(Parte 1 de 8)

- Configuração Básica e Tela Gráfica04
- Personalização05
- Linha de Comando e teclas F1 á F1205
- Funções Importantes06
- Unidades de Trabalho06
- Símbolos Especiais06
- Barra Standard07

CAPITULO I - Configurações

- Comando Line08
- Comando Erase08
- Critérios de Seleção09
- Coordenadas10
- Coordenadas Absolutas Cartesianas10
- Coordenadas Relativas Cartesianas1
- Coordenadas Relativas Polares12
- Coordenadas Automáticas Cartesianas (Ortho)13
- Coordenadas Automáticas Polares13
- Tutorial Coordenadas Automáticas Polares14
- Entradas Dinâmicas de Dados15

CAPITULO I - Comandos Básicos

- Projeções Ortogonais0
- Perspectivas16
- Zoom18
- Osnap19

CAPITULO V - Projeções

- Comando Rectangle20
- Comando Circle21
- Comando Polygon2
- Comando Ellipse23
- Comando Arc24

CAPITULO I - Comandos de Formas Geométricas

- Comando Fillet25
- Comando Chamfer26
- Comando Trim27
- Comando Extend27
- Comando Layer28
- Comando Linetype29
- Comando Move31
- Comando Copy31
- Comando Rotate32
- Comando Offset32
- Comando Mirror32
- Comando Rotate32
- Comando Array3

CAPITULO IV - Comandos Básicos de Construção e Edição

- Comando List34
- Comando Dist34
- Comando Area35
- Comando Cal35
- Comando Stretch35
- Comando Break36
- Comando Divide36
- Comando Measure36
- Comando Spline36
- Comando Polyline37
- Comando Mline37
- Comando Text38
- Comando Scale38
- Comando Align39
- Comando Grips39
- Comando Table40

CAPITULO VI - Comandos para Modificação e Aferição

- Blocks40
- Insert41
- Atributos41
- Properties42
- Tool Palettes42
- Design Center42

CAPITULO VII - Blocos e Configurações

- Paper Space43
- Mview ou Vports43
- Zoom/XP4
- Plot46

CAPITULO VIII - Configurações para Plotar

- Dimensionamento48
- Tutoriais61

Requisitos de Sistema do AutoCAD 2007 Sistema requerido para o Autocad 2007 para usuários com foco em criação em desenhos 2D são as seguintes:

- Recomendado Intel® Pentium® IV - Microsoft® Windows® XP Home & Professional SP1 or SP2, Windows XP para computadores portáteis SP2, ou Windows® 2000 SP3 ou SP4 (Windows é Janela)

- 512 MB RAM (RAM é Memória ou seja Read Acess Memory ou seja Memória de acesso de Leitura) - 750 MB de espaço livre em disco para instalação

- 1024x768 VGA com cores reais (VGA é Video Graphic Adaptor ou seja Adaptador Gráfico de Video)

- Microsoft® Internet Explorer 6.0 SP1 ou superior

Sistema requerido para usuários do AutoCAD 2007 que queiram tirar vantagens das novas capacidades conceituais de desenhos são: - Intel® 3.0 GHz ou superior

- Windows® XP SP2

- 2 GB RAM ou mais

- 2 GB de espaço livre não incluindo o necessário para sua instalação

- 1280x1024 32-Bit VGA com cores reais

- 128 MB ou Superior com suporte a OpenGL A TELA GRÁFICA

Barra de Ferramentas ou Toolbars

Caixa Design Center

Planos de Trabalho Model e Paper Space

Barra de Status

Cx. Properties

Barra de Comando ou Prompt Tool Palletes

Menu Pull Down e Barra Standard

Ativação de personalização pessoal ( Tools → Options) ou direcione o mouse na tela gráfica e clique com botão direito. Configurações de arquivos, tela, salvamento, impressão, sistemas, tipos seleção.

Toolbar – Barra de Ferramentas que você pode personalizar a qualquer momento que queira ao clicar o botão direito do mouse em qualquer ícone da sua tela. Ativação do menus de controle ou (View→Toolbars)

Teclas de F1 a F11 no teclado com a BARRA DE STATUS Coordenadas F9 F7 F8 F7 F3 F11 F6 F12 Paper

F1---------------- Help F2--------------- Carrega a tela de texto (Script).

F3/OSNAP------ Aciona o quadro Drafting Settings OSNAP (comandos de Ancoragem) e ON/OFF OSNAP F4--------------- Aciona a mesa digitalizadora (se houver)(Comando TABLET)

F5--------------- Controla o ISOPLANE (Right/Left/Top) planos isométricos F6/DYN--------- Ativa/Desativa DYNAMIC INPUT - nos fornece uma interface de comando similar à

LINHA DE COMANDO, próxima do cursor.

F7/GRID------- Ativa/Desativa o GRID - Cria uma malha de pontos imaginários e não imprimíveis na tela gráfica.

F8/ORTHO----- Ativa/Desativa o ORTHO - Trava o cursor no eixo ortogonal, permitindo realizar linhas

mantendo-se no alinhamento.

perfeitamente retas ou execução de comandos de edição

F9/SNAP------- Ativa/Desativa o SNAP - Permite um deslocamento ajustável do cursor, dependendo ou não da marcação do Grid ligado ou desligado.

F10/Polar------ Ativa/Desativa Polar Tracking (exibe as posição corrente em coord. Polares) F11/OTRACK--- Ativa/Desativa Auto tracking (exibe projeções a partir de pontos de referencias de osnaps ligados)

F12/DUCS------ Ativa/Desativa - Permite um deslocamento ajustável através dos grips para ajustes e dimensionamento em uma referencia fixa das faces dos blocos 3D.

LWT------------- Ativa/Desativa o Line weight trace (exibe a espessura corrente pré determinada). MODE----------- Controla o uso do modo model space e paper space

SETTINGS- (ToolsÆDrafting Settings) / clicar Botão direito do mouse em cima de GRID, SNAP ou outro da barra de Status, acessando as caixas para configurações. Estes comandos na barra de status será de grande uso e todo o processo de construção de nossos projetos e desenhos.

entidades matemáticas contidas no desenho (acionado pelo teclado)

COMANDO REGEN - Provoca uma regeneração do desenho, isto é, regenerar significa recalcular todas as

PROMPT (Linha de comando) – Permanece normalmente na parte inferior do programa permite a visualização da digitação dos comandos, como coordenadas e descrição dos comandos e as respostas aos comandos feitos pelo AutoCAD. A partir do autocad 2006, com a introdução do DYN (Dynamic Input) veremos mais adiante com Entrada dinâmica de dados.

de command

O uso do prompt se tornou obsoleto para os mais experientes, mais continua muito importante para quem inicia em trabalhar com o AutoCad para melhor fixação das seqüências dos comandos e suas opções na linha Para desabilitar ou reabilitar a linha de comando, digite CTRL+9.

COMANDO LIMITS - Define os limites da área de trabalho. Seu uso é necessário, pois auxilia na regeneração da imagem. Quando acionamos o grid , o AutoCAD usa a área delimitada pelo comando limits para posicionar o grid.

COMANDO CLEAN SCREEN – Botão encontrado no canto inferior direito (View>Clean Sreen) – Esse comando podemos visualizar todo o nosso projeto na tela gráfica retirados todos os ícones e janelas acionados.

ESC Cancela o Comando Ativo – “CANCEL” ENTER Confirma a maioria dos Comandos e Ativa o último comando realizado.

O botão à esquerda é o botão de seleção do mouse ou um ponto de introdução. O botão do meio (se houver e se estiver configurado) do mouse +CTRL ativa os comandos de OSNAP

Botão Wheel - Botão “rolante” que girando obtém o similar Real time Zoom e pressionando-o obtém Pan

(move a tela) no desenho. O botão direito do mouse +CTRL ativa os comandos de OSNAP

O botão à direita aciona o menu flutuante - para corresponde ao < ENTER >, Undo, entre outras opções.

Sempre existe dúvidas, para começa a trabalhar com o Auto Cad, sobre, qual a unidade que se trabalha? Temos que considerar que, por exemplo, tivermos a distância entre dois pontos de 10 unidades, o AutoCAD interpreta esta unidade como adimensional ou seja, A leitura métrica real é o que você adota, será a leitura que você irá adotar desenvolver seu projeto. Se desenhar uma linha de 10 unidades podem ser 10 m, 10cm, 10m, 10Km, etc. Se criar uma planta de uma casa por exemplo, a unidade será metros, que o passo de 1 unidade seja

1m , deve considerar o seu projeto utilizando suas medidas em metros; 0,5m, 1 m, 10 m.

Quem trabalha na mecânica utilizará a unidade de milímetros, por exemplo 50 m equivalem a andar 50 unidades na tela do AutoCAD.

Neste momento podem achar um pouco estranho, falar sobre tamanho real, mas guarde que, sempre será melhor criar seus desenhos adotando medidas reais que você mediu ou adotou mediante uma unidade. Numa questão geral, o trabalho maior será quando tivermos que imprimir ou plotar o desenho em uma escala definitiva, mais isto veremos no final.

SÍMBOLOS ESPECIAIS Alguns símbolos/caracteres especiais podem ser introduzidos nas edições dos textos executados no

AutoCAD através de combinações de teclas. As principais são descritas abaixo:

%%C Æ obtém o símbolo de DIÂMETRO (φ);

%%D Æ obtém o símbolo de GRAU ( º );

%%P Æ obtém o símbolo de MAIS/MENOS ( ± );

NEW (File > New) Cria um novo desenho. Após aberto o primeiro – se a opção se Start Up

(Configurações de Options - System – startup), não estiver acionado “Show StartUp dialog

box” , ele pedira para abrir um arquivo template acadiso.dwt – também funciona aceitando com um <ENTER> , mas é melhor a apresentação caixa de dialogo tradicional.

OPEN (File > Open) - Abre um desenho já existente.

SAVE (File > Save)- Salva o “rascunho” (template) corrente. Se não foi dado um nome ao desenho, o AutoCAD lhe pedirá um nome. Lembrando que o AutoCad salva normalmente com a extensão .DWG e um arquivo .BAK que é arquivo de segurança, caso perda o seu desenho original ou aconteça algo que danifique seu arquivo, voce pode renomear o seu .BAK para .DWG e assim recuperar parte do seu desenho.

SAVE AS(File > Save As) - Tem a mesma função do comando Save, salvar um desenho.

Com a diferença de lhe perguntar o nome do desenho antes de salva-lo. OBS. Esse comando é principalmente utilizado para preservar o desenho já existente e renomeiando com outro nome ou outro local.

UNDO -Desfaz o último comando, para alguns comandos serve para desfazer a seleção, para o comando line especificamente dentro de seu comando ativo desfaz o último segmento de reta sucessivamente.

REDO - - Refaz o último comando desfeito pelo comando “UNDO”.

PLOT (File > Plot ) Plot (ou print ) Envia o desenho para que seja impresso em uma impressora gráfica ou plotter (impressora de grande porte), A opção de impressão será detalhada mais adiante.

PLOT PREVIEW (File > Plot Preview) Mostra como o desenho será visto quando impresso ou plotado.

PUBLISH (File > Publish ) Permite gerar arquivos em formato próprio para utilização em páginas de Internet.

(CUTCLIP – COPYCLIP – PASTECLIP) Permite como no formato tradicional do Windows Recortar – Copiar – Colar enviando para a área de transferência ou Recuperando.

EXIT (File<Exit AutoCAD) DISCARD CHANGES – Abandona a tela gráfica e não grava as últimas alterações feitas no desenho. SAVE CHANGES – Grava o desenho no disco e abandona a tela gráfica.

LINE Menu – Draw > Line Teclado: L <ENTER> (atalho)

Modelo:

Command: LINE <ENTER> LINE Specify first point: P1

(Clique com botão esquerdo um ponto na tela)

Specify next point or [Undo]:P2 (Clique com botão esquerdo um segundo ponto na tela)

Specify next point or [Undo]: (Para Confirmar a linha Tecle <ENTER>)

Funções Botão direito (Caixa Flutuante): ENTER: Confirma o desenho de nossa linha. CANCEL: Cancela o Comando Vigente. RECENTE INPUT: Podemos buscar os últimos pontos executados.

CLOSE: -Fecha um polígono unindo o último ao primeiro segmento. ( C, via Teclado ou acionando a caixa flutuante com o botão direito do mouse e selecionando a opção) UNDO:- Desfaz o último segmento desenhado (U, via Teclado ou acionando a caixa flutuante com o botão direito do mouse e selecionando a opção)

SNAP OVERRIDES: Para busca de ponto de precisão Acionamos com mais rapidez caixa de Osnap.

PAN e ZOOM: Aciona o comando PAN e ZOOM, para manipulação do desenho. Observações:

1 – Como a maioria dos comandos para finalizamos o comando teclamos <ENTER> .

2 – Se necessitamos de acionar novamente o comando, podemos teclar <ENTER> para chamar não somente o comando Line, mas qualquer outro comando acionado anteriormente.

3 – No caso específico de Line se clicarmos <ENTER> novamente ele irá buscar o último ponto da linha criado para continuar partir desse ponto. 4 – Se desejamos criar linhas retas tanto na horizontal como na vertical, podemos acionar o comando ORTHO na Barra de Status ou (tecle F8) para manter a nossa linha “presa” nos eixos ortogonais. Que será de uso para as coordenadas automáticas ou utilizar a “track” (trilha) com o comando polar.

ERASE Menu - Draw > ERASE Teclado: E <ENTER> (atalho)

Command: Erase Select objects:

(selecionamos o objeto ou entidade com um critério de seleção que veremos na seqüência e confirmamos com <ENTER> para deletar).

Nota: A remoção de entidades no desenho podem ser também realizadas através da tecla DEL, clicando em cima das entidades sem comando ficando acesso os “GRIPS” (normalmente quadradinhos azuis) e confirmando com o <ENTER> ele entenderá que queremos deletar os objetos selecionados. Pode-se tirar os “grips" clicando ESC(Cancel). Os Grips são ferramentas muito úteis, mas tarde veremos que podemos usar como forma de atalhos para muitos comandos do AutoCAD.

P1 P2

Quando se executa um determinado comando, e precisamos selecionar um objeto podemos: Por Default (padrão) o cursor troca para forma de um “quadradinho”

(Pick Box), e a expressão ‘Select Objects..’ é exibida na Barra de

Comando. Neste momento podemos selecionar entidades uma a uma os objetos a

serem trabalhados.

Windows - Captura entidades que estão contidas inteiramente dentro de uma janela de seleção, que você clique fora do objeto e enquadrando- ( da esquerda para direita e fundo da janela azul (default).

Windows Crossing – Captura entidades que estão contidas dentro da janela ou que cruzarem a linha tracejada de uma janela. (da direita para

a esquerda e fundo da janela verde (default).

Fence (f)- Captura entidades por uma linha imaginária. Após o Select Object - digite um “F”

First fence point:P1 Specify endpoint of line or [Undo]: P2

Specify endpoint of line or [Undo]: P3 Specify endpoint of line or [Undo]: P4 Specify endpoint of line or [Undo]: <ENTER> Para confirmar seleção Cpolygon (cp) - Captura através de um polígono imaginário o que contiver dentro dele ou que cruzarem. Após o Select Object - digite um “CP”

First fence point:P1 Specify endpoint of line or [Undo]: P2 Specify endpoint of line or [Undo]: P3 Specify endpoint of line or [Undo]: P4

Specify endpoint of line or [Undo]: <ENTER> Para confirmar seleção Wpolygon (wp) - Captura através de um polígono imaginário o que contiver dentro dele.

Após o Select Object - digite um “WP” First fence point:P1

Specify endpoint of line or [Undo]: P2

Specify endpoint of line or [Undo]: P3 Specify endpoint of line or [Undo]: P4

Specify endpoint of line or [Undo]: <ENTER> Para confirmar seleção

Outros: All - Seleciona todas as entidades em tela gráfica.

Last (L): Seleciona a última entidade desenhada, atualmente visível.

Previous (P): Seleciona o último grupo de entidades selecionadas por um comando de edição. Remove: Permite remover entidades selecionadas no comando em ação – adicione o R após o select object e selecione novamente para desmarcar a seleção.

ADD: Retorna ao modo de seleção normal após a utilização do Remove. – Adicionando um A após o remove select para voltar a seleção normal o select object.

Quando precisamos construir um desenho com dimensões exatas no AutoCAD, necessitamos orientar esta construção fornecendo dados de sentido e valores pelo mouse ou digitado através do teclado. É o que chamamos de entradas de coordenadas. Mesmo hoje com várias atualizações do AutoCAD, com algumas outras funções de facilitação de entradas de dados, o entendimento das coordenadas é crucial para o posicionamento e um bom desempenho na execução dos desenhos. Estas coordenadas podem ser absolutas ou relativas.

IMPORTANTE: - A virgula SÓ separa os pontos coordenados( X , Y) – em qualquer situação dentro do AutoCAD e o ponto separa números “quebrados” (mantissa), (por uma condição americana) EX. 54.87 – 12.14 – 34.69 etc. - A orientação X sempre será na horizontal –para direita valores positivos (+) - para esquerda valores negativos(-).

- A orientação Y sempre será na vertical - para cima – valores positivos (+)

- para baixo valores negativos(-).

Os pares ordenados sempre X e o primeiro termo e Y sempre é o segundo. (X,Y)

NOTA: A configuração sempre será pela orientação do plano cartesiano, seguindo o padrão matemático dos quadrantes tanto para as coordenadas absolutas ou relativas, isto é,

1º Quadrante (+X,+Y)- 2º Quadrante (-X,+Y)
3º Quadrante (-X,-Y)- 4º Quadrante (+X,-Y)

AS COORDENADAS ABSOLUTAS cartesianas trabalham como se fosse a introdução de coordenadas de pontos num gráfico, adicionando-se um ponto na tela ou teclando em pares coordenados X e Y, separados por vírgula.

Essas coordenadas tem como base o zero absoluto (Canto inferior esquerdo da tela gráfica) do

AutoCAD (interseção do eixo X com o eixo Y).

Command : LINE (Acionamos o comando line) From point: 0,0 <ENTER>

To point: 40,0<ENTER>
To point:40,10<ENTER>

To point: 30,10 <ENTER>

To point:20,50<ENTER>
To point:10,30<ENTER>
To point:10,10<ENTER>
To point:0,10<ENTER>
To point:0,0<ENTER> ou close
To point: <ENTER>finalizando

To point: 30,30 <ENTER>

As Coordenadas Absolutas são de pouca utilidade na questão de construção de desenhos, pois não propicia uma forma rápida de execução, por que sempre teremos que fazer cálculos em função das coordenadas absolutas x,y para traçar uma determinada medida, mas o seu entendimento se faz para necessário, para que possamos entender como o Autocad trabalha, e perceberemos que quando trabalhamos com coordenada relativa a não introdução do @ o autocad nos envia uma coordenada absoluta.

(Parte 1 de 8)

Comentários