Amamentação assistente social

Amamentação assistente social

(Parte 1 de 2)

RECOMENDAÇÃO DO MINISTÉRIO DA SAÚDE E DA ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DA SAÚDE (54ª AMS / MAIO DE 2001)

ALEITAMENTO MATERNO EXCLUSIVO ATÉ OS 6 MESES E CONTINUADO ATÉ OS 2 ANOS DE IDADE OU MAIS

Aleitamento Materno ExclusivoAleitamento Materno Exclusivo

Crianças que recebem somente leite materno, sem água, nem chá, nem suco;

Aleitamento Materno PredominanteAleitamento Materno Predominante

Aleitamento Materno PredominanteAleitamento Materno Predominante

Crianças que recebem leite materno de forma predominante, e também água, chá ou suco;

Aleitamento MaternoAleitamento Materno

Alimentação Complementar OportunaAlimentação Complementar Oportuna

Crianças que recebem leite materno

( a partir dos 6 meses completos)( a partir dos 6 meses completos) Crianças que recebem leite materno e alimentos sólidos

"A chave para melhorar a prática do "A chave para melhorar a prática do aleitamento materno é dar apoio aleitamento materno é dar apoio contínuo diacontínuo dia--a--dia à mãe lactante em dia à mãe lactante em contínuo diacontínuo dia--a--dia à mãe lactante em dia à mãe lactante em sua casa ou em sua comunidade". sua casa ou em sua comunidade".

De: Saadeh RJ, editor (1993). Breastfeeding: the technical basis and recommendations for action. Genebra: OMS: 62-74

O QUE É APOIO ? “ Tudo que serve de sustentáculo, de

“ Tudo que serve de sustentáculo, de suporte, auxílio, socorro, amparo, aprovação, aplauso, fundamento”

Convide o familiar Convide o familiar mais próximo a mais próximo a participar da participar da consulta.consulta.

À empregada gestante é assegurada licença de 120 dias consecutivos, sem prejuízo do emprego e da remuneração, podendo ter início no primeiro dia do nono mês de gestação, salvo antecipação por prescrição médica .

CONSTITUIÇÃO NACIONAL –ARTIGO 7º –INCISO XVIII

É vedada a dispensa arbitrária ou DIREITO À GARANTIA NO EMPREGODIREITO À GARANTIA NO EMPREGO

CONSTITUIÇÃO NACIONAL CONSTITUIÇÃO NACIONAL ARTIGO 10 ARTIGO 10 ––INCISO IINCISO I

É vedada a dispensa arbitrária ou se m justa causa da mulher trabalhadora durante o período de gestação e lactação, desde a confir mação da gravidez até cinco meses após o parto.

Todo o estabeleci mento que e mpregue mais detrinta mulheres co m mais de 16 anos deidade deveráterlocal apropriado, onde seja per mitido às e mpregadas guardar sob vigilância e assistência, seus filhos no período de a ma mentação.

Essa exigência poderá ser suprida por meio de creches distritais mantidas, direta mente ou mediante convênios, co m outras entidades públicas ou privadas co mo SESI, SESC, ou entidades sindicais.

filhos no período de a ma mentação.

CLT –ARTIGO 389 –PARÁGRAFOS 1º e 2º

Para a ma mentar o próprio filho, até que este co mplete seis meses de idade, a mulher terá direito, durante a jornada de mulher terá direito, durante a jornada de trabalho, a dois descansos especiais, de meia hora cada u m. Quando exigir a saúde do filho, o período de seis meses poderá ser dilatado a critério da autoridade co mpetente.

CLT – ARTI G O 396 – PARÁGRAFO ÚNICO

TodosTodos osos trabalhadorestrabalhadores tê mtê m direitodireito a 5 diasdias consecutivos,consecutivos, se mse m prejuízoprejuízo dadare muneração,re muneração, pelopelo nasci mentonasci mento ouou adoçãoadoção dede filhosfilhos..

C ONSTITUIÇÃ OC ONSTITUIÇÃ O NACIONALNACIONAL –– ARTIG OARTIG O 7º ––INCISOINCISO XIXXIX

Instituto de Saúde CIP/SES-SP

AproveiteAproveite a gestaçãogestação parapara falarfalar co mco m asas mulheresmulheres sobresobre a a ma mentaçãoa ma mentação asas mulheresmulheres sobresobre a a ma mentaçãoa ma mentação

Estimule a criação de grupos de Estimule a criação de grupos de gestantesgestantes

Realize palestras de aleitamento Realize palestras de aleitamento maternomaterno

Pré Natal

Temas que devem ser abordados:Temas que devem ser abordados:

Vantagens da amamentação

Como produzir e manter Como produzir e manter Alojamento Alojamento a produção de leitea produção de leite

Início precoce do aleita mento

Alojamento Alojamento conjuntoconjunto

Aleitamento Aleitamento materno exclusivomaterno exclusivo

Livre demandaLivre demanda

Riscos da alimentação artificial

Desesti mule o uso de alguns costu mes que não são necessários para o sucesso do aleita mento materno aleita mento materno Uso do sutiãUso do sutiã

Preparo do bicoPreparo do bico

Uso de pomadas Uso de pomadas ou lubrificantesou lubrificantes

Expressão manual de Expressão manual de colostrocolostro

O conhecimento é apenas um dos fatores que influenciam a intenção de amamentar

Perto do nascimento do bebê são influências importantes: amigas, irmãs, outros parentes e companheiros

A infor mação isolada mente pode não sertão efetiva

São necessárias outras estratégias: incluir as pessoas que pode m influenciar a futura mãe nos progra mas de educação pré-natal

RECOMENDAÇÃO DO MINISTÉRIO DA SAÚDE E DA RECOMENDAÇÃO DO MINISTÉRIO DA SAÚDE E DA ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DA SAÚDE ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DA SAÚDE (54ª AMS / MAIO DE 2001)(54ª AMS / MAIO DE 2001)

(Parte 1 de 2)

Comentários