Um olhar nas experiências de gestantes que praticam exercícios físicos em três passos - rs

Um olhar nas experiências de gestantes que praticam exercícios físicos em três...

(Parte 1 de 6)

1 DIANE ALINE HÜBNER

Monografia apresentada ao Curso de Educação Física/Regime Especial, da Universidade Regional do Noroeste do Rio Grande do Sul – UNIJUÌ, como requisito parcial para obtenção do título de Grau de Licenciatura em Educação Física.

Orientadora: Profª Drª Maria Simone Vione Schwengber

DEDICATÓRIADEDICATÓRIADEDICATÓRIADEDICATÓRIA

À Deus por tudo que me proporciona na vida. À minha mãe e meu pai, os quais amo muito, pelo exemplo de vida e família, e por tudo que fizeram por mim. A minha irmã Dinéia e cunhado Élton por tudo que me ajudaram até hoje.

companheirismo

Ào meu namorado Cristiano, pelo carinho, compreensão e A minha amiga Marilei, pela força e apoio na conquista dessa caminhada.

AGRADECIMENTOSAGRADECIMENTOSAGRADECIMENTOSAGRADECIMENTOS

Muitas são as pessoas que neste momento merecem meus agradecimentos, os quais uma ou de outra forma contribuíram para chegar ao Trabalho de Conclusão. Sem essas pessoas não teria chegado aqui, me incentivaram, apoiaram na realização desse trabalho, por isso merecem um agradecimento de forma especial.

Agradeço inicialmente a DeusDeusDeusDeuspelo dom da vida, por iluminar meu caminho, me dar

saúde, coragem, inspiração, sabedoria e muita fé no decorrer desta trajetória. Por ter me guiado nos bons momentos de minha vida e me amparado nos difíceis. Se venci foi porque Você estiveste comigo! Ao agradecer tantas bênçãos que recebi, ofereço a Você meu futuro e meu muito obrigado!!!

Em especial, agradeço a professora Drª. Maria Simone Vione SchwengberDrª. Maria Simone Vione SchwengberDrª. Maria Simone Vione SchwengberDrª. Maria Simone Vione Schwengber, minha querida orientadora, no qual sou profundamente grata, pela atenção, força e confiança, pelos

Aos meus paisAstão e LedaAstão e LedaAstão e LedaAstão e Leda, que lutaram constantemente para a realização desse

ensinamentos, pelas orientações ao longo do trabalho, pelas diversas formas de estímulo, pelo tempo tão valiosamente cedido. Muito do que aprendi e escrevi neste trabalho não teria sido possível sem sua presença. Todos que a conhecem sabem do privilegio de conviver em sua companhia, pois além de professora é amiga, carinhosa, cuidadosa, admirável tornando-se inesquecível. A você, professora, meu reconhecimento por todas as palavras e pelo apoio, o que enriqueceu e formou o alicerce deste trabalho. meu sonho e graças a cada gota de suor do trabalho digno de cada um pude vencer mais uma etapa da minha vida. A eles minha eterna gratidão e admiração, pelos atos de incentivo, pela confiança e principalmente pelo esforço incondicional realizado para que eu pudesse trilhar o caminho rumo à graduação. Se hoje estou aqui é porque vocês contribuíram para isso, esta conquista também é de vocês. Simplesmente Muito Obrigada! Amo vocês.

À minha única e querida irmã DinéiaDinéiaDinéiaDinéia, prefiro chamá-la de “Néia”, você também faz parte desta etapa tão preciosa que estou finalizando hoje. Você sempre me acompanhou nos momentos de subida e descida sem medir esforços ao longo do curso, sempre teve nos lábios uma palavra de encorajamento, me aconselhou, incentivou, lutou por mim, me defendeu, me ouviu, quantos risos e vitórias conquistadas juntas. Néia não tem palavras para agradecer o quanto você foi, é e será importante na minha vida. O que seria de mim, sem minha irmã nutricionista? Não teria graça de viver, sem a sua companhia ao nosso lado. Até na nossa vida profissional precisamos estar juntas, você Nutricionista e eu professora de Educação Física, são duas áreas que não podem se separar, porque uma depende da outra e isso reflete na nossa vida particular, é como nós duas, uma sempre precisa da outra. Não tem palavras que possam expressar todo o meu agradecimento e gratidão que tenho por você. Muito obrigada por tudo maninha. Amo muito você!

Ao meu cunhado ÉltonÉltonÉltonÉlton, pelas viagens realizadas, pela força e incentivo, pelo espaço cedido na sua casa, facilitando assim os meus estudos. Simplesmente muito obrigada.

Ao meu namorado CristianoCristianoCristianoCristiano, agradeço a Deus por ter colocado você na minha vida, sempre esteve do meu lado, me dando força e segurança, que me deu amor para superar os momentos difíceis que encontrei, e por toda compreensão e apoio incondicional em todas as horas. Amo muito você! Aos meus futuros sogros Luis e CládisLuis e CládisLuis e CládisLuis e Cládis, pelo incentivo e força concebidos. Á minha futura cunhada DaianeDaianeDaianeDaiane, que me cativou com o seu jeitinho de criança, me proporcionando momentos felizes ao seu lado. Muito obrigada!

A todos os professoresprofessoresprofessoresprofessores do cursodo cursodo cursodo curso de graduação em Educação Física, em especial ao professor Ms. Fernando Jaime GonzMs. Fernando Jaime GonzMs. Fernando Jaime GonzMs. Fernando Jaime Gonzaléaléaléalézzzz, pela dedicação, pelo estímulo e pelo auxilio prestado durante a caminhada desse trabalho. Enfim, a todos um muito obrigada pelos

educar

ensinamentos adquiridos no decorrer da graduação e pelos exemplos de amor a profissão de

Aos colegas do cursocolegas do cursocolegas do cursocolegas do curso, pelos momentos divertidos, de estudo, pelas criticas e acima de tudo pela amizade nesses anos. À vocês fica o desejo de boa sorte!

Aos Professores Cléia Rigon Dorneles e Paulo CarlanCléia Rigon Dorneles e Paulo CarlanCléia Rigon Dorneles e Paulo CarlanCléia Rigon Dorneles e Paulo Carlan que aceitaram o convite feito pela minha orientadora e por mim para analisar o Trabalho de Conclusão de Curso.

A todos os Amigos Amigos Amigos Amigos pelos momentos compartilhados, compreensão e reconhecimento do verdadeiro valor da amizade. Em especial a amiga MarileiMarileiMarileiMarilei, conhecida por “Lei”, considero você como uma “irmã“, pois já mora tanto tempo conosco, tenho certeza que você também faz

agradecer as amigas Karine eKarine eKarine eKarine eRoniseRoniseRoniseRonise, pelo apoio e incentivo!Muito obrigada amigas!!!

parte dessa vitória que estou finalizando hoje, sempre esteve comigo e com a minha família em qualquer ocasião, tentando fazer sempre o melhor por nós. Obrigado pelas palavras de apoio, pelo incentivo, pelas orações feitas e pelos conselhos! Também não posso esquecer de

Á todas as gestantes gestantes gestantes gestantes pela atenção, confiança e colaboração na realização dessa pesquisa. Ao Consultório Medi Clini e PSF Centro, em especial a secretária Sirlei Sirlei Sirlei Sirlei e a enfermeira Neide Neide Neide Neide pela acolhimento, ajuda e apoio na realização deste trabalho. Enfim, agradeço a todas aquelas pessoas queridas que de alguma maneira contribuíram para que este sonho se tornasse realidade. A todos vocês meu muito obrigado!

Mulher,

Já vive bem lá no teu íntimo a semente vital, fruto do amor que em breve vai mamar em teu peito e pedirá teu carinho na hora da dor.

Já mexe no teu âmago materno, chutando-lhe o ventre com energia, uma vida, um ser que já te conhece e assim que nascer te trará alegria.

E brinca, pula, corre, grita

Mulher, já sente energia, amor e carinho, o broto gerado em tuas raízes que ouvirá tuas canções de ninar, tua maior esperança de dias felizes. Já está chegando quem tanto desejas para ser embalado com amor maternal; quem faz de tua barriga um quintal.

Mulher,

Prepara-te para o momento sublime!

que está ansiosa para nascer, viver

Vive dentro de ti uma criança e te chamar carinhosamente de mamãe.

(Luizinho Bastos)

DIANE ALINE HÜBNER Orientadora: Profª Drª Maria Simone Vione Schwengber

O período gestacional apresenta-se como um momento de profundas modificações no corpo e na vida das mulheres. Sendo assim, a informação e o conhecimento são necessários para diminuir os efeitos dessas modificações. Durante séculos, na cultura os ocidentais até a modernidade tiveram uma visão negativa em relação aos exercícios físicos nesse período. Atualmente, com os avanços tecnológicos, está se percebendo que os exercícios físicos durante a gestação trazem inúmeros benefícios. A pesquisa evidencia-se por ser um estudo de campo, de natureza descritiva quantitativa e qualitativa, realizado com 40 gestantes, com idades entre 13 a 45 anos, optei os seguintes estabelecimentos: o PSF (Programa Saúde Familiar) Centro e Consultório Particular Med Clini. Essa pesquisa tem como objetivo buscar compreender como são experienciados este fenômeno corporal (gravidez), situando os principais fatores que influenciam na prática ou não de exercícios físicos das gestantes em Três Passos – RS. O instrumento utilizado foi composto por entrevista, através de um roteiro com perguntas abertas. É possível visualizar a partir deste estudo, que as gestantes, têm uma boa relação com o seu corpo, tentando buscar uma gravidez saudável. Porém, prevalece baixa a prática de exercícios físicos em Três Passos – RS. Faltando desse modo mais incentivo, apoio e segurança aos exercícios adequados.

Palavras-chaves: Gravidez saudável, Gestantes, Exercícios Físicos.

7 LISTA DE FIGURAS

Figura 1 – Infeliz Fecundação13
Figura 2 – Desenvolvimento embrionário e fetal14
Figura 3 – Os movimentos do feto na barriga da mãe15
Figura 4 – Assoalho pélvico no pré-parto, parto e pós-parto17
Figura 5 – Olhão Mágico20
Figura 6 – Ficha clínica de pré-natal2
Figura 7 – Alimentação e Gravidez24
Figura 8 – Cuidados com o Corpo25
Figura 9 – Exercícios Aeróbicos31

8 LISTA DE TABELAS

da pesquisa38
civil e a religião - Três Passos – RS39
RS40
Passos - RS40
de gestações - Três Passos – RS42
exercícios físicos - Três Passos – RS45

Tabela 1 – Distribuição do número e porcentagem da população estudada, idade dos sujeitos Tabela 2 – Distribuição do número e porcentagem da população estudada, segundo o estado Tabela 3 – Escolaridade das gestantes atendidas no PSF e Consultório Privado – Três Passos – Tabela 4 – Distribuição das gestantes conforme a profissão/rendas pessoal e familiar – Três Tabela 6 – Distribuição do número e porcentagem da população estudada, segundo o número Tabela 7 – Distribuição do número e porcentagem da população estudada, segundo os Tabela 8 – Distribuição do número e porcentagem da população estudada, segundo o Grupo de gestantes - Três Passos – RS ................................................................................................ 46

9 SUMÁRIO

INTRODUÇÃO AO TEMA10
2 COMO COMEÇA A VIDA13
2.1 As transformações no corpo da gestante15
2.1.1 Modificações fisiológicas15
2.1.2 Modificações psicológicas18
2.2 Cuidados Especiais na Gestação19
2.2.1 Pré-natal: um acompanhamento fundamental20
2.2.2 Nutrição: incentivando uma alimentação saudável24
2.2.3 Corpo: cuidando dele25
aeróbicos e anaeróbicos26
2.2.4.1 Perspectivas históricas dos exercícios físicos26
2.2.4.2 Conceito Exercícios Físicos28
2.2.4.3 Benefícios e Exercícios Aeróbicos e Anaeróbicos28
3 METODOLOGIA36
3.1 Instrumentos de pesquisa36
3.2 Descrição do local e Aplicação do teste36
3.3 Intervenção Oficial Para Base do Estudo37
3.4 Apresentação e análise dos dados da pesquisa38
3.4.1 Caracterização dos sujeitos38
escolaridade, ocupação e socioeconômicas39
41
3.4.4 Fatores que caracterizam as Participantes da Pesquisa nos exercícios físicos45
CONSIDERAÇÕES FINAIS48
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS50

10 INTRODUÇÃO AO TEMA

No decorrer da história da humanidade as prescrições dos exercícios físicos na gravidez vêm sofrendo consideráveis transformações. As mulheres gestantes na contemporaneidade estão inseridas a prática de exercícios físicos no período gestacional, mas essa mudança está num processo “lento”, em que muitas tem pouco incentivo e na maioria das vezes não tem um conhecimento adequado sobre os efeitos da prática de exercícios físicos nesse período.

Segundo Miranda e Abrantes (1998), na cultura os ocidentais até a modernidade tinham uma visão negativa em relação à atividade física na gestação. A mulher gestante passava os dias em total repouso, interrompendo a maior parte de suas atividades com a chegada da gravidez. As mudanças e adaptações físicas da gravidez eram vividas com uma condição que exigia um certo resguardo das mulheres.

De acordo com Hanlon (1999), o exercício físico durante a gestação era considerado um tabu e as mulheres foram aconselhadas a ficar em pé o mínimo possível, sendo incentivada uma vida sedentária1 . Já que, qualquer exercício físico praticado por elas, oferecia riscos para a mãe e para o feto, fazendo assim com que poucas adotassem posturas ativas.

Hoje, com os avanços científicos na medicina, foi se adquirindo um conhecimento maior sobre o corpo feminino, como destaca Engel (2006), a gestação e atividade física começou a ser vista como um dos modos de possibilitar mais bem estar das mulheres gestantes como também dos fetos. Relata que as práticas regulares de exercícios físicos trazem inúmeros benefícios, tanto para a saúde materna, quanto para o feto, representando um papel importante na manutenção da capacidade cardiorespiratória funcional, do peso corporal e do bem-estar geral da gestante.

A prática de exercícios físicos, conforme Artal et al. (1999), ajuda a gestante a suportar melhor o aumento de peso e atenua as alterações posturais decorrentes no período da gravidez. Apresentando fatores protetores sobre a saúde mental e emocional da mulher no período da gestação.

As mulheres gestantes sedentárias, de acordo com Lima e Oliveira (2005), apresentam “um considerável declínio do condicionamento físico durante a gravidez. Além disso, a falta

1 È um estilo de vida que não inclui atividades físicas regulares, onde predomina o trabalho sentado e o lazer passivo. Considera-se sedentário um individuo que tem gasto calórico semanal em atividades físicas inferior a 500 kcal ( além da necessidade basal). (Nahas, 2001, p. 229) de atividade física regular é um dos fatores associados a uma susceptibilidade maior a doenças durante e após a gestação”.

No Brasil, Domingues e Barros (2004) relatam que a prática de exercícios físicos pelas gestantes continua baixa. Isso acaba revelando a importância da orientação sobre os benefícios dos exercícios físicos no período gestacional, promovendo através deles uma gestação mais segura e saudável. Sendo que o motivo de não realizarem exercícios físicos no período gestacional acaba envolvendo diversos fatores como entre as mulheres desempregadas, com pouca ou sem escolaridade, sem conhecimento as atividades adequadas, entre outros.

Percebe-se algumas gestantes contemporâneas têm uma preocupação em poder ter seu corpo bonito e em forma, mantendo bem a sua aparência. Talvez acaba faltando assim uma intervenção específica de profissionais da área, para sanar dúvidas e incentivar as gestantes a praticar exercícios físicos durante a gestação.

Nessa direção, decidi estudar sobre o tema, sendo um assunto muito amplo, mas pouco explorado pelos pesquisadores. Encontrando uma grande dificuldade para coletar materiais sobre o referido assunto. Entendo que este tema é de suma importância para mim, enquanto mulher, no momento em que a gravidez fizer parte da minha vida e também como acadêmica, pois proporciona um conhecimento especifico sobre o tema, no sentido de destacar e abrir um campo de intervenção profissional.

Ao realizar uma pesquisa, vemos que é uma tarefa árdua, por isso é necessário em primeiro lugar muita dedicação e amor naquilo que se faz. Para mim, a escolha desse tema sempre me chamou muita atenção pelo motivo de uma preocupação do bem-estar das mulheres no período da gestação, que não é um mar de rosas, podendo haver muitos problemas durante esse período.

A pesquisa foi realizada no Município de Três Passos – RS, que atualmente tem uma população de 25.750 mil habitantes, localizada na microrregião Noroeste, altitude: 440m,

Longitude Oeste: 53° 5’, Latitude Sul: 27° 27’, tendo uma Área Territorial de 282,70Km2 , onde o clima é Tropical e o perfil econômico é agrícola. (Grafitti, 2004, p.21).

Assim, por apresentar como um tema que me fascina, opto por investigar o meu

Trabalho de Conclusão do Curso (TCC), buscando compreender como são experienciados este fenômeno corporal (gravidez), situando os principais fatores que influenciam ou não na prática de exercícios físicos das gestantes em Três Passos – RS. Para tal, optei pelo PSF (Posto de Saúde Familiar) Centro e o Consultório Particular Med Clini, onde realizei a trajetória de estudo de campo á ser exposto e analisado no decorrer desta escrita. A escolha dos locais foi pela receptividade e por abranger um maior número de gestantes no perfil proposto para a realização dessa pesquisa.

(Parte 1 de 6)

Comentários