Tecnicas de Construção de Alvenaria

Tecnicas de Construção de Alvenaria

(Parte 1 de 4)

4 - ALVENARIA

APÓS ESTUDAR ESTE CAPÍTULO; VOCÊ DEVERÁ SER CAPAZ DE: • Escolher a alvenaria adequada;

• Orientar a elevação das paredes (primeira fiada, cantos, prumo, nível);

• Especificar o tipo de argamassa de assentamento;

• Especificar e conhecer o tipo de amarração;

• Especificar os tipos de reforços nos vãos das alvenarias.

• Executar corretamente os muros de fechamento de divisas.

Alvenaria, pelo dicionário da língua portuguesa, é a arte ou ofício de pedreiro ou alvanel, ou ainda, obra composta de pedras naturais ou artificiais, ligadas ou não por argamassa.

Modernamente se entende por alvenaria, um conjunto coeso e rígido, de tijolos ou blocos (elementos de alvenaria) unidos entre si por argamassa.

A alvenaria pode ser empregada na confecção de diversos elementos construtivos (paredes, abóbadas, sapatas, etc...) e pode ter função estrutural, de vedação etc...Quando a alvenaria é empregada na construção para resistir cargas, ela é chamada Alvenaria resistente, pois além do seu peso próprio, ela suporta cargas (peso das lajes, telhados, pavim. superior, etc...)

Quando a alvenaria não é dimensionada para resistir cargas verticais além de seu peso próprio é denominada Alvenaria de vedação. As paredes utilizadas como elemento de vedação devem possuir características técnicas que são:

• Resistência mecânica • Isolamento térmico e acústico

• Resistência ao fogo

• Estanqueidade

• Durabilidade

As alvenarias de tijolos e blocos cerâmicos ou de concreto, são as mais utilizadas, mas existe investimentos crescentes no desenvolvimento de tecnologias para industrialização de sistemas construtivos aplicando materiais diversos. No entanto neste capítulo iremos abordar os elementos de alvenaria tradicionais.

4.1 - ELEMENTO DE ALVENARIA

Produto industrializado, de formato paralelepipedal, para compor uma alvenaria, podendo ser:

4.1.1 - Tijolos de barro cozido a - Tijolo comum (maciço, caipira)

São blocos de barro comum, moldados com arestas vivas e retilíneas (Figura 4.1), obtidos após a queima das peças em fornos contínuos ou periódicos com temperaturas das ordem de 900 a 1000°C.

* dimensões mais comuns: 21x10x5 * peso: 2,50kg

* resistência do tijolo: 20kgf/cm²

* quantidades por m²: parede de 1/2 tijolo: 77un parede de 1 tijolo: 148un

Figura 4.1 - Tijolo comum b - Tijolo furado (baiano)

Tijolo cerâmico vazado, moldados com arestas vivas retilíneas. São produzidos a partir da cerâmica vermelha, tendo a sua conformação obtida através de extrusão.

* dimensões: 9x19x19cm * quantidade por m²: parede de 1/2 tijolo: 22un parede de 1 tijolo: 42un

* resistência do tijolo ≅ espelho: 30kgf/cm² e um tijolo: 10kgf/cm²

* resistência da parede ≅ 45kgf/cm²

A seção transversal destes tijolos é variável, existindo tijolos com furos cilíndricos

(Figura 4.2) e com furos prismáticos (Figura 4.3).

No assentamento, em ambos os casos, os furos dos tijolos estão dispostos paralelamente à superfície de assentamento o que ocasiona uma diminuição da resistência dos painéis de alvenaria.

As faces do tijolo sofrem um processo de vitrificação, que compromete a aderência com as argamassas de assentamento e revestimento, por este motivo são constituídas por ranhuras e saliências, que aumentam a aderência.

Figura 4.2 - Tijolo com furo cilíndrico

Figura 4.3 - Tijolo com furo prismático c - Tijolo laminado (21 furos)

Tijolo cerâmico utilizado para executar paredes de tijolos à vista (Figura 4.4). O processo de fabricação é semelhante ao do tijolo furado.

* dimensões: 23x11x5,5cm * quantidade por m²: parede de 1/2 tijolo: 70un parede de 1 tijolo: 140un

* peso aproximado ≅ 2,70kg

* resistência do tijolo ≅ 35kgf/cm²

* resistência da parede: 200 a 260kgf/cm²

Figura 4.4 - Tijolo laminado

A tabela 4.1 determina as dimensões normalizadas para os elementos cerâmicos existentes comercialmente.

Tabela 4.1 - Dimensões normalizadas dos elementos cerâmicos

Tabela NBR - Dimensões nominais de blocos de vedação e estruturais, comuns e especiais

Tipo(A)Dimensões nominais (m)

L x H x C (cm)Largura (L)Altura(H)Comprimento(C)

Medidas especiaisDimensões nominais (m) L x H x C (cm)Largura (L)Altura(H)Comprimento(C)

4.1.2 - Tijolos de solo cimento

Material obtido pela mistura de solo arenoso - 50 a 80% do próprio terreno onde se processa a construção, cimento Portland de 4 a 10%, e água, prensados mecanicamente ou manualmente. São assentados por argamassa mista de cimento, cal e areia no traço 1:2:8 (Figura4.5) ou por meio de cola (Figura 4.6).

* dimensões: 20x10x4,5cm * quantidade: a mesma do tijolo maciço de barro cozido

* resistência a compressão: 30kgf/cm²

(Parte 1 de 4)

Comentários