2 Poríferos

2 Poríferos

ZOOLOGIA DE INVERTEBRADOS

  • PARAZOÁRIOS

Porífera: Características do Filo

  • Simetria radial ou assimétricas;

  • Sésseis, fixas ao substrato;

  • Corpo sem tecidos ou órgãos definidos,

  • Recoberto formado por poros (óstios), canais e câmaras, para passagem da água;

  • Aquáticas, principalmente marinhas;

  • Esqueleto formado por espículas silicosas ou calcárias ou rede de fibras colágenas (espongina);

  • Digestão intracelular;

  • Excreção e respiração por difusão;

  • Reprodução assexuada por brotamento, gemulação ou fragmentação (embriogênese somática);

  • Reprodução sexuada (a maioria monóica), com larva ciliada livre-natante (parenquímula).

Estrutura Básica: Tipos celulares

  • Meso-hilo ou Mesênquima ou Mesogléia: Matriz gelatinosa onde são encontrados os elementos estruturais das esponjas.

  • Pinacócitos: Células epiteliais que formas a pinacoderme dos porífera; formam a estrutura que mais se aproxima de um tecido. São células pouco contráteis. Podem se modificar em:

    • a) miócitos contráteis ao redor dos poros e ósculo;
  • Coanócitos: Revestem os canais e câmaras flageladas. São ovais, e possuem um colarinho filtrantes com um flagelo.

  • Arqueócitos: Células amebóides que se deslocam no meso-hilo. Tem função fagocitária e de transporte. Podem se diferenciar em:

    • Esclerócitos: Secretam espículas;
    • Espongiócitos: Secretam espongina;
    • Colêncitos: Secretam, colágeno fibrilar;
    • Lofócitos: Secretam grandes quantidades de colágeno.

Coanócito e Câmara vibrátil

Esqueleto: Espículas

Esqueleto: Rede de Espongina

TIPOS MORFOLÓGICOS DE SISTEMAS DE CANAIS

  • ASCONÓIDE

  • Organização simples;

  • Pequenas e tubulares;

  • Poros comunicam com o átrio;

  • Átrio revestido por coanócitos;

  • Tubulares e afiladas;

  • Crescem em grupos unidos por um único estolão.

  • EX: Leucosolenia sp. , Clathrina sp.

Asconóides

Syconóide

Syconóide

Corte da parede de Sycon sp.

LÊUCON

  • Corresponde ao tipo mais complexo de esponjas. Podem ter em torno de 2000 câmaras vibráteis;

  • Tal fato, reduz drasticamente a velocidade de circulação da água, facilitando desta maneira a captura de alimento.

Classificação

  • Classe Calcarea

  • (Calcispongiae)

    • Possui espículas de CaCO3.
    • As espículas formam normalmente uma franja ao redor do ósculo;
    • Espículas com 1, 3 ou 4 raios,
    • Apresenta os tipos ascon, sycon e leucon;
    • Todas marinhas.

  • Classe Hexactinellida

  • (Hyalospongiae)

    • Espículas silicosas de 6 raios;
    • Espículas fortemente unidas formando uma malha;
    • Corpo cilíndrico ou em forma de funil;
    • Câmaras flageladas em arranjo siconóide ou leuconóide;
    • Águas profundas;
    • Todas marinhas.

Classe Demospongiae

  • Classe Demospongiae

    • Espículas silicosas;
    • Não possuem 6 raios;
    • Apresentam rede de espongina;
    • Ou espículas e espongina;
    • Leuconóides;
    • São conhecidas como esponjas de banho;
    • Apenas uma familia de água doce (Spongillidae), as demais são marinhas.
    • EX: Thenea sp., Cliona sp., Spongilla sp., Myenia sp.

Comentários