tratamento de efluentes

tratamento de efluentes

(Parte 1 de 2)

Instituto de Estudos Superiores da Amazônia

Especialização em Gestão, Consultoria, Auditoria, Perícia e Fiscalização Ambiental

Disciplina: Gerenciamento, Monitoramento, Controle e Tecnologias Ambientais

Profa. M.Sc. Aline Christian Almeida Santos 2011

1) NÍVEISDETRATAMENTO

1.1)TRATAMENTO PRELIMINAR

§ Destina-se à remoção de sólidos grosseiros e areia, sendo a remoção de ordem física. Entre as unidade desse tratamento está o dispositivo de medição de vazão.

Fonte: Von Sperling (2005)

2 Processos de tratamento de efluentes industriais

2.1 Processos Físico; Gradeamento

Remoçãode sólidos grosseiros. Causa de entupimentose prejuízos aos processossubseqüentes. gradesmecânicas limpezamanual. O espaçamentoentre as barras varia normalmenteentre 0,5 e 2 cm.

2 Processos de tratamento de efluentes industriais

2.1 Processos Físico; Peneiramento

2 Processos de tratamento de efluentes industriais

2.1 Processos Físico; Peneiramento

Gradeamento, fabricado em chapa de aço e/ou revestidos.

Peneiraestática, fabricada em aço inox.

Peneirarotativa, fabricada em aço inox

2 Processos de tratamento de efluentes industriais 2.1 Processos Físico;

Remoçãode sólidos. Redução de carga orgânica Causa de entupimentose prejuízos aos processossubseqüentes. peneira estática peneira rotativa (jatosde água ou escovas) Abertura para reter sólidos com diametrossup. a 1mm

Peneiramento

1) NÍVEISDETRATAMENTO 1.1)TRATAMENTO PRELIMINAR

ETE SIDERAL: Belém –PA ?Grade.

1) NÍVEISDETRATAMENTO 1.1)TRATAMENTO PRELIMINAR

ETE SIDERAL: Belém ?PA ?Grade.

1) NÍVEISDETRATAMENTO 1.1)TRATAMENTO PRELIMINAR

ETE SIDERAL: Belém –PA ?Desarenador Fonte: Barbosa (2006)

1) NÍVEISDETRATAMENTO 1.1)TRATAMENTO PRELIMINAR

ETE SIDERAL: Belém ?PA ?Desarenador Fonte: Barbosa (2006)

1) NÍVEISDETRATAMENTO

1.2)TRATAMENTO PRIMÁRIO

§ Destina-se à remoção de sólidos em suspensão e sólidos flutuantes

Fonte: Von Sperling (2005)

Decantador de fluxo horizontal

1) NÍVEISDETRATAMENTO 1.2)TRATAMENTO PRIMÁRIO

http://www.emecan.com.br/images/DCL.jpg

1) NÍVEISDETRATAMENTO

1.2)TRATAMENTO SECUNDÁRIO § Destina-se à remoção da matéria orgânica.

Fonte: Von Sperling (2005)

§Variedade de métodos: 1) Lagoas de estabilização e suas variantes; 2) Processos de disposição sobre o solo; 3) Reatores anaeróbios; 4) Lodos ativados; 5) Reatores aeróbios.

1) NÍVEISDETRATAMENTO

1.2)TRATAMENTO SECUNDÁRIO 1) Lagoas de estabilização e suas variantes;

Os esgotos permanecem dias nesse tipo de lagoa. Ocorre uma estabilização aeróbia por bactérias dispersas no meio líquido, como também estabilização anaeróbia no fundo da lagoa. O oxigênio requerido pelas bactérias aeróbias é fornecido por meio da fotossíntese.

Fonte: Von Sperling (2005)

1) NÍVEISDETRATAMENTO

1.2)TRATAMENTO SECUNDÁRIO 1) Lagoas de estabilização e suas variantes;

Desvantagem : Necessidade de grandes áreas. Fonte: Von Sperling (2005)

1) NÍVEISDETRATAMENTO

1.2)TRATAMENTO SECUNDÁRIO 1) Lagoas de estabilização e suas variantes;

Inserção do oxigênio é realizado de forma mecanizada. Fonte: Von Sperling (2005)

(Parte 1 de 2)

Comentários