ELASTICIDADE preço da oferta e demanda

ELASTICIDADE preço da oferta e demanda

Significado –preço da demanda;

  • Significado –preço da demanda;

  • Serve?

  • Cálculo?

  • Graficamente?

  • Interpretação?

De acordo com Rossetti ( 1997,p. 413), conceito formal sobre elasticidade-preço funciona:

  • De acordo com Rossetti ( 1997,p. 413), conceito formal sobre elasticidade-preço funciona:

É a relação existente entre as modificações relativas (ou percentuais) observadas nas quantidades procuradas, decorrentes de alterações relativas (ou percentuais) introduzidas nos preços.

  • É a relação existente entre as modificações relativas (ou percentuais) observadas nas quantidades procuradas, decorrentes de alterações relativas (ou percentuais) introduzidas nos preços.

  • Expressão

Fernandes e Coelho ( 2002,p.198)

  • Fernandes e Coelho ( 2002,p.198)

  • é um conceito matemático criado para medir o grau de variações percentuais das quantidades procuradas de um bem ou serviço, em função de alterações percentuais de seus preços de mercado, ou seja, mede a sensibilidade da variação do consumo de um bem ou serviço em relação às variações em seus preços.

Cada produto/serviço tem sua sensibilidade com relação as variações do próprio preço:

  • Cada produto/serviço tem sua sensibilidade com relação as variações do próprio preço:

  • a) Substitutos;

  • b) Complementares;

  • c)Renda

Elasticidade é sinônimo de Sensibilidade

  • Elasticidade é sinônimo de Sensibilidade

  • - A questão da sensibilidade na análise econômica:

  • últil para: Empresas

A) Empresas

  • A) Empresas

  • - Subsidia a previsão de vendas;

  • - Permite uma estimativa da reação dos consumidores diante das alterações dos preços

B) Planejamento macroeconômico

  • B) Planejamento macroeconômico

  • Impacto de uma desvalorização cambial sobre o saldo da BC (balança comercial);

  • Sensibilidade dos investimentos privados e alterações provocadas na tributação, taxa de juros etc.

Ex: quadro

  • Ex: quadro

  • Quer dizer:

  • Se houver uma queda de 20% no preço, a quantidade procurada aumenta em 1,5 vez os 20%, ou seja, 30%;

  • - Trata-se de um produto cuja procura tem grande sensibilidade às variações do preço

A) procura elástica

  • A) procura elástica

  • A variação da quantidade procurada supera a variação do preço ( superior a 30%).

B) Procura inelástica

  • B) Procura inelástica

  • A variação percentual no preço acarreta variação percentual relativamente menor nas qtds procuradas, coeteris paribus

  • - Aumento de apenas 15%

C) Procura de elasticidade-preço unitária

  • C) Procura de elasticidade-preço unitária

  • A qtd. de hóspedes demandada representa um aumento de 30%;

A) Procura perfeitamente inelástica

  • A) Procura perfeitamente inelástica

  • Gráfico

  • - qualquer que seja a variação no preço a qtd demandada não se alteram;

  • - As quantidades procuradas são relativamente insensíveis a alterações nos preços.

B) Procura perfeitamente elástica

  • B) Procura perfeitamente elástica

  • grafico

  • - A procura é definida por um único preço. Qualquer variação reduz a zero as quantidades procuradas;

  • - Uma minima variação no preço a demanda é sempre infinita.

A)Disponibilidade imediata de bens e serviços substitutos:

  • A)Disponibilidade imediata de bens e serviços substitutos:

  • - Qto mais subs. houver para um bem e qto mais próximo for a possibilidade, mais elástica será sua demanda.

  • Ex: propaganda (disponibilidade de bens substitutos)

B) Proporção da renda disponível gasto com bens ou com serviços.

  • B) Proporção da renda disponível gasto com bens ou com serviços.

  • Ex: A elasticidade para demanda de carne tende a ser mais elevado do que a de determinado eq. turístico.

C)Essencialidade do bem

  • C)Essencialidade do bem

  • Se o bem é essencial, será pouco sensível à variação do preço ( d.inelástica).

  • ex: Sal, medicamentos de uso constante

D) Horizontal temporal

  • D) Horizontal temporal

  • Dado um aumento no preço, ele terá mais tempo para tentar encontrar um produto substituto, de preço menor;

  • Qto mais tempo o consumidor dispuser para responder à variação do preço, maior a elasticidade-preço da demanda.

E) HÁBITOS

  • E) HÁBITOS

  • Fator determinante da elasticidade-preço da demanda.

  • ex: Hábitos que se transformam em vícios praticamente independe do preço dos bens que os satisfaçam.

Outros produtos como;

  • Outros produtos como;

  • Hábitos de leitura diária.

A Receita total do produtor, equivale ao gasto total dos consumidores para uma dada mercadoria, é igual à qtd vendida vezes seu preço unitária de venda.

  • A Receita total do produtor, equivale ao gasto total dos consumidores para uma dada mercadoria, é igual à qtd vendida vezes seu preço unitária de venda.

  • RT: P X Q

  • P : Preço unitário

  • Q: Quantidade vendida

Ex: Procura por um produto for inelástica.

  • Ex: Procura por um produto for inelástica.

  • - O gasto/dispêndio total do consumidor aumentará, acarretará um aumento na receita total do produtor/vendedor.

Redução em 30%;

  • Redução em 30%;

  • -Qtd. Procurada aumentará menos que 30%.

  • Ex: 20%;

  • Faz com que o gasto do consumidor diminua;

  • Provocará uma redução na RT do vendedor

O gasto /dispêndio total dos consumidores e a RT dos produtores/vendedores, irão variar no mesmo sentido da variação dos preços ,ou seja;

  • O gasto /dispêndio total dos consumidores e a RT dos produtores/vendedores, irão variar no mesmo sentido da variação dos preços ,ou seja;

  • Se os preços aumentarem, aumentam o gasto dos consumidores e a RT dos vendedores.

Se os preços diminuirem, diminuem o gasto total dos consumidores e a RT dos vendedores.

  • Se os preços diminuirem, diminuem o gasto total dos consumidores e a RT dos vendedores.

Se o preço aumentar para 30%;

  • Se o preço aumentar para 30%;

  • Qtd.p – reduzirá mais do que 30% -40%;

  • O gasto total dos consumidores diminuirá e diminuirá a RT do vendedor

O preço do produto reduza em 20%, a qtd procurada cresça mais do que 20% - 30%;

  • O preço do produto reduza em 20%, a qtd procurada cresça mais do que 20% - 30%;

  • O dispêndio total dos consumidores aumentará e a RT dos vendedores - aumentar

O gasto total dos consumidores e a RT dos vendedores variam no sentido inverso da variação dos preços;

  • O gasto total dos consumidores e a RT dos vendedores variam no sentido inverso da variação dos preços;

  • Qdo os preços aumentam, o gasto total dos consumidores e a RT dos vendedores diminuem;

Qdo os preços diminuem o gasto total dos consumidores e a RT diminuem;

  • Qdo os preços diminuem o gasto total dos consumidores e a RT diminuem;

  • Qdo os preços diminuem o gasto total dos consumidores e a RT vendedores aumentam

Aumento/redução nos preços desse produtos não afeta o gasto total dos consumidores nem a RT dos vendedores.

  • Aumento/redução nos preços desse produtos não afeta o gasto total dos consumidores nem a RT dos vendedores.

IPI e ICMS

  • IPI e ICMS

  • Recolhimento é feito pelas empresas;

  • Empresas repassam parte do ônus aos consumidores;

  • Variação para + ou – depende da elasticidade-preço da procura pelo produto tributado

Quanto + inelástica for a demanda;

  • Quanto + inelástica for a demanda;

  • Maior será a proporção do imposto ao consumidor e menor a parcela paga pelo produtor;

  • Ex: Oligopólio

Quanto mais elástica for a demanda do bem, - será a proporção do imposto repassada ao consumidor;

  • Quanto mais elástica for a demanda do bem, - será a proporção do imposto repassada ao consumidor;

  • Maior a parcela paga pelo produtor;

  • Segundo autores: A concorrência é maior e o consumidor busca o produto de menor preço

A EY da P – é definido como a relação entre a variação percentual da quantidade procurada de um bem ou serviço e a variação percentual da Y dos consumidores;

  • A EY da P – é definido como a relação entre a variação percentual da quantidade procurada de um bem ou serviço e a variação percentual da Y dos consumidores;

Conceito

  • Conceito

  • - A elasticidade-renda de um produto é a variação percentual na quantidade demanda do bem para cada aumento percentual da renda, coeteris paribus.

  • Expressão:fl.01)

  • A) Aos bens normais

Tem elasticidade –renda positiva;

  • Tem elasticidade –renda positiva;

  • A demanda pela maioria dos bens aumenta quando a renda aumenta.

  • B) Bens superiores

  • Ex: Restaurante que servem comida sofisticada

D)Bens inferiores

  • D)Bens inferiores

  • São aqueles cuja demanda diminui quando a renda aumenta;

  • - Sua elasticidade-renda é negativa.

  • Ex: Vinhos baratos

E) Bens de consumo saciado

  • E) Bens de consumo saciado

  • Variações na renda não alteram o consumo do bem. Ou seja,a variável renda não é importante para explicar o comportamento da demanda desse bem.

Mede a reação da demanda por um produto ao preço de outro.

  • Mede a reação da demanda por um produto ao preço de outro.

  • Fórmula:

  • Obs: se os consumidores compram mais o bem A, quando o preço do bem B aumenta;

Significa que:

  • Significa que:

  • Que o bem A é um substituto do bem B ( e vice-versa);

  • Ex: quando o preço hambúrgueres sobe, os consumidores compram mais cachorros-quentes.

- Se os consumidores compram menos o bem A, quando o preço do bem B aumenta, significa que:

  • - Se os consumidores compram menos o bem A, quando o preço do bem B aumenta, significa que:

  • Bem A é um complementar do bem B.

  • Ex: quando o preço dos cachorros-quentes aumenta,a demanda por salsichas diminui.

Conceito:

  • Conceito:

  • É a relação existente entre as modificações relativas (percentuais) observadas nas quantidades ofertadas, decorrentes de alterações relativas (percentuais) verificadas nos preços.

  • Expressão

N= Variação percentual da quantidade ofertada

  • N= Variação percentual da quantidade ofertada

  • Variação percentual do preço

  • - Supor que o preço de um determinado produto sofra um aumento real de 30%

E –preço da oferta é unitária

  • E –preço da oferta é unitária

  • A expansão relativa das quantidades ofertadas é rigorosamente proporcional à expansão relativa dos preços.

B) Oferta inelástica

  • B) Oferta inelástica

  • A expansão relativa das quantidades ofertadas é menos do que proporcional à expansão relativa dos preços.

C)Oferta elástica

  • C)Oferta elástica

  • A expansão relativa das quantidades ofertadas é mais do que proporcional à expansão relativa dos preços.

A)O tempo disponível para ajustar o preço;

  • A)O tempo disponível para ajustar o preço;

  • Quanto mais rapido (WESSELS) uma pessoa quer que algo seja feito, mais caro vai custar.

  • Quando o preço do produto aumenta, inicialmente as firmas aumentam a produção muito pouco.;

Empregam mais fatores de produção e a expandir suas instalações;

  • Empregam mais fatores de produção e a expandir suas instalações;

  • Nova firmas surgem no mercado

B) A facilidade de armazenar produto

  • B) A facilidade de armazenar produto

  • -Quando o preço do produto cai;

  • - Firmas precisam optar ( WESSELS) entre vendê-lo ou mantê-lo em estoque;

  • -Qto mais barato for armazenar o produto, mais elástica será a oferta para variações temp;orais d e preço;

Ex: Quando a demanda de aço cai, os fabricantes armazenam o aço não vendido, em vez e abaixar o preço.

  • Ex: Quando a demanda de aço cai, os fabricantes armazenam o aço não vendido, em vez e abaixar o preço.

  • D)Custo para elevar a produção

  • Aumentar produção gera custos;

Instalar determinados processos de produção (custos);

  • Instalar determinados processos de produção (custos);

  • Segundo Wessels (2003,p.267)” Qto menor o aumento do custo dos insumos e qto menores os custos de instalações dos novos processos, mais elástica será a curva de oferta”.

INFORMAÇÃO DO AUTOR

  • INFORMAÇÃO DO AUTOR

  •  

  • Nome: Sérgio Alfredo Macore

  • Facebook: Sergio Alfredo Macore ou Helldriver Rapper Rapper

  • Contactos: +258 846458829 ou +258 826677547

  • Morada: Pemba – Cabo Delgado MOZAMBIQUE

  • E-mail: Sergio.macore@gmail.com ou Sergio.macore@outlook.com

  • NOTA: Qualquer duvida que tiver, me contacte e não hesite em me contactar.

  • PAZ e LUCIDEZ

Comentários