(Parte 3 de 7)

Para utilizar o Nesting você precisa calcular as peças desejadas e depois clicar no botão Nesting. Ao lado você pode ver a tela da função Nesting.

Como exemplo usaremos uma Curva de gomos em redução com cinco gomos e espessura de 3.2 m.

(4784.6 m x 1873.2 m)

Então para fazermos a distribuição das planificações utilizaremos duas chapas uma de 8000 m X 3000 m e outra de 6000 m X 2000 m.

§ Baixando as planificações na chapa:

Para baixar todas as peças vá até a pestana “Distribuir” e clique em “Baixar todas as peças” que todas as peças serão baixadas na chapa selecionada.

Distribuindo as peças na chapa: existem duas maneiras de distribuir as peças na chapa uma manual e a outra automática

§ Distribuindo manualmente:

Para distribuir as peças manualmente é só selecionar a planificação e movimentar com o mouse usando o botão esquerdo para mover e o direito para girar.

Selecionando as planificações: para selecionar uma planificação você deve pressionar Shift e clicar na planificação desejada (o mais próximo possível do centro da planificação), ou clicar na peça correspondente no quadro de peças baixadas.

Escolhendo uma chapa padrão: para escolher uma chapa padrão basta clicar no botão “Chapas Padrões” e escolher uma das opções e clicar em “Adicionar”.

Peças não baixadas Peças baixadas

Primeiro selecione a chapa (na área de chapas) onde você deseja colocar as planificações, depois na pestana “Planificações” clique duas vezes na peça que você deseja que seja baixada.

movimento

Na pestana “Mouse” você pode controlar a graduação dos movimentos das planificações, no nosso exemplo temos em “Girar” 10º e em “Mover” 100 m, note que ao lado está escrito Normal, isto significa que esse será o valor N do quadro de Movimento, se for selecionado L (lento) os dois valores serão divididos por 10, e se for selecionado R (rápido) os dois valores serão multiplicados por 10, portanto no exemplo temos em L 1º de giro e 10 m de movimento, e em R temos 100º de giro e 1000 m de Quadro de movimento:

No quadro de movimento estão as funções L N R já explicadas acima e as funções de zoom. O “Zoom” serve como um auxílio na hora de distribuir a peça e o botão “Ajustar” volta a chapa para o tamanho normal. Para auxiliar no zoom existe também a opção de se mover a chapa inteira ao invés da planificação, basta você clicar na caixa ”Trabalhando com a chapa” desta forma então você poderá mover a chapa inteira utilizando a mesma escala que estava habilitada para mover as planificações. Para voltar a mover as planificações basta desmarcar a caixa.

Coordenadas das planificações:

Na pestana “Chapa” você pode tanto ver quanto alterar as coordenadas da planificação selecionada tendo então “Distância X”, “Distância Y”, “Ângulo” e “Chapa”, todos podendo ser alterados, bastando apenas trocar o valor e depois clicar “Aplicar”. Use a opção “Chapa” para trocar a planificação e uma chapa para outra.

selecionada o centro da área de visualização

Nessa área também existem dois botões “Colocar a planificação visível” e “Centrar planificação selecionada”. O primeiro botão serve para quando você mover uma peça e ela se deslocar para fora da área de visualização clicando nele ela voltará para a área, e o segundo para você tornar a planificação

(4784.6 m x 1873.2 m)

Área ocupada pelas planificações

§ Distribuindo automaticamente:

Para distribuir as planificações automaticamente, baixe-as sobre a chapa desejada e vá até a pestana “Distribuir” lá então existirão as seguintes opções:

No “Menu” você encontra : Editar chapas padrões: onde você pode adicionar os padrões de chapa da sua empresa. Exportar DXF: salva a chapa selecionada em .dxf. Imprimir: imprimi a chapa selecionada. Sair: sai do Nesting para a tela inicial do programa

Tentativas: representa o número das tentativas de distribuição.

Simular: para ver a simulação ou não.

Irregular: ideal para peças de formatos diversos, pois executa as tentativas girando as peças de 90 em 90 graus.

Regular: ideal para peças de formatos similares, pois não gira as peças de 90 em 90 graus.

Gap: salto em m na busca do melhor encaixe final (quanto menor mais preciso, porém mais lento) aprox: salto em m na busca do melhor encaixe de aproximação (quanto menor mais lento).

Borda: espaço deixado na borda da chapa sem ser utilizado.

Borda peça: espaço mínimo que a distribuição automática deixará entre as peças (planificações).

OBS: se alguma peça não couber na chapa quando você selecionar para baixar todas as peças ela voltará para o quadro das peças não baixadas

Capítulo 4 _ CRIANDO SUAS PRÓPRIAS FIGURAS

OBS: é importante que antes que você já tenha um esboço da sua peça pronto e uma figura mostrando todas as variáveis da peça. Esse esboço pode ser feito a mão e depois scaneado ou pode ser feito em qualquer programa que gere imagens (Corel, Paint, Word, etc...).

Exemplo1: Como primeiro exemplo faremos uma figura simples para uma fácil compreensão do programa e depois faremos uma peça mais técnica.

Para criar suas próprias figuras clique no menu Programas/Editor de Cálculos.

Nome da peça: aqui será definido o nome da peça. Arquivo imagem da tela de escolha: aqui você colocará a imagem que deseja que a pareça na tela de escolha de figuras. Arquivo imagem da tela de dados: aqui será escolhida a imagem que aparecerá na tela de cálculos. Posição a esquerda da imagem: aqui você definirá a distância horizontal em pixels do canto superior esquerdo da figura com o canto superior esquerdo da tela. Distância superior da imagem da tela: aqui você definirá a distância vertical em pixels do canto superior esquerdo da figura com o canto superior esquerdo da tela. Cor de fundo: aqui se seleciona uma cor de fundo para a figura da

imagem selecionada)

tela de escolha (procure escolher uma que se pareça com a cor da

Nossa peça será simplesmente um retângulo com um círculo no centro. Primeiro faremos as figuras para serem utilizadas no CALDSoft.

Agora começaremos a desenvolver a figura no Editor de Figuras do CALDsoft6, primeiro você deve preencher os campos da pestana “Geral”.

· Adicionando variáveis:

§ Criando as planificações:

você coloca quantas planificações compoem a peça

Na pestana “Planificações” você criará sua ou suas próprias planificações começando pelo nome da planificação como no nosso exemplo existe uma planificação utilizamaremos o nome “Peça única”, no campo “Espessura” você escolherá uma das espessuras criadas no tópico anterior, em “Quantidade”

Depois de definir a(s) espessura(s) é hora então de definir as variáveis. Na peça que usaremos de exemplo teremos três variáveis A, B e D. Para inserir uma variável clique em adicionar, digite o nome, um valor de exemplo da variável e clique em “Inserir”. Para redefinir uma variável basta clicar duas vezes sobre ela, alterar o valor e clicar em “Alterar”. Em “Descrição” você pode colocar as descrições da variável.

Na pestana “Variáveis” você adiciona as variáveis da sua figura, a primeira variável a ser adicionada é a espessura. Clique em adicionar (+) e digite o nome e o valor da espessura.

No final a pestana “Variaveis” de nosso exemplo ficará assim:

Agora é a hora de traçar os pontos da sua peça. Para adicionar clique em “+” e digite as coordenadas X e Y do ponto. No nosso exemplo temos seis pontos, quatro para desenhar o retângulo e dois para fazer o círculo. Para colocar as coordenadas de X e Y, agora você vai poder utilizar as variáveis por exemplo o ponto 4 do retângulo tem em X a variável A e em Y a variável B

Você também poderá montar um cálculo usando as variáveis para desenhar um ponto, como foi feito para colocar um ponto no centro do retângulo (que será o centro do círculo), para definir isso vimos que o centro é um ponto na metade da base e na metade da altura então temos em X=A/2 e em Y=B/2.

Ponto 4 Ponto 5

Para montar um cálculo você tem duas maneiras: uma é digitando o cálculo no campo da coordenada e a outra é clicando em “Montar Cálculo” e montar o cálculo no gerador de cálculos. Para criar um cálculo no gerador de cálculos você deve dar dois cliques sobre a variável escolhida e depois aplicar as operações nescessárias, se for preciso você pode incluir outra ou mais variáveis no seu cálculo. Após o cálculo estar terminado clique em “Retornar Cálculo”.

· Criando Linhas:

(Parte 3 de 7)

Comentários