Slides - Classificação ABC

Slides - Classificação ABC

Uso da classificação ABC na farmácia de dispensação

Gerenciamento de estoque

  • Nos últimos anos  fundamental para os resultados de uma empresa

  • Otimização do estoque – diminuição de custos, através da maior eficiência operacional e de ganho de produtividade

Custo associado a gestão de estoque

  • É resultado da soma de diversos componentes como:

    • gastos com compra
    • gastos com o ressuprimento
    • custos de armazenagem
    • custos de falta do medicamento
    • perdas por perecibilidade

Classificação ABC

Classificação ABC - princípio

  • Vilfredo Paretto, um renascentista italiano do século XIX, que em 1897 executou um estudo sobre a distribuição de renda: a distribuição de riqueza não se dava de maneira uniforme, havendo grande concentração de riqueza (80%) nas mãos de uma pequena parcela da população (20%).

Classificação ABC

  • Permite identificar itens identificar itens prioritários quanto a ações de atenção, controle e redução de custos

  • Utilizada na administração de estoques, definição de política de vendas, estabelecimento de prioridades para a programação da produção e uma série de outros problemas comuns em uma empresa

Planejamento da Curva ABC

  • O processo de estabelecimento da curva ABC inclui as seguintes etapas:

    • Discussão preliminar sobre a necessidade da curva e definição de objetivos
    • Verificação das técnicas de análise, tratamento dos dados
    • Obtenção da classificação
    • Análise e conclusões
    • Providência e decisões finais

Planejamento da Curva ABC

  • Necessita:

    • Pessoal treinado e preparado para realizar levantamentos
    • Formulário para coleta de dados
    • Normas e rotinas para o levantamento de dados

Aplicação e Montagem da Curva ABC

Curva de Paretto para itens em estoque.

Classes da Curva ABC

  • Classe A:

    • Grupo de itens mais importantes  tratamento especial pela administração
    • Representam 8% dos itens
    • Correspondem a 70% do custo total

Classes da Curva ABC

  • Classe B:

    • Itens em situação intermediária, entre as classes A e C
    • Representam 20% dos itens
    • Correspondem a 20% do custo total
    • Revisão Contínua  visa obtenção de custos mínimos da gestão (lote econômico)

Classes da Curva ABC

  • Classe C:

    • Itens menos importantes  não justificam grande atenção por parte da administração
    • Representa 72% dos itens
    • Correspondem a 10% do custo total
    • Revisão Contínua  visa obtenção de custos mínimos da gestão (lote econômico), assim como a classe B

Aplicação da curva ABC ao Serviço de Farmácia

Curva ABC no serviço de farmácia

  • Facilita o controle de estoque

  • Diagnóstico do consumo de medicamentos

  • Permite a criação de programas de uso racional de drogas

  • Auxilia na avaliação da padronização de medicamentos

Referências Bibliográficas

  • BOWERSOX, Donald J.; CLOSS, David J. Logística empresarial – o processo de integração

  • da cadeia de suprimento. São Paulo: Atlas. 2001

  • CAVALLINI, M. E.; Busson M. P. Farmácia Hospitalar: um enfoque em sistemas de saúde. São Paulo: 1ª ed. Editora Manole. 2002

  • GIORDANI, Mário. A solução é ter fornecedor fixo. Jornal do Comércio. Porto Alegre. 25

  • set. 2003.

  • MARTINS, Petrônio G.;. Administração de materiais e recursos patrimoniais. São Paulo:

  • Saraiva. 2001.

Comentários