(Parte 1 de 3)

Manual de Instruções

MG 16/4 MG 12/4

Precauções

Advertência Instalação

•Mantenha esta unidade longe das seguintes localizações: - Localizações que possam espirrar óleo ou vapor, como próximo a fogões , etc.

- Superfícies instáveis, como uma mesa balançando ou rampa.

- Localizações com calor excessivo, como dentro de um carro com todas as janelas fechadas ou lugares que recebem luz solar direta. - Localização sujeita a umidade excessiva ou acumulo de pó. •Segure no plug do cabo de força quando for desconectar da tomada. Nunca puxe pelo fio.

•Não toque na tomada de força com as mãos molhadas.

•Esta unidade tem furos de ventilação na parte traseira e estes não devem ser cobertos ou bloqueados

•Para mudar a unidade de local, desligue o cabo de força da tomada e retire todos os cabos usados nas ligações com outros aparelhos.

Para usar corretamente

•Não permita que esta unidade seja molhadaA não observância disto pode resultar em choque elétrico e

•Conecte o adaptador AC somente em uma tomada de alimentação AC com a voltagem indicada por este manual. A não observância disto pode resultar em choque elétrico e incêndio. incêndio.

•Não coloque recipientes com líquido ou pequenos objetos de metal em cima desta unidade. Líquido ou metal dentro desta unidade pode causar incêndio ou choque elétrico. •Não coloque objetos pesados, inclusive esta unidade, em cima do cabo de força.

Operação

Precaução Instalação

•Se você não usar esta unidade por um longo período de tempo, remova o cabo de força da tomada.

Operação

•Não arranhe, dobre, torça, puxe ou aqueça o cabo de força. Um cabo de força danificado pode causar incêndio e choque elétrico.

•Não remova a cobertura da unidade. Você pode receber um choque elétrico Se você precisar fazer inspeção interna, manutenção, ou conserto contate o serviço técnico YAMAHA. •Não modifique a unidade.

•Em caso de tempestades, desligue a unidade e retire o cabo de força da tomada.

Em caso de problemas anormais ocorrerem durante a operação

•Se o cabo de força está danificado peça para o serviço técnico uma substituição. •Se esta unidade for derrubada ou o gabinete for danificado, desligue o cabo de força da tomada e contate o serviço técnico autorizado.

•Se você notar qualquer anormalidade, como fumaça, odor, ruído, ou se um objeto estranho ou líquido cair dentro da unidade, desligue-a imediatamente. Remova o cabo de força da tomada. Consulte o serviço técnico autorizado para reparos.

Precauções Para usar corretamente

Ligações dos pinos dos conectores

Substituição de partes móveis

Influência do uso de telefones celulares

•Sempre desligue o mixer quando este não estiver sendo usado. •Mesmo que a chave Power estiver desligada, desligue o adaptador AC da tomada.

•Os conectores XLR são ligados da seguinte forma : pino 1: ground, pino 2 : Hot (+) , pino 3 : Cold (-) •Os conectores de Insert são ligados da seguinte forma : manga: ground, ponta: send (manda o sinal) , anel : return (recebe o retorno do sinal).

•O desempenho de componentes com contatos móveis, tais como: interruptores, controles rotativos, faders, e conectores, deterioram-se com o passar do tempo. A taxa de deterioração depende do local de operação e é inevitável. Consulte o serviço técnico autorizado para efetuar substituições.

•Usar um telefone celular (telefone móvel) perto desta unidade pode induzir ruído.

Copias de musicas são permitidas somente para uso pessoal. Os exemplos e as ilustrações demonstradas são para propósitos explicativos. Os nomes ou marcas citados neste manual são de propriedade de suas respectivas companhias.

Introdução

Características

Obrigado por adquirir o mixer Yamaha MG16/4 ou MG 12/4. Para usufruir de todos os recursos do MG16/4 ou MG 12/4 e desfrutá-lo por muito tempo, por favor, leia o manual cuidadosamente e mantenha-o para referência futura.

•Os MG16/4 possuem 16 canais que podem ser direcionados para a saída estéreo ou grupo. •Os MG12/4 possuem 12 canais que podem ser direcionados para a saída estéreo ou grupo.

•O monitor inclui uma saída C-R OUT. Isto pode ser usado para monitorar a saída estéreo principal, os sinais de PFL ou sinais dos grupos 1 e 2.

•O mixer inclui dois AUX SEND e um único RETURN. Os dois AUX independentes podem ser usados para enviar sinais a efeitos externos ou para sistemas monitores.

•Possui PHANTOM POWER para poder ligar microfones a condensador.

•O Mixer possui INSERT para os canais 1 a 8 (MG16/4) ou 1 a 4 (MG12/4). Com estes INSERTs você pode inserir efeitos distintos para cada canal.

•As entradas 1 a 8, 9/10, e 1/12 (MG16/4), e 1 a 4, 5/6, e 7/8 (MG12/4) são equipadas com conexões do tipo

XLR e TRS (banana ou ¼” ). As entradas 13/14 e 15/16 (MG16/4), e 9/10 e 1/12 (MG12/4) são equipadas com conexões do tipo TRS ( banana ou ¼”) e RCA. Esta variedade de tipos de conexões possibilita a ligação de diversos equipamentos como microfones, instrumentos musicais (guitarras, teclados, etc) , aparelhos de CD e gravação.

Introdução4
Características4
Índice4
Antes de Ligar5
Ligando5
Fazendo o melhor com o seu Mixer6
1. Um lugar Para Tudo e Tudo Em Seu Lugar7
2 . Como o sinal caminha por dentro do mixer10
3. Os primeiros Passos para obter um ótimo Som1
4. Efeitos externos, Mixagem para Monitor e Grupos13
5. Faça as melhores mixagens16
Painel Frontal e Traseiro18
Seção de Controle de canal18
Seção de Controle Master20
Seção de Entradas e Saídas (painel traseiro2
Montando24
Procedimento de ligação24
Exemplos de ligação24
Montagem em Rack26
Apêndice27
Especificações27
Diagramas de dimensões29
Diagrama de bloco e Diagrama de níveis de sinal30

Índice

Introdução

1) Certifique-se que a chave POWER esteja na posição STANDBY

2) Ligue o adaptador no conector AC ADAPTOR IN (1) no painel traseiro do mixer e gire o anel de fixação (2) para a direita..

Antes de Ligar

Use somente o adaptador PA_20 que acompanha o mixer. O uso de um adaptador diferente pode causar mau funcionamento ou queimar o mixer.

(3) Ligue o adaptador em uma tomada AC comum .Certifique-se de desligar o adaptador da tomada quando você não estiver usando ou se houver tempestades.

Aperte a chave Power para a posição ON. Quando quiser desligar, aperte a chave para a posição STANDBY. Mesmo quando a chave está na posição STANDBY, a corrente elétrica continua fluindo pelo mixer. Para desliga-lo completamente, retire o adaptador da tomada.

Ligando

IntroduçãoIntroduçãoIntroduçãoIntroduçãoIntrodução Você agora tem um mixer e está pronto para usa-lo. Tudo plugado, os controles ajustados , mas você tem certeza que está correto ? Bem, se você já fez isto antes não há nenhum problema, mas se é a primeira vez que você usa um mixer, leia este pequeno tutorial e aprenda alguns fundamentos que o ajudarão a fazer melhores mixagens.

Fazendo o melhor com o seu mixer

1-1. Vários conectores – O que eu ligo e onde?1-1. Vários conectores – O que eu ligo e onde?1-1. Vários conectores – O que eu ligo e onde?1-1. Vários conectores – O que eu ligo e onde?1-1. Vários conectores – O que eu ligo e onde? Uma pergunta que provavelmente você fará quando estiver montando o seu sistema pela primeira vez pode ser : “Por que todos estes tipos diferentes de conectores na parte de trás do meu mixer?” e “Qual é a diferença?.” Comecemos dando uma olhada nos tipos de conectores mais comuns.

Fazendo o melhor com o seu mixer 1. Um Lugar para Tudo e Tudo em seu lugar

O Venerável conector RCAO Venerável conector RCAO Venerável conector RCAO Venerável conector RCAO Venerável conector RCA Este é o “conector de consumidor,” e o que foi comumente usado em casa por muitos anos. Também conhecido como “phono” embora este termo não seja muito usado porque pode ser facilmente confundido com “phone”. O RCA sempre está desbalanceado, e geralmente leva um sinal de linha com o nível a –10 dB nominal. Você provavelmente usará estes para ligar aparelhos de CD, toca fitas cassete, MD ou semelhantes.

desbalanceado ou estéreo/balanceadoO tipo estéreo também é conhecido

O Versátil Plug Banana.O Versátil Plug Banana.O Versátil Plug Banana.O Versátil Plug Banana.O Versátil Plug Banana. Embora este seja conhecido nos EUA como “phone” pois eram usado em mesas telefônicas no passado” aqui no Brasil é mais conhecido como Banana (não precisa nem dizer o por que) ou ¼” . Pode ser do tipo mono/ no meio profissional como TRS (Tip, Ring,Sleev) que nada mais é que Ponta, Anel Central e Terra. São usados para ligar instrumentos em geral, alguns tipos de microfones e também para ser usado como cabos INSERT.

O Robusto XLRO Robusto XLRO Robusto XLRO Robusto XLRO Robusto XLR Este tipo de conector geralmente é chamado de “XLR” e quase sempre leva um sinal balanceado. Porém, os conectores XLR também podem receber sinais desbalanceados sem problemas. Cabos de microfone normalmente têm este tipo de conector.

Branco Vermelho

Stereo/TRS Mono

Macho Fêmea

1-2. Balanceado, DesbalanceadoQual é a diferença?1-2. Balanceado, Desbalanceado... Qual é a diferença?1-2. Balanceado, Desbalanceado... Qual é a diferença?1-2. Balanceado, Desbalanceado... Qual é a diferença?1-2. Balanceado, Desbalanceado... Qual é a diferença?

8 Traduzindo em uma palavra: “ruído”. O ponto forte das linhas balanceadas é a rejeição de ruído. Qualquer pedaço de fio age como uma antena para apanhar radiação eletromagnética que nos cerca como sinais de rádio e TELEVISÃO como também ruído eletromagnético espúrio gerado por linhas de força, motores, eletrodomésticos elétricos, monitor de computador e uma variedade de outras fontes. Quanto maior o fio, maior ruído é produzido. Por essa razão, as linhas balanceadas são a melhor escolha para cabos compridos. Se o seu “estúdio” é limitado basicamente à sua escrivaninha e todas as conexões não são maiores que um metro ou dois, então você pode usar linhas desbalanceadas, caso contrário use sempre as balanceadas. Outro lugar em que as linhas balanceadas quase sempre são usadas é em cabo de microfone . A razão para isto é que o sinal dos microfones é muito pequeno, que até mesmo um ruído mínimo poderá interferir .

Resumindo: Microfones:Use linhas balanceadas. Conexões a curta distancia:Linhas desbalanceadas serão boas se você está em ambiente relativamente livre de ruídos eletromagnéticos. Conexões longas:Use linhas balanceadas.

Como as Linhas Balanceadas Rejeitam Ruído?Como as Linhas Balanceadas Rejeitam Ruído?Como as Linhas Balanceadas Rejeitam Ruído?Como as Linhas Balanceadas Rejeitam Ruído?Como as Linhas Balanceadas Rejeitam Ruído?

** Pule esta seção se detalhes técnicos o enjoam. * * Linhas balanceadas trabalham com o princípio de “cancelamento de fase”: se você somar dois sinais idênticos fora de fase o resultado é… nada. Uma linha plana. Os sinais cancelam um ao outro.

Fazendo o melhor com o seu mixer

Um cabo balanceado tem três condutores:Um cabo balanceado tem três condutores:Um cabo balanceado tem três condutores:Um cabo balanceado tem três condutores:Um cabo balanceado tem três condutores: 1) um condutor TERRA que não leva nenhum sinal. 2) um “Hot” ou “+”que leva um sinal com fase normal. 3) um “Could” ou “–“ que leva a fase invertida. Enquanto os sinais de áudio desejados nos condutores Hot e Could estão fora de fase, qualquer ruído induzido será exatamente o mesmo em ambos os condutores, e assim em fase. O truque é que a fase de um sinal será invertido no receptor da linha de forma que os sinais de áudio desejados fiquem na mesma fase enquanto que o ruído ficará com uma fase invertida e assim será anulado. Inteligente, não ?

Sinal com fase normal.

Sinal com fase invertida.

Nenhum sinal. (Cancelamento de fase)

Sinal com fase normal + ruído com fase normal.

Sinal com fase normal + ruído com fase invertida.

Sinal desejado sem ruído.

1-3. Nível de Sinal — DecibelPrós e Contras1-3. Nível de Sinal — Decibel ... Prós e Contras1-3. Nível de Sinal — Decibel ... Prós e Contras1-3. Nível de Sinal — Decibel ... Prós e Contras1-3. Nível de Sinal — Decibel ... Prós e Contras

Fazendo o melhor com o seu mixer Quando você começa a lidar com sinais de áudio, você terá que lidar com o termo “decibel” e sua abreviação, “dB”. Confusões poderão ser geradas porque decibel é uma unidade muito versátil de medida usada para descrever níveis de pressão sonora como também níveis de sinais eletrônicos. Afortunadamente, você não precisa ser um perito para fazer seu trabalho. Aqui estão alguns fundamentos que você deverá se lembrar:

•Equipamentos de “Consumo” (como os equipamentos de áudio caseiros) normalmente tem um nível de linha nominal (média) de –10 dB.

•Equipamentos profissionais normalmente tem um nível de linha nominal de +4 dB.

•Você sempre deverá enviar –10 dB a uma entrada de –10 dB. Se você enviar um sinal de +4 dB em uma entrada de –10 dB é provável que você sobrecarregue a entrada.

•Você sempre deverá enviar +4 dB a uma entrada de +4 dB. Um sinal com –10 dB é muito pequeno para uma entrada de +4 dB o que resultará em falta de desempenho.

•Muitos dispositivos profissionais e semi-profissionais usam chaves seletoras de nível para –10 ou +4 dB. Ajuste essa chave de acordo com o equipamento que será usado.

•O seu mixer YAMAHA possui um controle de ganho “GAIN” nos canais mono que podem ser ajustados para a sensibilidade em “dB”desejada.

Fazendo o melhor com o seu mixer

Canal de Entrada Canal de Entrada Canal de Entrada Canal de Entrada Canal de Entrada

1 - Pré Amplificador O primeiro estágio de um mixer. Onde é feito a amplificação ou atenuação do sinal de entrada de modo que este tenha o melhor desempenho.

2 - Equalizador Pode ser um simples controle de graves e agudos ou então um equalizador paramétrico de 4 bandas. Quando você aumenta a equalização, também aumenta o ganho do sinal de modo que pode até sobrecarregar e distorcer o mesmo se a equalização for aumentada demasiadamente.

3 - Led de pico do canal & Fader O Led de pico é uma valiosa ferramenta para ajustar o ganho “GAIN” para o melhor desempenho. Note que está localizado depois do pré amplificador e do equalizador..

Seção Master Seção Master Seção Master Seção Master Seção Master

4 - Amplificador misturador É onde os sinais provenientes de todos os canais do mixer são somados.

5 - Fader Máster & Medidor de Nível Um fader de controle do nível podendo ser estéreo ou mono e o medidor do nível de saída. Podem haver outros faders dependendo do desenho do mixer; por exemplo com fader de controle máster para monitores, efeitos, auxiliares, etc.

2. Como o sinal caminha por dentro do Mixer

Diagramas de bloco são uma grande ajuda para entender como o fluxo de sinal passa em qualquer mixer. Mostraremos um diagrama de bloco de um mixer genérico para lhe ajudar a se familiarizar com o modo que este trabalha.

2-1. Diagrama de Bloco simplificado do Mixer2-1. Diagrama de Bloco simplificado do Mixer2-1. Diagrama de Bloco simplificado do Mixer2-1. Diagrama de Bloco simplificado do Mixer2-1. Diagrama de Bloco simplificado do Mixer Canal de entradaSeção Master

Sinais vindos de outros canais de entrada são misturados neste ponto e depois enviados à seção Master

Fazendo o melhor com o seu mixer

se obter um som de qualidade. E aqui veremos comoe por que.

Antes de você aplicar a equalização e efeitos ou mesmo a mixagem global, é importante ter certeza que os níveis estão corretamente ajustados para cada fonte individual. Estes ajustes são uma das coisas mais importantes para

3-1. O “GAIN” do Pré Amplificador É a Chave!3-1. O “GAIN” do Pré Amplificador É a Chave!3-1. O “GAIN” do Pré Amplificador É a Chave!3-1. O “GAIN” do Pré Amplificador É a Chave!3-1. O “GAIN” do Pré Amplificador É a Chave! Revisemos nosso diagrama de bloco simplificado:

3. Os Primeiros Passos Para Obter um Ótimo Som

Em cada estágio no caminho do sinal no mixer, uma certa quantidade de ruído somará ao sinal: O pré amplificador, o Equalizador, o amplificador misturador e outros estágios que existem no circuito do mixer (isto se aplica em particular a mixers analógicos). A coisa para se lembrar é que a quantidade de ruído somada em cada fase normalmente não depende da degradação da qualidade do sinal que passa pelos circuitos. Isto significa que se você tiver um nível de sinal alto na entrada, menor será o ruído. Tecnicamente falando, isto nos dá uma melhor relação “Sinal/ Ruído” .Tudo isto nos conduz à seguinte regra básica:

Para alcançar a melhor relação “Sinal/ Ruído”, amplie o sinal de entrada o máximoPara alcançar a melhor relação “Sinal/ Ruído”, amplie o sinal de entrada o máximoPara alcançar a melhor relação “Sinal/ Ruído”, amplie o sinal de entrada o máximoPara alcançar a melhor relação “Sinal/ Ruído”, amplie o sinal de entrada o máximoPara alcançar a melhor relação “Sinal/ Ruído”, amplie o sinal de entrada o máximo possível e depois ajuste-o de forma a obter o melhor resultado.possível e depois ajuste-o de forma a obter o melhor resultado.possível e depois ajuste-o de forma a obter o melhor resultado.possível e depois ajuste-o de forma a obter o melhor resultado.possível e depois ajuste-o de forma a obter o melhor resultado.

(Parte 1 de 3)

Comentários