Estruturas geológicas

Estruturas geológicas

(Parte 1 de 4)

• As rochas ocorre m co mo corpos ou maciçosrochosos, com limites

(contatos) com outroscorpos rochosos. Mostramestruturasinternas, resultado dos processos geológicos.

• Li mites entre corpos ou maciçosrochosos

• Tipos:

– discordante ou concordanteintrusivo –concordantes(entre ca madas de sedi mentos)

–incorfor midade

–contato discordante angular

–contato discordante erosivo

•Hiato: faltade registrogeológico

Tiposde Contatos

Inconfor midade basal Contato discordante angular

Contato discordante erosivo

Contatoconcordante(plano-paralelo)

Folhelhos e calcários alternados

Arenitosfeldspáticos e conglomerados

Arenitosfinos e siltitos alternados

Arenitos ver melhos, ci mentados

Diquede diabásio: Contato discordanteintrusivo

E mbasa mento cristalino (gnaisses, xistos, granitos)

Contato discordanteintrusivo do dique e mrocha meta mórfica

Contato Discordante Angular

Estruturas Pri márias

• São estruturasfor madas durante o processo de geraçãodarocha.

• Estruturas pri máriasígneas: estrutura vesicular e/ouamigdaloidal, estruturamaciça, estruturafluidal (quando aparece orientação porfluxode magma).

• Estruturas pri márias sedi mentares:

estrutura estratificada(oula minada, quando fina) e outrasestruturasregistradasdurantea deposiçãoe litificaçãode sedimentos(ex.:

marcasonduladas, gotasde chuva, pegadas e rastrosde fósseis).

Rocha Sedi mentar- Aca ma mento •

Basalto Vesicular Basalto Vesicular

Estruturas Secundárias

• Geradas por defor mação de rochas préexistentes.

• Defor mação elástica: reversível.

• Defor mação plástica: estruturas internas(foliação ou xistosidade de rochasmetamórficas) e as queafetam grandes corpos: dobras.

• Defor maçãorúptil: os corposrochosos sãoquebrados, aparecendojuntase falhas.

•Estrutura Gnaissica

Xistosidade, Estrutura filítica

•Ocorrem devido ao alinhamento planar de placas de micas e a presença de finas lamelas com composições distintas.

Mecanis mos de Defor mação

• Esforços aplicados a rochas: σ1 ≥ σ2 direções ortogonais entre si: valor positivo quando co mpressão, negativo quando extensão).

• P confinante oulitostática(nãotectônica) quando

–Resultado: compactação, mineraise rochas+ densosD

• Pressão dirigida(tectônica) quando σ1 ≥ σ2 > σ

–Resultado: deformaçãode rochas, ruptura, foliaçãoD

• Defor mação plástica por co mpressão: dobras, xistosidade.

• Defor maçãorúptil por co mpressão ou extensão: falhase juntas de diversostipos.

Forças co mpressivas

Forças extensionais Forças cisalhantes

D OBRA MENT O ESTIRA MENT O e AFINA MENT O CISALHA MENT O

Forças = Tensões

Plano Horizontal

(Parte 1 de 4)

Comentários