Construção do Cálculo - Parte 1

Construção do Cálculo - Parte 1

Abraham De Moivre (1667 - 1754)

De Moivre nasceu no dia 26 de maio, na cidade de Vitry, perto de Paris, na França. Depois de estudar durante cinco anos na Academia Protestante de Sedan, ele estudou lógica em Saumur, de 1682 até 1684. Foi então para Paris estudar no Collège de Harcourt. Emigrou para a Inglaterra em 1685 e tornou-se membro da Royal Society em 1697.

Pioneiro no desenvolvimento da geometria analítica e da teoria das probabilidades, De Moivre é conhecido principalmente por suas obras a respeito de estatísticas de mortalidade e teorias das anuidades, prenúncio da matemática financeira. The Doctrine of Chance , foi publicado em 1718, e continha muito material sobre a teoria das probabilidades enquanto Miscellanea analytica , publicado em 1730, apresenta contribuições a séries recorrentes, probabilidades e trigonometria analítica.

A Doutrina do Acaso

Obra que contém estudos analíticos

Nessa última obra, aparece a fórmula de Stirling - na realidade atribuída erradamente a Stirling - que De Moivre usou para achar a curva normal como uma aproximação da binomial. Trata-se da importante relação:

, onde

que, para n inteiro positivo, se tornou a chave da trigonometria analítica, estabelecida por De Moivre em 1707.

Apesar de ter sido um ilustre matemático, o seu futuro na Inglaterra ficou de certa forma comprometido. Uma das razões para isto foi o fato de ser estrangeiro, que, na época, colocava o cidadão numa condição de desvantagem. Dessa maneira ele não conseguiu uma cadeira em Matemática - posição que sempre almejou.

Devido a este fator, o seu sustento provinha apenas de aulas particulares e isso não o livrou de morrer pobre. De Moivre também ficou conhecido por ter previsto o dia da sua morte - ele havia percebido que estava dormindo 15 minutos a mais por dia e então através de uma progressão aritmética, concluiu que, quando chegasse a dormir por 24 horas, ele teria falecido. De fato, ele acertou: morreu no dia 27 de novembro de 1754, em Londres.

Comentários