F. Brunetti - Exercícios Resolvidos - Cap. 7

F. Brunetti - Exercícios Resolvidos - Cap. 7

(Parte 1 de 4)

Capítulo 7

No Capítulo 4 apresentou-se a equação da energia com essas hipóteses, resultando: :

é: HM, v, p ou z. Entretanto, esta tarefa somente será viável se for conhecida a perda de carga

Este capítulo dedica-se, fundamentalmente, ao estudo desse termo para condutos forçados, estabelecendo as bases do cálculo de instalações hidráulicas. A definição das linhas da energia e piezométrica estabelece uma maneira interessante de visualização do andamento da energia e da pressão ao longo do escoamento, que pode facilitar a solução de problemas voltados à solução de instalações.

Exercício 7.1

hz p vz p

Como se trata de um gás, a diferença de cotas pode ser desprezada desde que esta não seja muito grande. Considerando a mina como um reservatório de grandes dimensões, v0 ≅ 0 e, na escala efetiva p1 = 0, obtêm-se:

D Lf pg2 v

Lfg2v g2vD

Lf g2

Como f = f(Re) e Re = f(v), o problema deverá ser resolvido por tentativas.

Uma forma de obter rapidamente o resultado, consiste em adotar o f correspondente à parte horizontal da curva de k DH calculado para o problema. Observa-se que se o Re for relativamente grande, o f estará nessa parte da curva, o que evitará novas tentativas.

Ao observar o Moody-Rouse nota-se que o Re é suficientemente alto para que se possa adotar o f correspondente à parte horizontal da curva de DH/k (escoamento hidraulicamente rugoso). Nesse caso, confirma-se o f e, conseqüentemente, o valor da velocidade. Assim:

Exercício 7.2

L f1h g2 vk g2vD

L f g2 vhzHHH

D :RouseMoody g2 vkD

LfH

HHhzz H

Exercício 7.3 a) Obviamente a máquina é uma bomba, pois .ppentradasaída>

BsBe pH

hgD2 f g2vD Lfh g2 vkhehhH

H)b

H f spf

2 sssfp

Exercício 7.4

g2 vk D f1zz p g2 vk g2vD fz p v zHHH)b

DvQ kD Lf gH2 g2 vkD

LfH

Exercício 7.5

Hzp H

3 B B

gDh2 f g2vD

L fh g2 vkh spf 3 c) Como os dois tubos têm o mesmo diâmetro e material e o fluido é o mesmo, tem-se o mesmo f.

g2 vk D

L fhhH

5 sfp

HHz p

H)d

A vazão é considerada a mesma, pois para p4 = cte, é necessário que o nível se mantenha constante.

g2 vk g2vD

L fh)e seq feq

Bj,fpjBf Td,apdTa

Exercício 7.7 Como no resto do circuito a perda de carga é desprezível:

m135HH

pB A,C

A velocidade média no trecho CA será:

A Qv

Imaginando um tubo equivalente de C até A: ()

D RouseMoodyDo hgD2 f g2vD Lfh

(Parte 1 de 4)

Comentários