Hepatites virais

Hepatites virais

(Parte 1 de 8)

José Serra Ministro de Estado da Saúde

João Yunes Secretário de Políticas de Saúde

Pedro Chequer Coordenador Nacional de DST e Aids

Hélio Moraes de Souza Coordenador Nacional de Sangue e Hemoderivados

Miriam Franchini e Hélio Moraes de Souza Coordenadores do projeto TELELAB -Série Sangue

Autores:

Ana Maria Coimbra Gaspar Clara T. Tachibana Yoshida

Dagmar Kiesslich

Edwin Antônio S. Castillo

Geni N. Noceti de Lima Câmara Neiva Sellan Lopes Gonçales Luiz Alberto Peregrino Ferreira Maristela Arantes Marteleto (pedagogia)

Hepatites Virais – Triagem e diagnóstico sorológico em unidades hemoterápicas e laboratórios de saúde pública. – Brasília: Ministério da Saúde, Coordenação Nacional de Doenças Sexualmente Transmissíveis e Aids. 1998. 68 p.: il. (Série TELELAB )

1. Hepatites Virais – Triagem e diagnóstico sorológico em unidades hemoterápicas e laboratórios de saúde pública I. Coordenação Nacional de Doenças Sexualmente Transmissíveis e Aids (Brasil) I. Série TELELAB

Apresentação

Coordenação Nacional de DST e Aids e a

Coordenação de Sangue e Hemoderivados do Ministério da Saúde, em nome do compromisso com a melhoria do atendimento à população, unem seus esforços a fim de promover o aperfeiçoamento dos profissionais dos laboratórios de saúde pública e das unidades hemoterápicas.

Nessa perspectiva, os cursos do Sistema de Educação a

Distância – TELELAB, organizados numa abordagem favorável ao repensar da prática profissional, oferecem aos profissionais da saúde uma oportunidade de adquirir conhecimentos embasados em critérios técnico-científicos de qualidade para assegurar o padrão de excelência desejável no atendimento aos usuários dos serviços de saúde.

Queremos deixar registrado nosso agradecimento a todos os que contribuíram na produção dos vídeos e dos manuais que compõem os cursos. Esses especialistas de áreas tão diversas aproveitaram as diferenças para realizar um trabalho harmônico e integrado, o que reforça a nossa idéia de que é em equipe e em parceria que se constrói um sistema único de saúde com qualidade.

Aos alunos do TELELAB nossas boas vindas e votos de sucesso!

Pedro Chequer Hélio Moraes de Souza

Coordenador Nacional de DST e Aids Coordenador Nacional de Sangue e Hemoderivados

Seja bem--vindo ((a))!!

Você agora faz parte do TELELAB, um Sistema de Educação a Distância do Ministério da Saúde. Estão à sua disposição os seguintes cursos:

Cursos – TELELAB Pré-requisitos 01 - Técnicas para Coleta de Secreções - 02 - Técnicas para Coleta de Sangue - 03 - Técnica de Coloração de Gram Curso 01

04 - Cultura, Isolamento e Identificação de "Neisseria gonorrhoeae"Curso 01 e Curso 03

05 - Diagnóstico Laboratorial da ChlamydiaCurso 01 06 - Diagnóstico Sorológico da Sífilis Curso 02 07 - Diagnóstico Sorológico do HIV: Testes de Triagem Curso 02 08 - Diagnóstico Sorológico do HIV: Testes Confirmatórios Curso 02 e Curso 07 09 - Coleta de Sangue de Doadores - 10 - Preparação de Hemocomponentes Curso 09

1 - Doença de Chagas – Triagem e Diagnóstico Sorológico em unidades Hemoterápicas e Laboratórios de Saúde Pública Curso 02

12 - HTLV-I/I – Triagem e Diagnóstico Sorológico em Unidades Hemoterápicas e Laboratórios de Saúde Pública Curso 02

13 - Hepatites Virais – Triagem e Diagnóstico Sorológico em Unidades Hemoterápicas e Laboratórios de Saúde Pública Curso 02

14 - Controle de Qualidade de Testes Sorológicos em

Unidades Hemoterápicas e Laboratórios de Saúde Pública

Curso 06 ou 07 ou 1 ou 12 ou 13

15 - Equipamentos – Utilização e Monitoramento em Unidades Hemoterápicas e Laboratórios de Saúde Pública Um dos cursos anteriores

16 - Biossegurança em Unidades Hemoterápicas e Laboratórios de Saúde Pública Um dos cursos anteriores

Observações: 1. Você se inscreve em um curso por vez, escolhido de acordo com seu interesse e/ou necessidade do serviço, respeitando os pré-requisitos identificados. 2. O curso Controle de Qualidade de Testes Sorológicos é complemento essencial para todos os cursos de diagnósticosorológico. Ele deve ser feito imediatamente após a conclusão do primeiro desses cursos (06 ou 07 ou 1 ou 12 ou 13). 3.Os cursos de Equipamentos (15) e de Biossegurança (16) – são complementos essenciais para todos os outros cursos e devem ser feitos após o primeiro curso concluído por você.

Como funciona

Os cursos do TELELAB estão programados de modo a não interferir na sua rotina de trabalho e você tem 1 mês para concluir cada curso que fizer. Em cada um deles, você:

Pré-teste Vídeo faz um pré-teste e, depois, assiste a um vídeo quantas vezes quiser, no lugar combinado com a coordenação local do TELELAB;

Manual estuda o manual correspondente, no tempo, horário e lugar de sua preferência;

Pós-teste faz um pós-teste para avaliação de sua aprendizagem;

Certificado depois de acertar no mínimo 80% do pós- teste, recebe, um certificado.

Para esclarecimentos de dúvidas e sempre que precisar, comunique-se diretamente com: TELELAB - CN-DST/AIDS – MS Fax gratuito: 0800-612436

Ao final do curso "Hepatites Virais - Triagem e Diagnóstico

Sorológico em Unidades Hemoterápicas e Laboratórios de Saúde Pública", você será capaz de:

Tidentificar os procedimentos e as técnicas recomendados pelo

Ministério da Saúde para a triagem sorológica de doadores de sangue e para o diagnóstico sorológico das hepatites virais;

Texecutar os testes para detecção dos marcadores sorológicos das hepatites virais A, B e C, obedecendo a critérios técnicos e de controle de qualidade.

HEPATITES VIRAIS3

Sumário

INTRODUÇÃO 7 HEPATITES VIRAIS 7 introdução 9 principais vírus 10 formas de transmissão e distribuição geográfica 12 manifestações clínicas 13 vacinas 14

(Parte 1 de 8)

Comentários