Reações químicas

Reações químicas

QFL 1100 - Química Geral e Inorgânica Básica - Oceanografia

Relatório de química II

Tipos de Reações Químicas

Aluno: Bianca Sung Mi Kim 6810255

Carolini Stodolnik Raineri 6444500

1.

1.1- Reações onde se formam produtos pouco solúveis

1.1 (a) Observações: Inicialmente as duas soluções (nitrato de prata e cloreto de sódio) são incolores. Após a mistura das soluções, observa-se que a solução turva-se, e após 30 minutos houve a formação de AgCl (cloreto de prata) que é insolúvel em água, precipitando após a reação.

Reação Química: AgNO3(aq) + NaCl(aq) AgCl(s) + NaNO3(aq)

1.1 (b) Observações: Inicialmente as duas soluções (sulfato de sódio e cloreto de bário) são incolores. Após a mistura das soluções, observa-se que a solução turva-se, pois houve a formação de BaSO4 (sulfato de bário), composto insolúvel em água que precipitou logo após a reação.

Reação Química: BaCl2(aq) + Na2SO4(aq)  BaSO4(s) + 2NaCl(aq)

1.1 (c) Observações: Inicialmente a solução de cloreto de bário é incolor, enquanto a de cromato de potássio e alaranjada. Após a reação entre as soluções nota-se a formação de um precipitado amarelo.

Reação Química: BaCl2(aq) + K2CrO4(aq)  BaCrO4(s) + 2KCl(aq)

O BaCrO4 (cromato de bário) é insolúvel em água, logo precipita após a reação.

1.1 (d) Observações: No sistema indicado, foi colocado ácido clorídrico, que era incolor, e pó de mármore, aparentemente branco. Na reação, percebeu-se a formação de um gás, que ao passar pelo tubo, entrando em contato com a água de barita (hidróxido de bário) contida no erlenmeyer, formou um precipitado branco (carbonato de bário), mostrando que o gás formado é o dióxido de carbono.

Reação Química: 2HCl(aq) + CaCO3(s)  CaCl2(aq) + H2O + CO2(g)

Ba(OH)2(aq) + CO2(g)  BaCO3(s) + H2O(l)

1.2– Reações onde se formam produtos pouco dissociados

1.2 (a) Diluímos 5 gotas de ácido nítrico 1,0 mol/L em água destilada e em seguida medimos o pH que é igual a 1. Isso nos prova que essa solução é muito ácida.

Reação Química: HNO3 H+(aq)+ NO3-(aq)

1.2 (b) Ao Adicionarmos água ao acetato de sódio, ha uma dissociação (hidrolise do sal), com a formação de uma base (NaOH) e um ácido (ácido acético). Os produtos da reação acabam reagindo entre si, em uma reação de neutralização. Deixando o pH igual a ... .

Reação Química: CH3COO-Na+ (s) + H2O(l)  NaOH(l) + C2H4O2(aq)

1.2 (c) Ao misturarmos cloreto de amônio em água, ocorre a reação de dissociação, segundo a reação

Reação Química: 2NH4Cl(aq) + 2H2O(l)  <NH4OH> + 2H+(aq) + OH-(aq) + NH4+(aq)+ 2Cl-(aq)

Com a ionização da água, há a formação dos íons H+ e OH-, e com a dissociação do NH4Cl há formação dos íons NH4+e Cl-. O ion NH4+reage (em pouca quantidade) com o OH- , havendo dessa forma, um excesso de H+ em relação à OH- , que é responsável pelo caráter ácido (pH=6) da solução.

1.2 (d) Ao misturarmos sulfato de alumínio com água, há a ocorrência da ionização da água e da dissociação do sulfato de alumínio. Em seguida, ocorre a interação entre o íon Al3+ com OH-. Dessa forma, a equação global da reação é a seguinte.

Reação Química:

Al2(SO4)3(aq) + 4H2O(l)  Al3+(aq) + 3SO42-(aq) + 4H+(aq) + OH-(aq) + Al(OH)3

Como o Al3+ reage com o OH-, a concentração de OH-na solução diminui, havendo um excesso de H+, em relação ao OH-, responsável pelo caráter ácido (pH=4) da solução.

1.2 (e) Ao medirmos o pH da solução, notamos que o acido acético tem caráter ácido, dando um pH=4.

Reação química: CH3COOH(aq)  CH3COO-(aq) + H+(aq)

No caso do sabão, todos os compostos (fosfatos, carbonatos e silicatos) se dissociam em água e seus íons reagem com H+. Com um déficit de H+ na solução, há um excesso de OH-livre na solução, responsável pelo caráter básico (pH=10).

1.3- Reações em que se formam produtos complexos

1.3 (a) Ao misturarmos 10 gotas de solução de sulfato de cobre 0,1 mol/L com uma gota da solução de amônia 30%, não houve nenhuma diferença, no entanto quando adicionamos mais duas gotas da solução de amônia, há formação de uma solução azulada, com a formação de um precipitado.

Reação química: CuSO4(aq) + NH3(aq) + H2O(l)  (NH4)SO4(aq) + Cu(OH)2(s)

1.3 (b) Ao diluirmos nitrato de ferro (III) em água destilada, há ocorrência de uma reação de dissociação: Fe(NO3)3 (aq) + H2O(l)  Fe3+(aq) + 3NO3-(aq)

Quando adicionamos tiocionato de potássio a essa solução, ele também se dissocia: KSCN(aq) + H2O(l)  K+(aq) + SCN-(aq)

Assim, SCN- reage com o Fe3+, havendo formação de [Fe(SCN)6]3-, que e responsável pela cor vermelho-sangue da solução.

Reação Química: Fe3+(aq) + 6 SCN-(aq) [Fe(SCN)6]3-

1.4 – Reações onde ocorrem transferências de elétrons

1.4 (a) As semi-reações são:

Fe0 + 2e-  Fe2+ (Oxidação)

Cu2+  Cu0 + 2e- (Redução)

Global: Fe0 + Cu2+  Fe2+ + Cu0

Agente Redutor: Fe (prego)

Agente Oxidante: CuSO4

Observações: quando colocamos o prego na solução de sulfato de cobre, ocorre uma reação redox, ou seja, há a transferência de elétrons do ferro para a solução, tendo como conseqüência a oxidação do ferro.

1.4 (b) Ao aproximar a fita de magnésio da chama, com a presença de oxigênio, ocorre uma forte emissão de luz, devido à transferência de elétrons.

Reação Química: 2Mg(s) + O2(g)  2MgO(s)

Foi colocada água destilada junto ao solido obtido. E depois algumas gotas de fenolftaleína. A coloração ficou rósea, provando que o oxido de magnésio é um oxido básico, devido à presença do magnésio, um metal alcalino terroso.

Comentários