Febre de Origem Obscura

Febre de Origem Obscura

1. Geralmente as células como resposta inflamatória secretadam substâncias pirogênicas (a mais conhecido é a interleucina 1).

1. Geralmente as células como resposta inflamatória secretadam substâncias pirogênicas (a mais conhecido é a interleucina 1).

2. Essas substâncias pirogênicas agem no hipotálamo (o termostato do corpo), reconfigurando-o para uma temperatura mais alta, e ao fazê-lo, evoca os mecanismos de aumento de temperatura do corpo, fazendo-o aumentar a temperatura a níveis acima do normal.

Doenças febris com temperatura geralmente maior que 37,8, por mais de 3 semanas, aferida em várias ocasiões, com repercussão no estado geral, e cujo diagnóstico etiológico não foi possível fazer pelos exames usualmente realizados nestas circunstâncias.

Doenças febris com temperatura geralmente maior que 37,8, por mais de 3 semanas, aferida em várias ocasiões, com repercussão no estado geral, e cujo diagnóstico etiológico não foi possível fazer pelos exames usualmente realizados nestas circunstâncias.

Infecciosas

    • Infecciosas
    • Neoplasias sólidas e hematológicas
    • Inflamatórias não infecciosas
    • Não diagnosticadas

Caracterização da Febre:

    • Caracterização da Febre:

Últimos seis meses, Idade.

    • História Clínica Minuciosa:

Imunossuprimido, uso de medicação.

    • Historia Epidemiológica Exaustiva:

Zona rural, Leite cru, Contagio intra familiar de tuberculose, Contato com animais domésticos.

Exames Físico :dor aos movimentos das articulações; Artrite transitória; Dor óssea; Erupções transitórias; Alterações da pele; Sopro cardíaco; Adenomegalia; Secreção Nasal; Hepatoesplenomegalia; Exame oftalmológico;

    • Exames Físico :dor aos movimentos das articulações; Artrite transitória; Dor óssea; Erupções transitórias; Alterações da pele; Sopro cardíaco; Adenomegalia; Secreção Nasal; Hepatoesplenomegalia; Exame oftalmológico;
    • Exames complementares: hemograma, hemocultura, sorologia HIV, CMV, toxoplasmose e Epstein-Baar;
    • urina, fezes;
    • PPD, Rx, US, TC;

Ajustar doses ao peso corporal:

*paracetamol (15-30 mg/kg), *ibuprofeno (5-10 mg/kg),

*ácido acetilsalicílico (10 mg/kg), *dipirona (16 mg/kg),

Os picos de efeito devem ser atingidos em 3-4 horas após a administração.

Só depois desse período outras medidas anti-térmicas podem ser usadas.

Marcondes Eduardo; Pediatria Básica – Pediatria Clínica Geral – Volume II, 9 ed. Editora Sarvier.

  • Marcondes Eduardo; Pediatria Básica – Pediatria Clínica Geral – Volume II, 9 ed. Editora Sarvier.

  • Nelson; Tratado de Pediatria – Volume Único, 17 ed. Editora Elsevier.

  • Murahovschi Jaime; Pediatria – Diagnóstico mais Tratamento – Volume Único, 6 ed. Editora Sarvier.

  • Focaccia Roberto;Tratado de infectologia – Volume II, 3 ed. Editora Atheneu.

Comentários