Antropometria nutricional

Antropometria nutricional

A. Objectivo

Praticar a realizaçªo de algumas observaçıes antropomØtricas. Determinar índices de massa corporal, adiposidade e estrutura. Utilizar os resultados obtidos para identificar a estrutura individual e determinar o estado nutricional.

B. Discussªo geral

A antropometria Ø uma tØcnica de observaçªo do tamanho do corpo e dos seus segmentos. Os valores das medidas de tamanho corporal e da espessura do tecido adiposo, conjuntamente com os índices calculados, permitem avaliar o estado nutricional de um indivíduo. A determinaçªo destas mensuraçıes Ø bastante económica, relativamente simples, nªo agressiva e pode efectuar-se com equipamento portÆtil. Os resultados obtidos sªo globais, indicadores do estado geral e nªo fornecem indicaçıes detalhadas e específicas das carŒncias ou excessos nutricionais. Regra geral os resultados de uma avaliaçªo antropomØtrica devem ser corroborados com os dados obtidos por observaçıes clínicas e bioquímicas.

C. Material

Balança.

Estadiómetro. Fita mØtrica.

Medidor de Pregas cutâneas. Compasso de pontas rombas. Antropómetro. Adipómetro.

D. Mensuraçıes antropomØtricas

A determinaçªo de parâmetros antropomØtricos requer um treino cuidado dos observadores e uma aferiçªo rigorosa dos aparelhos. As tØcnicas de observaçªo estªo descritas detalhadamente na bibliografia, as notas apresentadas a seguir limitam-se a definir as mensuraçıes, indicar a postura do observado, a posiçªo do observador e o aparelho a utilizar.

As pregas cutâneas sªo mensuraçıes da espessura de duplas camadas de pele e de tecido adiposo em determinados pontos do corpo. As pregas cutâneas sªo medidas em locais bem definidos do corpo. A determinaçªo dos locais de observaçªo tem de ser rigorosa. Para facilitar a realizaçªo da mensuraçªo, pode fazer-se uma pequena cruz com lÆpis dermatogrÆfico ou caneta de feltro, no local de observaçªo (fig. 1). Antes da realizaçªo da mensuraçªo deve-se palpar a regiªo a observar para familiarizar a pessoa com o contacto nessa regiªo. A prega cutânea Ø obtida colocando o polegar e o indicador de uma das mªos do observador cerca de 3-4 cm afastados do sítio a observar (mais próximos nos indivíduos magros e um pouco mais afastados nos indivíduos obesos) e levantando com firmeza uma prega de pele e tecido adiposo subcutâneo. Esta acçªo pode ser simulada utilizando uma folha de

Figura 1. Marca para determinar uma prega cutânea.

2 Antropometria nutricional

papel e deslocando os dois dedos sem deslizarem de modo a formarem uma prega de papel entre o polegar e o indicador. A quantidade de tecido a levantar deve ser suficiente para formar uma prega com os lados aproximadamente paralelos (fig. 2). O eixo maior da prega cutânea deve ser paralelo às linhas de clivagem natural da pele. Por vezes, nos indivíduos muito obesos, Ø difícil obter uma prega com os lados paralelos. Neste caso nªo se deve efectuar a observaçªo.

Os observados devem usar o mínimo de roupa possível. Por convençªo as observaçıes pares sªo efectuadas no lado esquerdo ou bilateralmente.

Figura 2. Prega cutânea tomada entre o indicador e o polegar

Estatura: distância do Vertex (ponto mais alto da cabeça) ao solo (fig. 3). O observado descalço permanece de pØ, descontraído, com as pernas esticadas e juntas, o peso igualmente distribuído pelas duas pernas, as pontas dos pØs ligeiramente afastadas (nos indivíduos obesos esse afastamento deve ser suficiente para permitir manter as pernas direitas), os calcanhares assentes no solo e a cabeça orientada segundo o plano de Frankfurt. O observador situa-se lateralmente ao observado e utiliza o estadiómetro ou um antropómetro com uma rØgua para realizar a observaçªo. Por vezes poderÆ ter necessidade de subir a um banco para efectuar uma determinaçªo

correcta. [EST]

Figura 3. Observação da estatura com um estadiómetro.

Peso: medida da massa total do corpo (fig. 4). O observado permanece de pØ sobre a balança sem se mexer. A balança deve ser previamente aferida e colocada numa superfície horizontal e plana. O observador efectua a leitura no mostrador da balança electrónica. Se utilizar a balança de pesos a leitura efectua-se na escala da balança deslocando os pesos de modo a equilibra-la em valores da escala sucessivamente menores. O peso das roupas usadas pelo observado devem ser descontadas no valor obtido. [PTC]

Figura 4. Determinação do

Peso com uma balança de pesos equilibrados.

2 de 8 ©DBA-FCUL 2004

Antropometria nutricional 3

Figura 6. Determinação do comprimento do braço com uma fita métrica.

Figura 5. Esquema posterior do ombro com o Akromion marcado.

Comprimento do braço: distância do Akromion, o ponto mais lateral do ombro na extremidade superior do processo espinhoso da escÆpula (fig. 5), ao Olecranon, o ponto mais inferior do braço flectido. O observado estÆ numa posiçªo semelhante à utilizada para determinar a estatura mas com o braço flectido. O observador, colocado posteriormente ao indivíduo, determina e marca os pontos extremos da distância. A medida Ø tomada utilizando um antropómetro com duas pontas ou uma fita mØtrica. O nível mØdio do braço, metade do valor deste comprimento, Ø marcado lateralmente com lÆpis dermatológico ou caneta de feltro (fig. 6). [CBE]

Figura 7. Observação do perímetro do braço estendido

Perímetro do braço: perímetro da circunferŒncia do braço estendido tomada horizontalmente ao nível mØdio do braço (fig. 7). O observado estÆ numa posiçªo idŒntica à utilizada para determinar a estatura. O observador coloca-se lateralmente, passa uma fita mØtrica em volta do braço, sem apertar nem deixar folgas. O perímetro Ø determinado subtraindo os valor de intersecçªo da escala. [PBE]

Diâmetro do cotovelo: distância entre os dois epicondilos do hœmero (fig. 8). O observado estÆ numa posiçªo idŒntica à utilizada para determinar o comprimento do braço. O observador situase à frente do observado. Utilizando um compasso, uma craveira ou o antropómetro, faz a determinaçªo exercendo

uma ligeira pressªo. [DCE]

Figura 8. Observação do diâmetro do cotovelo.

ANTROPOMETRIA NUTRICIONAL04.doc ©DBA-FCUL 3 de 8

4 Antropometria nutricional

Figura 9. Determinação da prega cutânea tricipital com um adipómetro.

Prega Cutânea Tricipital: a prega Ø tomada na face posterior do braço 1 cm acima do ponto mØdio da linha que o une o Akromion com o Olecranon (Fig. 6). Este ponto deve ser rigorosamente determinado com um antropómetro ou com uma fita mØtrica, e marcado com lÆpis dermatológico ou caneta de feltro. O observador coloca-se por trÆs do observado, enquanto este mantØm o braço esticado e descontraído. As pontas do adipómetro sªo encostadas imediatamente abaixo dos dedos que seguram a prega (fig.9). A leitura Ø efectuada 4 segundos depois de aplicarmos o medidor, ou logo após se estabilizar a agulha indicadora da escala

E. ˝ndices, Fórmulas e Tabelas para Determinar o Estado Nutricional.

ndice de Robustez: nestas aulas utiliza-se o índice sugerido por Frisancho (1990), com base no diâmetro do cotovelo e na estatura [IR].

Valores de referŒncia do índice de robustez:

Sexo Feminino Idade PequenosMédios Grandes

18-24,9 < 35,2 35,2 a 38,6>38,6 25-29,9 < 35,7 35,7 a 38,7>38,7 30-34,9 < 35,7 35,7 a 39,0>39,0 35-39,9 < 36,2 36,2 a 39,8>39,8 40-4,9 < 36,7 36,7 a 40,2>40,2 45-49,9 < 36,7 36,7 a 40,7>40,7

Sexo Masculino Idade PequenosMédios Grandes

18-24,9 < 38,4 38,4 a 41,6>41,6 25-29,9 < 38,6 38,6 a 41,8>41,8 30-34,9 < 38,6 38,6 a 42,1>42,1 35-39,9 < 39,1 39,1 a 42,4>42,4 40-4,9 < 39,3 39,3 a 42,5>42,5

45-49,9 < 39,6 39,6 a 43,0>43,0 Frisancho (1990),

4 de 8 ©DBA-FCUL 2004

Antropometria nutricional 5

Área Total do Braço: a fórmula da Ærea total do braço pressupıe uma aproximaçªo da forma da secçªo transversal do braço a um círculo (fig.10). [ATB].

Figura 10. Corte transversal das áreas histológicas do braço e uma analogia com as áreas de círculos concêntricos proposta por Best e Kuhl (1953) e Baker et. al (1958).

rea Muscular do Braço: a designaçªo refere-se à Ærea de mœsculo mais osso e assume-se que a espessura do œmero tem variaçªo individual insignificante [AMB].

PCTPB 2

cm2

Valores de referŒncia da Ærea muscular por sexo, classe de robustez e idade:

Pequenas Percentis

Idade N Média D.P. 5 15 85 95

Médias Percentis

Idade N Média D.P. 5 15 85 95

Grandes Percentis

Idade N Média D.P. 5 15 85 95

ANTROPOMETRIA NUTRICIONAL04.doc ©DBA-FCUL 5 de 8

6 Antropometria nutricional

Área Adiposa do Braço [AAB]: Valor equivalente à diferença entre a Ærea total do braço e a Ærea muscular do braço.

ATB AMB cm2 Valores de referŒncia da Ærea adiposa do braço por sexo e idade:

Sexo Feminino Percentis Idade N MédiaD.P.5 15 75 85

Sexo Masculino Percentis Idade N MédiaD.P.5 15 75 85

ndice de Adiposidade [IA]: Valor percentual da Ærea adiposa em relaçªo à Ærea total do braço. ( AAB / ATB ) X 100

Valores de referŒncia do índice de adiposidade por sexo e idade:

Sexo Feminino Percentis Idade N MédiaD.P.5 15 75 85

Sexo Masculino Percentis Idade N MédiaD.P.5 15 75 85

6 de 8 ©DBA-FCUL 2004

Antropometria nutricional 7

Índice de Massa Corporal [IMC]: tambØm designado por índice de Quetelet ou índice peso por estatura, calcula-se dividindo o peso do corpo pelo quadrado da estatura.

Peso (kg) _ Estatura2 (m)

Valores de referŒncia do índice de massa corporal por sexo e idade:

Sexo Feminino Percentis Idade N MédiaD.P.5 15 85 95

Sexo Masculino Percentis Idade N MédiaD.P.5 15 85 95

Valores de referŒncia do peso por sexo e estatura:

Sexo Feminino Percentis

Estatura

Sexo Masculino Percentis

Estatura

ANTROPOMETRIA NUTRICIONAL04.doc 7 de 8

8 Antropometria nutricional

F. Avaliaçªo do estado nutricional

A avaliaçªo do estado nutricional efectua-se comparando os dados obtidos com os valores de referŒncia apresentados em tabelas. Os quatro percentis transcritos para as tabelas destas folhas definem cinco grupos em que se pode classificar cada um dos parâmetros considerados.

Musculatura, peso e massa corporal:

< P5 Com muito pouco mœsculo, ou peso muito baixo.

P5,1 a P15 Com pouco mœsculo, ou peso baixo. P15,1 a P85 MØdios. P85,1 a P95 Muito mœsculo ou peso elevado.

> P95 Musculatura considerÆvel ou peso excessivo.

`rea adiposa do braço e índice de adiposidade:

P5,1 a P15 Magro. P15,1 a P75 MØdios. P75,1 a P85 Adiposidade elevada.

> P85 Gordura excessiva, obeso.

G. Exercício

1. Elabore uma folha de registo das observaçıes antropomØtricas e dos cÆlculos dos indicadores do estado nutricional.

2. Observe os parâmetros antropomØtricos de um colega ou deixe-se observar. 3. Determine os indicadores do estado nutricional.

4. Compare os valores obtidos com os das tabelas e determine o estado nutricional do observado.

CAMERON N., J.HIERNAUX, S.JARMAN, W.A.MARSHALL, J.M.TANNER & R.H.WHITEHOUSE (1981). Anthropometry. in WEINER, J.S. e LOURIE, J.A.(editores). Practical Human Biology. Academic Press. Londres. Pp.s:27-52.

FRISANCHO A.R. (1990). Anthropometric Standards for the Assessment of Growth and Nutrition status. The University of Michigan Press. Ann Arbor.

ROCHE A.F. & WILMORE J. (1988). Skinfold thickness and measurement technique. in T.G. LOHMAN, A.F. ROCHE e R. MARTORELL (editores) Anthropometric Standardization Refernce Manual. Human Kinetics Books. Champaign, Illinois.

SOBRAL S. (1985). Curso de Antropometria. ISEF. Cruz Quebrada.

8 de 8 ©DBA-FCUL 2004

Comentários