sus sp 2010

sus sp 2010

(Parte 1 de 11)

Dezembro/2009

- Verifiqueseestecaderno:

-correspondeasuaopção. -contém100questões,numeradasde1a100.

Caso contrário,reclameaofiscaldasalaumoutrocaderno. Nãoserãoaceitasreclamaçõesposteriores. - ParacadaquestãoexisteapenasUMArespostacerta.

- Vocêdevelercuidadosamentecadaumadasquestõeseescolherarespostacerta.

- EssarespostadevesermarcadanaFOLHADERESPOSTASquevocêrecebeu.

- Procurar,naFOLHADERESPOSTAS,onúmerodaquestãoquevocêestárespondendo. - Verificarnocadernodeprovaqualaletra(A,B,C,D,E)darespostaquevocêescolheu.

- MarcaressaletranaFOLHADERESPOSTAS,conformeoexemplo:

- Marqueasrespostasprimeiroalápisedepoiscubracomcanetaesferográficadetintapreta. - Marqueapenasumaletraparacadaquestão,maisdeumaletraassinaladaimplicaráanulaçãodessaquestão.

- Respondaatodasasquestões.

- Nãoserápermitidaqualquerespéciedeconsulta,nemousodemáquinacalculadora.

- Vocêterá4horas pararesponderatodasasquestõesepreencheraFolhadeRespostas.

- Aotéminodaprova,chameofiscaldasalaparadevolveroCadernodeQuestõesesuaFolhadeRespostas.

- Proibidaadivulgaçãoouimpressãoparcialoutotaldapresenteprova.DireitosReservados.

Conhecimentos MédicosPROV A

SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE - SUS/SP Secretaria de Estado da Saúde

Seleção Pública Para Residência Médica - 2010 Áreas Básicas e Especialidades com Acesso Direto

N do CadernooN de Inscriçãoo

ASSINATURADO CANDIDATO N do Documentoo

Nome do Candidato

CONSELHO DE ENSINO Coordenação de Recursos Humanos

Caderno de Prova ’203’, Tipo 004MODELO0000000000000000 MODELO1

2 SUS-RM-Conhecimentos Médicos

1. Segundo as estimativas do Instituto Nacional do Câncer para o ano de 2008, se excluirmos os cânceres de pele não-melanoma, os 5 cânceres mais frequentes no Brasil são, da maior para a menor frequência, respectivamente,

(A) HOMENS: estômago, pulmão, próstata, cólon/reto, boca. MULHERES: colo do útero, mama, cólon/reto, pulmão, ovário.

(B) HOMENS: próstata, pulmão, cólon/reto, linfomas, boca. MULHERES: mama, colo do útero, pulmão, estômago, cólon/reto.

(C) HOMENS: pulmão, próstata, estômago, cólon/reto, boca. MULHERES: mama, colo do útero, cólon/reto, pulmão, estômago.

(D) HOMENS: próstata, pulmão, estômago, cólon/reto, boca. MULHERES: mama, colo do útero, cólon/reto, pulmão, estômago.

(E) HOMENS: pulmão, próstata, cólon/reto, boca, leucemias. MULHERES: colo do útero, mama, cólon/reto,

2. A Sífilis congênita é o resultado da disseminação hematogênica do Treponema pallidum, da gestante infectada não tratada ou inadequadamente tratada para o seu concepto, durante a gestação, via transplacentária. É um problema de saúde pública no Brasil e foi incluída na lista de doenças de notificação compulsória desde 1986, em um esforço para atingir o seu controle.

Com relação à sífilis congênita é correto afirmar:

(A) Se o RN apresentar alteração liquórica, o tratamento deve ser realizado com pencicilina G benzatina, 2.400.0 UI, via intramuscular.

(B) Se a sorologia do RN for reagente e a criança assintomática, o tratamento é 50.0 UI de penicilina em dose única, via intramuscular, durante os seis primeiros meses de vida.

(C) O RN só deve ser tratado se houver alterações clínicas e/ou ósseas, e/ou hematológicas, e o tratamento é realizado com 50.0 UI de penicilina em dose única, via intramuscular.

(D) O RN deve ser tratado com 50.0 UI de penicilina em dose única, via intramuscular, sempre que a mãe tiver um teste treponêmico reagente durante a gestação.

(E) Se não houver alterações clínicas, radiológicas, hematológicas e ou liquóricas, e a sorologia for negativa, deve-se proceder o tratamento com dose única de pencicilina G benzatina, em dose única,

3. Segundo a Organização Mundial da Saúde, qual das seguintes afirmativas abaixo NÃO é um requisito para o estabelecimento de um programa de rastreamento para uma determinada doença (screening)?

(A) Deve existir um tratamento para a doença. (B) O programa deve ser financiado pelo governo.

(C) A doença deve ser um importante problema de saúde pública

(D) O teste deve ser aceitável para a população.

(E) A história natural da doença deve ser bem compreendida.

4. Um estudo que tinha como objetivo avaliar a associação entre tabagismo e neoplasia de laringe acompanhou uma coorte de voluntários que incluía tabagistas e não tabagistas por 10 anos. Ao final do estudo foi encontrado um risco relativo de neoplasia de laringe igual à 2,5 quando os voluntários tabagistas foram comparados aos voluntários não tabagistas.

O risco relativo calculado representa uma

(A) razão de proporções. (B) razão de odds. (C) taxa. (D) proporção.

5. As seguintes ações são exemplos de estratégias de prevenção secundária, EXCETO:

(A) Fluoretação da água (prevenção da cárie dental).

(B) Controle da pressão arterial (prevenção das doenças cardiovasculares).

(C) Mamografia (prevenção do câncer de mama). (D) Papanicolau (prevenção do câncer do colo uterino).

(E) Envio de uma pessoa que sofreu abuso para um abrigo, a fim de mantê-la em segurança (prevenção

6. Segundo a nota técnica no 06/07/DEVEP/SVS/MS, qual das seguintes vacinas é recomendada pelo Ministério da Saúde, para viajantes procedentes de áreas internacionais de risco para transmissão da doença ou com destino a estas áreas, bem como para viajantes cujos destinos sejam as áreas nacionais de risco para transmissão da mesma?

(Parte 1 de 11)

Comentários