Divisão celular

Divisão celular

O ciclo celular compreende os processos que ocorrem desde a formação de uma célula até sua própria divisão em duas célulasfilhas.

A principal característica é sua natureza cíclica onde o estudo clássico da divisão celular estabelece duas etapas no ciclocelularciclocelular

Célula se divide originando duas células descendentes e que écaracterizada pela divisão do núcleo(mitose) e a divisão do citoplasma(citocinese).

A etapaseguinte, em que acélula não apresenta mudanças morfológicas, é compreendida no espaço entre duas divisões celulares sucessivas e foi denominada de interfase.

A mitose (do grego: mitos = fila mento) é u m processo de divisão celular, característico detodas as células so máticas vegetais e ani mais

É u m processo continuo que é dividido didatica mente e m 5 fases: Prófase,didatica mente e m 5 fases: Prófase, metáfase, anáfase, telófase, nas quais ocorre m grande modificações no núcleo e nocitoplas ma

O desenvolvi mento das sucessivas fases da mitose são dependentes dos co mponentes do aparelho mitótico

Nesta fase cada cro mosso mo é co mposto por 2 cro mátides resultantes da duplicação do DNA no período S

Estas cro mátides estão unidas pelos fila mentos docentrô mero

A prófasecaracteriza-se pelacontração dos cro mosso mos, que se torna m mais curtos e grossos

Os nucléolos se desorganiza m e os centríolos, que fora m duplicados durante a interfase, migra m u m par para cada pólo celular.

• O citoesqueleto se desorganiza e seus ele ment os vão constituir -se no principal co mpone nt e dofus o mitótico que iniciasua for mação dolado defora do núc leo

• Ofus o mitótico é u ma estrut ur a bipolar co mposta por microtúb ulos e proteína s associadas.

• O final da Prófase, ta mbé m é deno mina da de pré-• O final da Prófase, ta mbé m é deno mina da de pré- metáfase, send o a principal característica destafase, o des me mbra ment o do envoltório nuc lear e m peque na s vesículas que se espalha m pelocitoplas ma

• O fus o é for mado por microtúb ulos anc orados no s centrosso mase que cresce m e mtodasas direções.

• Ofus o agora entra na região do nuc lear einicia-se o alinha ment o doscro mosso mos para o plano equa torial.

Nestafase os cromossomos duplos ocupam o planoequatorial doaparelho mitótico

Os cromossomos adotam uma orientação radial,formandoa placaequatorial.

Os cinetócoros das duas cromátides estão Os cinetócoros das duas cromátides estão voltados para os pólos opostos. Ocorre um equilíbrio deforças Fase onde melhorse visualiza ocariótipo

Inicia-se qua nd o os centrô meros torna m-se func ional ment e duplos.

Co m a separação dos centrô meros, as cromátides separa m-se einicia m sua migração e m direção aos pólos.

Ocentrô mero precede oresto dacro mátide.

Os cro mosso mos são pux ados pelas fibras do fus o e assum e m um for matocaracterístico e m V ouL depend endoassum e m um for matocaracterístico e m V ouL depend endo dotipo decromossomo.

A aná fase caracteriza-se pela migração polar dos cro mossomos. Os cro mosso mos move m-se na mes ma velocidadecerca de 1 micrô metro por minut o.

Dois movi ment os pode m ser disting uidos.: Os MT cine tecóricos enc urta m qua nd o os cro mosso mos aproximam-se dos pólos

• Atelófaseinicia-se quando oscromosomos-filhos alcançam os pólos.

Os MTcinetecóricos desaparecem e os MT polares alongam-se. • Os cromossomos começam ase desenrolar, nu m processoinverso a prófase • Estes cromossomos agrupam-se em massas de cromatina que são circundadas por cisternas de RE, os quais sefundem paraformar u m novo envoltório nuclear

• Processo declivagem eseparação docitoplasma. • A citocineseteminicio na anáfase etermina após atelófase com a formação dascélulasfilhas • Em células animais forma-se uma constrição, ao nível da zona equatorial dacélula mãe, que progridee estrangula ocitoplasma. •Esta constrição é devida ainteração molecular de actina e miosina e microtúbulos

• Comoresultado de u ma divisão mitóticateremos duas célulasfilhas com número decromossomosiguaisa dacélula mãe.

Organis mos si mples pode m reproduzir-se através de divisões si mples. Este tipo de reprodução assexuada é si mples e direta e produz organis mos genetica menteiguais

A reprodução sexual por sua vez, envolve u ma mistura de geno mas de 2indivíduos, para produzir u mindivíduo que difere m genetica mente deseus parentaisgenetica mente deseus parentais

O ciclo reprodutivo sexual envolve a alternância de gerações de células haplóides,co m gerações decélulas diplóides

A mistura de geno mas érealizada pelafusão de células haplóides que for ma m células diplóides. Posterior mente novas células diplóides são geradas quando os descendentes de células diplóides se divide m pelo processo de meios

Co m exceção dos cro mosso mos que deter mina m o sexo, u m núcleo de célula diplóide conté m duas versões si milares de cada cro mosso mo autosso mo, u m cro mosso mo paterno e u m cro mosso mo materno

Essas duas versões são cha madas de ho mologas, e na maioria das células possue m existência co mo cro mosso mosindependentes. Essas duas versõessão deno minadas de ho mólogosEssas duas versõessão deno minadas de ho mólogos

Quando o DNA é duplicado pelo processo dereplicação, cada u m desses cro mosso mos é replicado dando orige m as cro mátides que são então separadas durante a anáfase e migra m para os pólos celulares

Desta maneiracadacélulafilharecebe u macópia docro mosso mo paterno e u macópia docro mosso mo materno

•A meiose(meioum = diminuir) ocorre nas células produtoras de gametas. •Os gametas masculinos e femininos (espermatozóides e óvulos) que são produzidos nos testículos e ovários respectiva mente as gônadas femininas e masculinas. Os gametas se originam de células denominadas espermatogônias e ovogôniase ovogônias • A regulação do processo meióticoinicia-se durante a fase mitótica, ondese observam: 1) Período Slongo; 2) aumento do volume nuclear

• Pode-se definir meiose como sendo o processo pelo qual nú mero decro mosso mos éreduzidoa metade

•A meiose é um processo que envolve 2 divisões celulares com somente uma duplicação de cromossomos

Fases da Meiose

• A meiose ocorre apenas nas células das linhagens germinativas(masculina efeminina) e é constituída por duas divisõescelulares: MeioseI e

MeioseII. • MeioseI: divisãoreducional

• MeioseII: divisãoequacional• MeioseII: divisãoequacional

• Antes doinício da meiose I as células passam por um processo semelhante ao que ocorre duranteainterfase dascélulassomáticas

• Os núcleos passam pelo intervalo G1, que precede o período de síntese de DNA, período S, quando o teor de DNA é duplicado, e pelo intervalo G2.

A prófase I é de longa duração e muito complexa. Os cromossomos homólogos se associam formando pares, ocorrendo permuta(crossing-over) de material genético entre eles.

•Os cromossomos tornam-se visíveis como delgados fios quecomeçam asecondensar, mas aindaformam um densoemaranhado.

• Nesta fase inicial, as duas cromátides- irmãs de cada cro mossomo estão alinhadas tãointimamente que nãosão distinguíveis.

•Os cromossomos homólogos começam a combinar- seestreitamente aolongo detoda asua extensão

• O processo de pareamento ou sinapse é muito preciso.

•Os cromossomos tornam-se bem mais espiralados. O pareamento é completo e cada par de homólogos aparece como um bivalente ( às vezes denominados tétrade porque contém quatrocromátides)

• Neste estágio ocorre o crossing-over, ou seja, a troca de segmentos homólogos entre cromátides nãoirmãs de um par decromossomos homólogos.

Ocorre o afastamento dos cromossomos homólogos que constituem os bivalentes.

•Os dois homólogos de cada bivalente mantêm-se unidos apenas nos pontos denominados quiasmas(cruzes).

Neste estágio os cromossomos atingem a condensação máxima.

• Háo desapar eci ment o da mem br ana nucl ear

• For ma- se um fuso e os cr om osso mos par ead os se alinham no plan o equat orial da cél ula com seus cent rôm er os orient ados par a pól os difer ent es.

•Os dois membros de cada bivalente se separam e seus respectivos centrômeros com as cromátides-irmãs fixadas são puxados para pólos opostos dacélula • Os bivalentes distribuem-seindependentemente uns dos outros e, em conseqüência, os conjuntos paterno e materno originais sãoseparadosemcombinaçõesaleatórias.

• Nesta fase os dois conjuntos haplóides de cromossomos se agrupam nos pólos opostos dacélula.

•A meiose I tem início nas células resultantes da telófaseI,sem que ocorraainterfase • A meioseIItambém éconstituída por quatrofases

• É bem simplificada, visto que os cromosso mos não perdemasuacondensação durante atelófaseI

• Assim, depois da formação do fuso e do desaparecimento da membrana nuclear, as células resultantes entramlogo na metáfaseII.

• Os 23 cromossomos subdivididos em duas cromátides unidas por umcentrômero prendem-seaofuso

• Após a divisão dos centrômeros as cromátides de cada cromossomo migram para pólos opostos.

•Forma-se uma membrana nuclear ao redor de cada conjunto decromátides

Comentários