Plano de Negócios Clinica Fisioterapia Fisiotherapy

Plano de Negócios Clinica Fisioterapia Fisiotherapy

(Parte 1 de 5)

PLANO DE NEGÓCIOS

Orientador: PROF. FERNANDO COELHO

SÃO PAULO-SP 2009

PLANO DE NEGÓCIOS

Plano de Negócios apresentado à Universidade Anhembi Morumbi como requisito parcial para a obtenção do título de MBA em Gestão Empresarial

Orientador: PROF. FERNANDO COELHO

São Paulo, 27 de junho de 2009

4 AGRADECIMENTOS

Ao Prof. Fernando Ruiz, Coordenador do Curso de Gestão Empresarial da Universidade Anhembi Morumbi.

Ao Prof. Fernando Coelho, Nosso orientador e incentivador, que, com extremo bom humor e muita paciência, compartilhou conosco seu conhecimento, experiência e técnica.

Ao Prof. Batista S. Gigliotti, Pela ajuda, fundamental, em delinear o foco do nosso trabalho.

Aos amigos, Adriana S. Busch Aurélio A.P. Cidade, Débora Wills, Hilton Kawaguchi, Julio Cesar Barrichello, Paulo Teixeira e Tânia Moreira da Silva, Pelo apoio, colaboração e boa vontade no fornecimento de informações e esclarecimentos sobre a área de fisioterapia.

O presente Plano de Negócios tem como objetivo principal a análise de viabilidade da implantação de uma clínica de fisioterapia, a FisioTherapy Espaço de Saúde e Bem Estar, que terá seu foco inicial no tratamento da dor e na recuperação do indivíduo, resgatando e promovendo seu equilíbrio físico, mental e social, e, por conseqüência, maximizando a sua qualidade de vida.

Existem poucos locais com este foco específico na cidade de São Paulo e, levandose em conta uma estimativa da SBED-Sociedade Brasileira para o Estudo da Dor de que existem aproximadamente 50 milhões de brasileiros que sofrem de dores crônicas, as perspectivas de sucesso do projeto tornam-se bastante positivas.

A FisioTherapy Espaço de Saúde e Bem Estar visa tornar-se referência no segmento de prestação de serviços de Saúde em até três anos. Inovação, pioneirismo, serviços especializados e personalizados, tecnologia, ambiente e localização serão explorados como diferencial competitivo, associando a imagem da clínica à excelência em todos os aspectos de sua operação.

A empresa terá uma localização privilegiada, no bairro do Itaim Bibi, de alto poder aquisitivo, e sua estrutura física, de recursos humanos, administrativa e comercial, bem como seus processos e equipamentos, foram estruturados com o intuito de atender todas as necessidades e expectativas do cliente, proporcionando resultados efetivos e o máximo de bem estar.

Os serviços oferecidos pela FisioTherapy Espaço de Saúde e Bem Estar concentram-se naqueles denominados TAC-Terapias Alternativas/Complementares que, diferentemente, da alopatia ou medicina ocidental, cuja cura ocorre através da intervenção direta no órgão ou parte doente, tem uma visão holística do ser humano, considerando-o como mente/corpo/espírito e tratando-o como um todo. São eles: Pilates, RPG, Acupuntura, Eletrotermofoterapia e massagens terapêuticas.

O público-alvo da clínica, portanto, concentra-se essencialmente em indivíduos que acreditam nas terapias alternativas como solução para seus problemas de dor e que apresentam quadros de dor e de restrição física, quaisquer que sejam as suas causas. Nesse sentido, indivíduos da terceira idade representarão uma parcela importante de nossos clientes, ao longo do tempo, pelo aumento da expectativa de vida da população, com o conseqüente incremento das possibilidades de apresentarem condições dolorosas características dessa faixa etária (dados do IBGE apontaram uma estimativa de vida de 72,3 anos em 2006 e de 81,2 para 2050).

Adicionalmente, pelas suas características, o foco da empresa recairá naturalmente nas classes A e B, o que significa aproximadamente 2,8 milhões de pessoas na cidade de São Paulo.

Finalmente, cálculos estimados para a cidade de São Paulo, baseados em dados do IBGE, indicam um gasto particular com saúde (incluindo despesas com remédios, planos ou seguros saúde, consultas e tratamentos médicos e dentários, entre outras) de aproximadamente R$15 milhões por dia, justificando amplamente o direcionamento do foco da empresa para a saúde e tratamentos curativos.

Uma vez que o segmento das terapias alternativas vem ganhando cada vez mais importância e força tanto junto à comunidade médica, pelo crescimento de estudos científicos comprovando a sua eficácia, como junto à população em geral, que busca melhorar continuamente a sua qualidade de vida e bem estar, o nicho de mercado a ser explorado para atingir o nosso público-alvo está concentrado em médicos (ortopedistas, neurologistas e geriatras), casas de repouso e academias, com os quais a clínica pretende estabelecer parcerias.

Essas parcerias estarão calcadas, inicialmente, na ampla rede de contatos pessoais das sócias da empresa nas áreas de interesse. Uma delas, com a clínica Vita, associação não governamental de renome e também especializada em tratamentos da dor e reabilitação, e que estimamos representará cerca de 25% da receita da clínica, já foi estabelecida.

A empresa será uma sociedade limitada, com cotas divididas igualmente entre suas três sócias, cujas competências individuais são complementares e serão exploradas na montagem, organização e gerenciamento do negócio. O valor do investimento inicial, de R$30.0,0, será efetuado através de recursos próprios das sócias, sem necessidade de endividamento, o que no cenário econômico atual de incerteza, instabilidade e altas taxas de juros, representa um fator extremamente positivo à saúde financeira do empreendimento.

A projeção de vendas e a composição de custos da FisioTherapy Espaço de Saúde e Bem Estar indicam um retorno financeiro já no primeiro ano de operação com lucratividade inicial de 12,5% e crescente ao longo dos anos. O tempo estimado para que as sócias recuperem seu investimento inicial (payback) será de, aproximadamente, 1 ano e sete meses, com uma Taxa Interna de Retorno de 20,19%, muito superior ao custo de oportunidade estabelecido pelas mesmas. O Ponto de Equilíbrio projetado para cinco anos, quando comparado às Receitas estimadas para o mesmo período, indica ampla capacidade da empresa para honrar seus compromissos, garantir sua sustentabilidade e, ainda, gerar caixa para investimentos futuros.

7 SUMÁRIO

1. Introdução: O Negócio09
2. A Empresa12
2.1. Descrição12
2.2. Visão15
2.3. Missão15
2.4. Valores15
2.5. Estrutura Societária e Legal15
2.5.1. Perfil Individual das Sócias16
2.5.2. Registro da Sociedade17
2.5.3. Tributação17
3. O Serviço18
3.1. Características19
4. O Mercado30
4.1. Clientes30
4.2. Concorrentes3
4.3. Fornecedores36
4.4. Parceiros……41
5. A Estratégia………………………………………43
5.1. Análise SWOT43
5.2. Objetivos45
5.3. Estratégias49
5.4. Gestão de Contingências / Riscos50
6. Plano de Marketing / Comunicação51
6.1. Marca e Logomarca51
6.2. Estratégia de Vendas53
6.3. Estratégia de Comunicação / Divulgação58
6.4. Diferencial Competitivo do Negócio / Serviços59
6.5. Política de Preços60
7. A Operação61
7.1. O Processo61
7.2. Estrutura Organizacional e de RH62
8. Planejamento63
9. Análises Financeiras64
9.1. Investimento Inicial64
9.1.1. Ativo Fixo e Montagem das Salas65
9.1.1.1. Sala de Avaliação65
9.1.1.2. Sala da Diretora Administrativo/Financeira65
9.1.1.3. Sala de Funcionários65
9.1.1.5. Sala de Pilates67
9.1.1.6. Sala de RPG67
9.1.1.7. Sala de Acupuntura68
9.1.1.8. Sala de Massagens68
9.1.1.9. Recepção69
9.1.1.10.Copa69
9.1.1.1.Aparelhos e Produtos para Uso Geral e Emergência69
9.2. Receitas70
9.3. Custos e Despesas72
9.3.1. Reposição de Produtos Mensal74
9.4. Custo da Mão-de-Obra75
9.4.1. Custo da Mão-de-Obra Direta75
9.4.2. Despesas com a Mão-de-Obra Indireta7
9.4.3. Serviços Terceirizados79
9.5. Fluxo de Caixa79
9.6. Demonstrativo de Resultados / Lucratividade Prevista80
9.6.1. Lucratividade81
9.7. Análise do Investimento81
9.8. Ponto de Equilíbrio82
9.9. Balanço Patrimonial83
9.10. Índices Econômicos e Financeiros84
Referências Bibliográficas85
Anexos8
A. Registro da Sociedade8
B. Tributação89
C. Obrigações Acessórias92

1. INTRODUÇÃO O NEGÓCIO: Identificando a oportunidade

A dor, tanto aguda como crônica, tem recebido a atenção dos profissionais de saúde há milênios. Hipócrates, na Grécia antiga, já referia que aliviar a dor é uma obra divina.

Existem diferenças básicas quanto às dores agudas e crônicas. As agudas são de curta duração, tem finalidade biológica, servindo como sinal de alerta. As dores crônicas são as que persistem após a cura da lesão/fator desencadeador inicial e, não tem finalidade biológica.

Nas últimas décadas, verifica-se um grande interesse e um progresso muito importante na área de dor.

Segundo pesquisas realizadas pela SBED-Sociedade Brasileira para o Estudo da

Dor, pode-se dizer que o aumento na sobrevida em geral da humanidade é um dos determinantes desse progresso. Nos Estados Unidos, pessoas com mais de 65 anos representam 12% da população (maior do que a população de adolescentes). Em 1830, havia 1 bilhão de habitantes no mundo, sendo que se levou bilhões de anos para atingir essa cifra; de 1830 a 1927, ou seja, em 97 anos, ocorreu uma segunda duplicação (2 bilhões de habitantes); em 1960, a população mundial era de 3 bilhões de habitantes, e em 2000, um espaço de apenas quarenta anos, houve uma nova duplicação (6 bilhões de habitantes). De 1970 a 2000, nos países desenvolvidos, houve um aumento populacional de 21%, sendo acima de 60 anos de 54% e, nos paises em desenvolvimento, um aumento de 8%, sendo acima de 60 anos de 123%.

O avanço da medicina, as melhorias no sistema de saúde e no saneamento básico no último século fizeram com que a expectativa de vida da população brasileira saltasse dos 3 anos em 1900 para 72,3 anos segundo a Tábua de Mortalidade de 2006 divulgada pelo IBGE. Estima-se que a expectativa de vida do brasileiro em 2050 será de 81,2 anos.

Expectativa de vida do brasileiro Fonte: http://noticias.uol.com.br/cotidiano/2008/09/24/ult5772u862.jhtm

Expectativa de vida do brasileiro Fonte: http://noticias.uol.com.br/ultnot/infografico/2008/09/24/ult3224u92.jhtm

Dessa forma, nota-se um rápido e vultoso crescimento da população, com um aumento importante na vida média da população. As pessoas têm, portanto, um incremento das possibilidades de apresentarem condições dolorosas características dessa faixa etária e, adicionalmente, ficam mais expostas a outras condições potencialmente dolorosas (doenças, traumas etc.).

O aumento da sobrevida em relação às doenças e traumas determinou um crescimento das seqüelas dolorosas e, nitidamente, o que se verifica, ainda, é a grande precariedade global de educação em saúde com respeito à dor.

Admite-se a prevalência das dores crônicas, em aproximadamente 30% da população em um país.

Dados dos Estados Unidos mostram que 31% da população tem dor crônica, o que representaria 86 milhões de norte americanos, ocorrendo uma incapacidade total ou parcial em 75% (65 milhões). (Panchal S. John Hopkins Medical School. 2000).

Um estudo em 1994, com 1308 pacientes ECOG (Eastern Cooperative Oncology

Group. N Engl. J Méd 330:1877-1882. 1994), revelou que 67% dos pacientes, sofriam de dor diária, usando analgésicos cotidianamente; 36% sofriam de dor severa com prejuízo das atividades da vida diária (AVD).

Transpondo dados da literatura mundial para o Brasil, que não dispõe de informações precisas, estima-se a existência de aproximadamente 50 milhões de pessoas com dores crônicas!

Cada vez mais, as entidades mundiais voltadas ao estudo da dor, como a

Sociedade Brasileira para o Estudo da Dor, filiada a International Association for the Study of Pain (IASP), dos Estados Unidos, vem assumindo características de multidisciplinaridade, não sendo, portanto, exclusivamente constituídas por médicos.

Essa mudança de atitude é extremamente importante, pois, entendendo que os tratamentos atuais devam ter uma abordagem de diferentes profissionais (médicos, dentistas, fisioterapeutas, psicólogos, enfermeiros, farmacêuticos e tantos outros quanto os que o tratamento necessitar, ou dependente das características de cada serviço), fornece o alicerce científico fundamental para o desenvolvimento profissional de terapias alternativas. A idéia básica é que o paciente tenha suporte de uma forma mais completa possível, dadas aos múltiplos componentes da expressão dolorosa.

Com base nessas premissas, concluímos que locais especializados em tratamentos da dor irão desempenhar papel cada vez mais relevante no âmbito da comunidade médica e para a população em geral. Como conseqüência, identificamos oportunidades imediatas e futuras:

Explorarmos o mercado composto por indivíduos com dor (doenças, traumas, envelhecimento, etc.) – foco imediato da empresa Proporcionar aos mais velhos uma melhor condição de vida – imediata, no caso de tratamentos curativos, foco atual da empresa, e futura, como parte da estratégia de expansão do negócio, ampliando seus serviços para englobar tratamentos preventivos Preparar os indivíduos, agora ainda jovens, para uma vida mais longa e saudável, cuidando, desde já, das suas condições físicas – futura, quando da ampliação do escopo da empresa para tratamentos preventivos.

2. A EMPRESA 2.1. Descrição

A FisioTherapy Espaço de Saúde e Bem Estar tem como objetivo explorar os nichos de mercado identificados acima, focando seus serviços, inicialmente, no tratamento da dor e na recuperação do indivíduo, resgatando e promovendo seu equilíbrio físico e mental, e, por conseqüência, maximizando a sua qualidade de vida.

A clínica será instalada em imóvel de dois pavimentos, de propriedade de uma de suas sócias, locado pela empresa, contando com cinco vagas de estacionamento

fácil acesso por contar com três grandes avenidas ao seu redor

próprio e convênio com estacionamento em frente. Com área total de 270 m2, está localizada na Rua Bandeira Paulista, nº 1227, no bairro da Vila Olímpia, endereço de

Será dividida, essencialmente, em seis salas menores para tratamentos individuais de RPG, acupuntura e massagens, uma área com sete macas para tratamentos eletrotermofototerápicos, um estúdio para Pilates, MatPilates e RPG, para uso tanto individual como em grupo, composto por um reformer, um cadillac, um barrel, uma cadeira combo, três wall units e outros aparatos menores, além de uma esteira e uma bicicleta ergométrica, uma sala de avaliação e atendimento aos clientes, dois vestiários para clientes, dois vestiários para funcionários, uma sala para funcionários e depósito de materiais/equipamentos, recepção, copa e área administrativa, sendo que todos os ambientes, com decoração clean, terão ar condicionado e música ambiente.

O horário de funcionamento será de segunda a sexta das 06:0 às 2:0 horas, e aos sábados das 08:0 às 14:0 horas.

Localização

Espaço de Saúde e Bem Estar

FisioTherapy

14 Piso Inferior

Piso Superior

Buscando a constante melhoria e o aperfeiçoamento de nosso know-how em terapias curativas da dor e de redução das limitações físicas, a Visão da FisioTherapy Espaço de Saúde e Bem Estar é tornar-se referência no segmento de prestação de serviços de Saúde como a melhor empresa focada na saúde e na qualidade de vida dos indivíduos, em até três anos de operação.

2.3. Missão

Promover o bem estar físico, mental e social de nossos clientes através da prestação de serviços especializados e de alto padrão no tratamento da dor e na reabilitação física, visando aumentar a capacidade de cada indivíduo de viver com longevidade e plenitude.

Compromisso com o cliente Valorização do cliente Respeito Responsabilidade Ética Honestidade

2.5. Estrutura Societária e Legal

A empresa está segmentando seus serviços na área da saúde. Será constituída como uma Sociedade Simples Limitada (artigo 982 e 1050 do Código Civil).

O Capital inicial será de R$ 30.0,0 (trezentos mil reais), totalmente integralizado, dividido em 300.0 (trezentas mil) quotas no valor nominal de R$ 1,0 (hum real) cada, assim distribuído entre as sócias:

A sociedade gira sob a denominação FisioTherapy Espaço de Saúde e Bem

Estar Ltda., e terá como objeto social a prestação de serviços Fisioterapêuticos em geral, Pilates, RPG - Reabilitação Postural Global, Acupuntura e Massagens terapêuticas.

Conforme decisão de todas as sócias, as retiradas de rendas a título de Pró-

Labore serão efetuadas somente a partir do quinto mês, sendo que estes valores deverão estar em conformidade com o limite estipulado em Lei; parte dos lucros auferidos serão destinados a re-investimentos na própria unidade e/ou na expansão do negócio, por um período de dois anos e os prejuízos que porventura ocorrerem serão absorvidos pelos lucros acumulados, não havendo saldo suficiente serão distribuídos ou suportados pelas sócias na proporção de suas respectivas quotas de capital. A sociedade será administrada isoladamente e individualmente por todas as sócias, e a elas caberá a responsabilidade ou representação ativa e passiva da sociedade, judicialmente e extrajudicialmente, podendo praticar todos os atos compreendidos no objeto social sempre no interesse da clínica, ficando vedado o uso da denominação social em negócios estranhos aos fins sociais ou assumir obrigações, seja em favor de quaisquer dos quotistas ou de terceiros, bem como onerar ou alienar bens imóveis da sociedade. Pelos excessos ou atos onerosos, as sócias responderão individualmente.

(Parte 1 de 5)

Comentários