Glossario de Oceanografia

Glossario de Oceanografia

(Parte 1 de 11)

GLOSSÁRIO de OCEANOGRAFIA ABIÓTICA

Universidade Federal do Ceará – UFC

Reitor Jesualdo Pereira Farias

Vice-Reitor Henry de Holanda Campos

Pró-Reitor de Graduação Custódio Luís Silva de Andrade

Instituto de Ciências do Mar LABOMAR

Diretor Manuel Antônio de Andrade Furtado Neto

Vice-Diretor e Coordenador Acadêmico Luis Parente Maia

Núcleo de Audiovisual e Multimeios NAVE

Coordenador Editorial

Francisco de Assis Pereira da Costa (IBAMA–CE/UFC – LABOMAR)

CNPQ-INCT-TMCOcean

Conselho Nacional de Desenvolvimento

Científi co e Tecnológico –

Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Transferência de Materiais Continente- Oceano

Coodenador Luiz Drude de Lacerda

Vice-coordenadora e

Coordenadora Institucional Rozane Valente Marins

FORTALEZA 2010

LABOMAR – Coleção Habitat 4

Organizadora Rozane Valente Marins

Autores

Clarissa Dantas Moretz-sohn João Pedro Santos Cavalcante Liana Pacheco Bittencourt

Colaboradores

Carlos Augusto França Schettini

Lidriana de Souza Pinheiro Rivelino Martins Cavalcante Francisco de Assis Pereira da Costa

GLOSSÁRIO de OCEANOGRAFIA ABIÓTICA

Revisão Rozane Valente Marins, Carlos Augusto França Schetinni, Lidriana de Souza Pinheiro, Rivelino

Martins Cavalcante, Francisco de Assis Pereira da Costa

Projeto Gráfi co, Editoração Eletrônica e Capa Francisco de Assis Pereira da Costa

Nenhuma parte desta publicação poderá ser reproduzida ou transmitida de qualquer modo ou por qualquer meio, seja este eletrônico, mecânico, de fotocópia, de gravação ou outros sem prévia autorização escrita do organizador.

Conselho Nacional de Desenvolvimento Científi co e Tecnológico –

Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Transferência de Materiais Continente-Oceano w.inct-tmcocean.com.br

Av. da Abolição, 3207 – Meireles – CEP: 60165-081 – Fortaleza–CE, Brasil Tel.: (0xx85) 36.7003 / Fax: (0xx85) 36.7002 / http://www.labomar.ufc.br

Núcleo de Audiovisual e Multimeios – NAVE Tel.: (0xx85) 36.7042 / fran_labomar@ufc.br

Ficha Catalográfi ca

Marins, Rozane Valente (Org.) Glossário de oceanografi a abiótica / Rozane Valente Marins (org.); Clarissa Dantas

Moretz-sohn, João Pedro Santos Cavalcante, Liana Pacheco Bittencourt (aut.); Carlos Augusto França Schettini, Lidriana de Souza Pinheiro, Rivelino Martins Cavalcante, Francisco de Assis Pereira da Costa (colab.). Fortaleza: UFC/LABOMAR/NAVE, 2010.

138p. ; il.; 16,0 x 23,0 cm Bibliografi a: p. 135-136

ISBN: 978-85-7563-442-4

1. Oceanografi a Abiótica – Glossário I. Marins, Rozane Valente I. Moretz-sohn,

Clarissa Dantas I. Cavalcante, João Pedro Santos IV. Bittencourt, Liana Pacheco V. Schettini, Carlos Augusto França VI Pinheiro, Lidriana de Souza VII. Cavalcante, Rivelino Martins VIII.

Pereira da Costa, Francisco de Assis IX. Universidade Federal do Ceará X. Título. CDD: 551.46

M294g
PREFÁCIO09
Abreviaturas1
Siglas1
Unidades1
GLOSSÁRIO13
ILUSTRAÇÕES (fotografi as e fi guras)113
CRÉDITOS (fotografi as e fi guras)133
BIBLIOGRAFIA CONSULTADA135

APRESENTAÇÃO ...................................................................................... 07 SUMÁRIO

c b

Zona de arrebentaçãoZona de arrebentação

Rochas praiais ou grés de praiaRochas praiais ou grés de praia

BermaBerma Crista de bermaCrista de berma

Estudantes, professores e pesquisadores quando atuam efetivamente em suas tarefas no afã de elucidar com discernimento seus conceitos e transmitir com precisão seus ensinamentos, ou ao discutir de forma objetiva e transparente suas idéias, devem procurar sempre uma linguagem simples, direta, objetiva, para o melhor rendimento desta interação e aprimoramento de resultados esperados.

O Glossário de Oceanografi a Abiótica do Instituto de Ciências do Mar (LABOMAR), expõe com objetividade as respostas às dúvidas que surgem na prática das leituras sobre expressões usadas em artigos científi cos na área pertinente. A consulta ao glossário facilitará certamente a elaboração e compreensão dos textos de dissertações, teses, monografi as, projetos de pesquisa, relatórios de atividades de campo ou de laboratório, seminários, tornando-os mais inteligíveis.

(Parte 1 de 11)

Comentários