

Flange DIN nas classes

F.DIN10-16-40 PN10, PN16 E PN40

Ponta para solda

BWO BW para tubo OD

Encaixe para solda

SWO SW para tubo OD

Flange classe 300 conforme

F300 Norma ANSI B16.5

Flange classe 150 conforme

F150 Norma ANSI B16.5

Ponta para solda BW conforme

BW Norma ANSI B16.25

Encaixe para solda SW conforme

SW Norma ANSI B16.1

Rosca BSP conforme

BSP Norma ISO 228

Rosca NPT conforme

NPT Norma ANSI B 1.20.1

FC Ferro Fundido Cinzento

FN Ferro Fundido Nodular

VEW Válvula de Esfera Wafer

VF Visores de Fluxo

VG Válvula Gaveta

VEMPN25/30/40 Válvula de Esfera Monobloco Latão

VETD-L Válvula de Esfera Tripartida Direcional em “L” - Horizontal

VETD-T Válvula de Esfera Tripartida Direcional em “T” - Vertical

VEM Válvula de Esfera Monobloco

VET Válvula de Esfera Tripartida

VEB Válvula de Esfera Bipartida

VETS1000 Válvula de Esfera Tripartida Série 1000

VB Válvula Borboleta

TC / SMS / RJT / DIN Conexões Sanitárias

Legenda dos Produtos MGA

CAMPO 8 OBTURADOR

E.O. Esfera Oca

E. FA Esfera com Furo de Alívio

E. FC Esfera com Furo de Contato

CAMPO 9 ATUADOR

Atuador Pneumático

SR Simples Ação

Atuador Pneumático

DA Dupla Ação

AE-24 Atuador Elétrico 24 VCC

AE-110 Atuador Elétrico 110 VCA

AE-220 Atuador Elétrico 220 VCA

CX Caixa redutora

CAMPO 7 VEDAÇÕES

TRS PTFE Reforçado Supering

PTFE Reforçado com

TRF 25% de Fibra de Vidro

TR DV PTFE Reforçado COMPL Com dupla vedação

TP DV PTFE Puro - PTFE Virgem Com dupla vedação

TRS DV PTFE Reforçado Supering Com dupla vedação

TR PTFE Reforçado COMP L

TP PTFE Puro - PTFE Virgem

CAMPO 10 VÁLVULA SOLENÓIDE

Válvula Solenóide 5/2 vias Alimentação 110 VCA

Válvula Solenóide 5/2 vias Alimentação 220 VCA

Válvula Solenóide 3/2 vias Alimentação 24 VCC

Válvula Solenóide 3/2 vias Alimentação 110 VCA

Válvula Solenóide 3/2 vias Alimentação 220 VCA

Válvula Solenóide 5/2 vias Alimentação 24 VCC

CAMPO 1 ACESSÓRIOS

Válvula com

TRUN. Montagem Trunniom

CX Válvula com Caixa Redutora

CX. TRUN. Válvula com Caixa Redutora e Montagem Trunniom

Válvula com suporte, adaptador e parafusos em aço carbono, preparada para atuador pneumático dupla ação

Válvula com suporte, adaptador e parafusos em aço carbono, preparada para atuador pneumático simples ação

Válvula com suporte, adaptador e parafusos em aço inox, preparada para atuador pneumático dupla ação

Válvula com suporte, adaptador e parafusos em aço inox, preparada para atuador pneumático simples ação

Válvula montada sem alavanca de acionamento

E06 Chave fim de curso rotativa

VOLANTE Acionamento por volante

Acionamento com

C/TRAVA trava para cadeado

BORBOLETA Acionamento por Borboleta

CUNHA WCB + 13Cr

DISCO CF8 CF8

ATERRAMENTO Anti-Estático

Verificar se a válvula está adequada às condições de pressão e temperatura do fluido.

Inspecionar a tubulação antes da instalação da válvula, a fim de assegurar que não haja qualquer detrito proveniente da montagem da rede.

Colocar a válvula na posição “aberta” durante a instalação, para evitar dano à esfera.

Verificar o correto alinhamento da tubulação e da furação dos flanges. O alinhamento axial também é importante para válvulas roscadas. Não corrija o alinhamento da tubulação utilizando a instalação da válvula.

Observar o alinhamento do atuador nas válvulas automatizadas, pois o descuido neste item resulta em aumento de torque e funcionamento incorreto do atuador.

Para válvulas MGA automatizadas através de atuador pneumático, a pressão da rede de ar comprimido deve ser de 5 a 7 bar, para seu perfeito funcionamento.

Desmontar as válvulas Tripartidas com conexões soldadas para efetuar a soldagem na tubulação, pois o calor gerado pela solda poderá danificar a vedação.

Remover substâncias estranhas das superfícies de assentamento das válvulas com sedes em PTFE, tais como: escórias de solda, resíduos arenosos da limpeza por jato de areia, aparas de metal, pois estes danificam a vedação da válvula.

Cuidados que devem ser tomados com as Válvulas MGA INSTALAÇÃO

* A empresa reserva-se o direito de efetuar alterações sem prévio aviso.

Manter as válvulas fora da ação do sol, chuva e maresia, sem retirar as suas proteções. Para transportar as válvulas acima de 2”, faça-o sem levantar pela alavanca ou atuador.

As válvulas de esfera MGA são projetadas para fluxo bidirecional, a menos que a esfera seja dotada de furo de alívio ou contato.

A abertura e fechamento das válvulas operadas manualmente são feitas mediante giro de ¼ de volta (90º) no sentido horário para o fechamento e anti-horário para abertura.

As válvulas MGA são válvulas de bloqueio on/off, isto é, trabalham somente em duas posições: totalmente abertas ou totalmente fechadas, portanto não podem ser utilizadas para regular a vazão do fluido.

Assegura-se aos produtos fabricados pela MGA, garantia contra qualquer defeito de material ou fabricação que neles se apresentem, no período de 6 (seis) meses contados a partir da emissão da nota fiscal.

Os serviços de garantia a serem prestados são restritos unicamente a substituição ou reparo de peças defeituosas. O processo será livre de custos desde que o produto retorne acompanhado da nota fiscal de compra.

A garantia torna-se nula e sem efeitos se a peça sofrer qualquer dano provocado por acidentes, apresentar sinais de violação, mau uso ou alteração do projeto inicial.

Para obter qualquer informação sobre sua válvula, ou se necessitar assistência técnica, favor informar diâmetro e o código de rastreabilidade que se encontra gravado no corpo da válvula.

A MGA somente garante válvulas automatizadas, montadas pela própria MGA ou Filiais.

A manutenção normal consiste em trocar as vedações e apertar os parafusos não mais que o suficiente. Apertar excessivamente resultará em um torque de acionamento elevado e no desgaste prematuro das vedações, podendo comprometer o bom funcionamento da válvula.

Para eliminar vazamentos na haste aperte os parafusos do preme gaxeta com oitavo de volta a cada vez.

Se necessário abrir a válvula para manutenção dos componentes internos, certifique-se que a mesma esteja despressurizada.

Utilize sempre peças de reposição originais, que são sua garantia de segurança. Os torques apropriados para o aperto dos parafusos estão disponíveis no site da MGA (w.mga.com.br).

Gráfico Pressão x Temperatura Gráficos

Construção da Esfera

A esfera oca não é indicada para a utilização em fluidos com altas pressões e/ou velocidades.

Gráficos Pressão x Torque Bipartida PTFE

Pressão (Psi)

Torque (N.m)

Pressão (bar)

Temperatura ºC Pressão (bar)

Temperatura ºC

Bipartida COMPL

Pressão (Psi) Torque (N.m)

Tripartida PTFE

Pressão (Psi) Torque (N.m)

Tripartida COMPL

Pressão (Psi) Torque (N.m)

Para aplicação em vapor saturado é indicado o material COMPL, à temperatura máxima de operação (TMO) em 200ºC e, pressão máxima de operação (PMO) em 16 bar g.

Índice de Produtos

VET - Válvula de Esfera Tripartida Forjada Classe 800 VET - Válvula de Esfera Tripartida Classe 300 VET - Válvula de Esfera Tripartida Flange Classe 150 VET S1000 - Válvula de Esfera Tripartida Série 1000 Flange Classe 300 VET S1000 - Válvula de Esfera Tripartida Série 1000 Flange DIN VET S1000 - Válvula de Esfera Tripartida Série 1000 VET - Válvula de Esfera Tripartida com Dispositivo de Bloqueio Automático VET - Válvula de Esfera Tripartida Latão Forjado Classe 300 VET - Válvula de Esfera Tripartida 400Psi com Conexão para Tubo OD VETD - Válvula de Esfera Direcional de Fluxo Classe 300 “T” VETD - Válvula de Esfera Direcional de Fluxo Classe 300 “L” VETD - Válvula de Esfera Direcional de Fluxo Flange Classe 150 “T” VETD - Válvula de Esfera Direcional de Fluxo Flange Classe 150 “L” VEB - Válvula de Esfera Bipartida Passagem Plena Classe 150 VEB - Válvula de Esfera Bipartida Passagem Plena Classe 300 VEM - Válvula de Esfera Monobloco 1000 WOG VEM - Válvula de Esfera Monobloco para Fundo de Caldeira Classe 150 / 300 VEM - Válvula de Esfera Monobloco Latão Forjado VEM - Válvula de Esfera Monobloco Latão Forjado com Acionamento por Borboleta VEM - Válvula de Esfera Monobloco Latão Forjado PN 40 e com Acionamento por Borboleta VEM - Válvula de Esfera Monobloco Angular Latão Forjado PN 40 com Acionamento por Borboleta VEM - Válvula de Esfera Monobloco para Tambor VEW - Válvula de Esfera Wafer Classe 150 VF - Visores de Fluxo VB - Válvula Borboleta Classe 150 VG - Válvula Gaveta Classe 125 VG - Válvula Gaveta Classe 150 Atuador Pneumático DA/SR Atuador Elétrico Acessórios Peças em PTFE SULFLON® Conquistas

A vazão apresentada em Kv (m/h) corresponde a um diferencial de pressão (Dp) de 1 bar utilizando água como fluido de teste. * Para conexão BW, medidas sob consulta.

PASS. A* B C D E F G H I J PESO kg

Coeficiente de Fluxo

Kv (m/h) A1

PASS. A* B C D E F G H I J PESO kg

Coeficiente de Fluxo

Kv (m/h) A1

VET - Válvula de Esfera Tripartida Forjada Classe 800

Válvula de bloqueio de fluxo Classe 800, indicada para utilização em diversos líquidos, gases e vapores em ampla faixa de temperatura e pressão conforme norma BSI BS EN ISO 17292.

Construção tripartida (um corpo e duas tampas), facilitando a manutenção sem a necessidade de desconectar as extremidades da linha.

Haste à prova de expulsão.

Opção de fornecimento com extremidades com niple estendido de 100mm.

De fácil aplicação para trava de cadeado. Disponível na construção Fire Safe.

Disponível com vedação metal x metal para uso em temperaturas de até 400ºC.

Especificações Técnicas

Normas de Referência

Construção

BSI BS EN ISO 17292 NBR 15827 (sob consulta)

Testes

API 598 ISO 10497/API 607 (Fire Safe)

Conexões

ROSCA BSP - ISO 228 ROSCA NPT - ANSI/ASME B1.20.1 SOLDA SW - ASME B16.1 SOLDA BW - ASME B16.25 Niple 100mm - SCH 40/80/160/XXS

Materiais

Corpo e Tampas

ASTM A 105 ASTM A 182 - F 304/304L ASTM A 182 - F 316/316L ASTM A 182 - F321 ASTM A 182 - F51 ASTM A 182 - F55

Esfera

ASTM A351 - CF8 ASTM A351 - CF8M ASTM A351 - CF3 ASTM A351 - CF3M ASTM A217 - CA15 IC416 ASTM B16 - C360

Haste

ASTM A351 - CF8 ASTM A351 - CF8M ASTM A351 - CF3 ASTM A351 - CF3M ASTM A217 - CA15 IC416 ASTM B16 - C360 ASTM A995 - 1B ASTM A995 - 4A ASTM A995 - 6A ASTM A182 - F51 ASTM A182 - F55 ASTM A182 - F321 Outros materiais sob consulta

ASTM A995 - 1B ASTM A995 - 4A ASTM A995 - 6A ASTM A182 - F51 ASTM A182 - F55 ASTM A182 - F321

Dados Técnicos

Supering Vedações Stellite

E A1

SOLDA SW PONTA P/SOLDA DE TOPO ROSCA BSPOU NPT NIPLE ESTENDIDO (Face Plana)

PASS. A* B C D E F G H I J PESO kg

PASS. A* B C D E F G H I J PESO kg

A vazão apresentada em Kv (m/h) corresponde a um diferencial de pressão (Dp) de 1 bar utilizando água como fluido de teste. * Para conexão BW, medidas sob consulta.

VET - Válvula de Esfera Tripartida Classe 300

Válvula de bloqueio de fluxo Classe 300 indicada para utilização em diversos líquidos, gases e vapores em ampla faixa de temperatura e pressão conforme norma ASME B16.34.

Construção tripartida (um corpo e duas tampas), facilitando a manutenção sem a necessidade de desconectar as extremidades da linha.

Haste à prova de expulsão.

Disponível na construção com dupla vedação, o que proporciona maior segurança quando utilizadas em linha de vapor.

De fácil aplicação para trava de cadeado.

Especificações Técnicas IMAGEM MERAMENTE IL

ADados Técnicos

Normas de Referência

Construção

BSI BS EN ISO 17292 ASME B 16.34

Testes API 598

Conexões

ROSCA BSP - ISO 228 ROSCA NPT - ANSI/ASME B 1.20.1 SOLDA SW - ASME B 16.1 SOLDA BW - ASME B 16.25

Materiais

Corpo e Tampas

ASTM A216 - WCB ASTM A351 - CF8 ASTM A351 - CF8M

Esfera

ASTM A351 - CF8 ASTM A351 - CF8M ASTM A217 - CA15 IC416 ASTM B16 - C360

Haste

AISI - 304 AISI - 304L AISI - 316 AISI - 316L AISI - 1020 AISI - 410 AISI - 416 Outros materiais sob consulta

Vedações PTFECOMP L

A vazão apresentada em Kv (m/h) corresponde a um diferencial de pressão (Dp) de 1 bar utilizando água como fluido de teste.

PASS.ABCDEFPESO kg

PASS.ABCDEFPESO kg

VET - Válvula de Esfera Tripartida Flange Classe 150

Válvula de bloqueio de fluxo, indicada para utilização em diversos líquidos, gases e vapores em ampla faixa de temperatura e pressão conforme norma ASME B16.34.

Construção tripartida (um corpo e duas tampas), facilitando a manutenção sem a necessidade de desconectar as extremidades da linha.

Haste à prova de expulsão.

Disponível na construção com dupla vedação, o que proporciona maior segurança quando utilizadas em linha de vapor.

(Parte 1 de 4)

Comentários